Publicidade

Publicidade
30/12/2009 - 01:03

Mãe chama polícia porque filho adolescente não desligava o videogame

Compartilhe: Twitter

Se você é fã de jogos de videogame e ainda mora com sua mãe, certamente deve tê-la escutado várias vezes mandar desligar o game. Mas para Angela Mejia, paciência tem limite. A dona de casa, que mora em Boston, EUA, resolveu ligar para a polícia porque seu filho de 14 anos permanecia jogando durante a madrugada.

Segundo o jornal Boston Herald, a gota d’água para Angela ocorreu no último dia 18 quando, no meio da madrugada percebeu a luz do quarto do garoto acesa, horas depois que ela o tinha mandado dormir.

Desesperada e chorando muito, Angela disse que a paixão do filho pelos games a deixa muito desanimada. “Eu tenho apoio da minha igreja, mas estou sozinha. Eu quero ajudar meu filho, mas não consigo encontrar um caminho”, desabafou ela.

Angela disse que a decisão de ligar para a polícia surgiu quando ela percebeu que o garoto estava jogando “Grand Theft Auto”, o famoso “GTA”, cujo enredo violento ainda desperta várias discussões sobre sua liberação entre os menores de idade.

“Eu nunca iria comprar esse tipo de jogo. De jeito nenhum. Liguei (para a polícia) porque, se você não respeita sua mãe, o que você vai fazer na sua vida?”

“Os adultos tendem a ver os jogos de videogame como isolador de experiências”, explicou Lawrence Kutner, ex-diretor do Centro de Saúde Mental e Mídia do Hospital Geral de Massachusetts. “Jovens, sobretudo os garotos, tendem a vê-los como experiência social”.

Para evitar problemas, os policiais apenas sugeriram que o garoto desligasse o aparelho e fosse dormir.

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Inusitadas Tags: , , , , , ,

Ver todas as notas

60 comentários para “Mãe chama polícia porque filho adolescente não desligava o videogame”

  1. Soldado says:

    Por isso existe tanta falta de respeito entre pais e filhos. Para uma mãe chegar ao ponto de precisar chamar policiais pra mandar o filho desligar o console, creio eu que, quem precisa de ajuda é ela, não o menino.

  2. Nano says:

    Depois que o garoto cresce e faz um monte de merda na vida, vão falar que a culpa é do videogame que ele jogava de mais os jogos violentos. Agora eu pergunto, onde está o posicionamento dessa mulher como mãe? Cade a imposição de autoridade? Também já fui extremamente fissurado em jogos, mas quando minha mãe mandava, ela não precisava de mais que um olhar ameaçador pra eu desligar rapidinho. Concordo que quem precisa de ajuda é ela, e não ele. Maldita mania essa de pais fracassados que acham que os jogos são culpados por sua incompetência.

  3. luucas" says:

    faz que nem meu pai
    desliga a chave geral da casa manolo
    riairairaiar

  4. dart says:

    “Eu tenho apoio da minha igreja, mas estou sozinha. Eu quero ajudar meu filho, mas não consigo encontrar um caminho”

    resposta para tudo, religião, aposto que a mãe e os ‘amigos’ da igreja dela devem fazer maior putaria pro pivete nao jogar nada e ir pro ‘culto’ que ela frequenta pra fazer uma lavagem cerebral como é toda religião.

  5. PC says:

    santa ignorancia

  6. Alex says:

    Primeiro, ao chamar a policia, a mãe demonstrou ao filho que não tem autoridade suficiente, e isso pode ter fortes consequências no futuro.

    Segundo, se o game é violento ou não, não importa, se tem faixa etária, então, ela nem ninguem pode reclamar da violência no jogo, ou culpar o jogo se o filho sair roubando carros por ai, por achar graça nisso.

    Terceiro, considero que a faixa etária dos games, funciona como a dos filmes, se tiver um adulto acompanhando, não tem problema.

    Deixar os filhos serem educados pela mídia, é um erro, e uma falta de responsabilidade. Usar games, ou a TV como babás…

    A questão é que uma criança não possue uma visão completa da realidade, não conhece o mundo como é, uma criança com TENDÊNCIAS agressivas pode conseguir o empurrão que faltava.

  7. PrimoO says:

    nada q uma surra nao resolvesse…

  8. PrimoO says:

    ta… nao precisava ser uma surra mas essa mae nao tem moral nem p falar “desligue” -__-“

  9. raphael says:

    Falta autoridade a esse mãe, primeiramente, pois eu sou gamer a mais de 25 anos, e quando minha mãe mandava eu desligar, eu obedecia…, e sempre gostei de games de luta, e nem por isso sou violento, ao contrario, sou bem pacato, o que faz a pessoa ser violenta ou nao é a criação e seu carater, e nao influencia de jogos eletronico, quem se influencia por isso é fraco de mente, so tenho isso a dizer…

    E essa mãe é uma bundona, se a minha vê uma noticia dessa ela dá uma surra nessa mãe para aprender a ter autoridade e nao ficar esperando “Deus” mandar no garoto… ahhahahahahhah

  10. […] This post was mentioned on Twitter by O Buteco da Net, Blogopolis. Blogopolis said: Mãe chama polícia porque filho adolescente não desligava o videogame http://bit.ly/8C9eQJ […]

  11. JAP says:

    Coloca a mãe no SACO !!!

    – 06 !!!
    – Fala Capitão !!!
    – Por gentileza, bota essa mãe no SACO !!!

  12. silmara says:

    jogar o console no lixo, que tal?!

    ou o console e os games brotaram do chão?! afff ¬¬

  13. piero says:

    puf! chamar a policia pra isso? WTF! soh nos states mesmo, quando criança “era” vicio nos games porém uma palavra e pronto eu tinha que desligar, e olha que antes os jogos eram pra MACHO, sangue, violencia, etc…

  14. Vanessinha says:

    EU METIA O CHINELO NELE…

  15. Vanessinha says:

    EU METIA O CHINELO NELA RSS

  16. Kinder says:

    Eu jogaria com ele *-*

    ou ficaria no quarto dele falando
    “mata aquele, corre, pega o carro, faz isso, faz aquilo”
    até ele cansar

    : )

  17. jonas says:

    puta mãe troxa
    chamo a policia e o caralho a quatro
    quando podia ter puxado a tomada…

  18. hector says:

    cade o pai desse guri ?

  19. Menina says:

    cadê o pai desse guri? [2]

  20. fabenrik says:

    Tem certas mães que só ficam satisfeitas quando o filho está no tráfico de drogas, ou roubando, assaltando.
    O fato de jogar GTA não o faz um marginal, da mesma forma ver um filme sobre o assassinato não provoca o mesmo nas pessoas.
    É só saber se impor se acha que está em demasia, informar que existem responsabilidades e que se continuar assim vai faltar com elas atrasando sua vida. Se não resolver quebra o videogame/pc e só compra um quando souber se comportar, mas imagino o que falam para ela sobre o jogo na igreja. Essa merda de religião que atrasa a vida dos outros.

    Fabenrik
    ateu e atoa

    • Mario says:

      eu tenho uma religião e ñ sou mente fechada
      concordo q filmes e jogos não tenham a ver com uma atitude psicopata
      mas vc ñ tem o direito de chamar uma religião de merda… seja inteligente e se recolha à sua ignorância, qm sabe vc se torne uma pessoa amável

      • Mario says:

        ah… agora q eu fui notar ae no seu link o site “ateu à toa”…
        se fosse responder ao meu comentário, nem se dê ao trabalho q eu nem tô afim d discutir, ok? =P
        q porcaria… e ainda cria um site pra isso

      • Frozus says:

        Não, recolha-se VOCE na sua ignorancia de religioso fanático, religiao é uma merda,me diz como pode na era da informação uma mulher com pensamentos medievais desse jeito, avisem ela q a idade das trevas já passou nao sei qual sua religião mas tem cara de Evangélico-Me-Mê-Sua-Grana , ou da Santa Inquisição Católica, deprimente, tomara que voce caia numa piscina de camisinhas xP , aki a opinião é pública, te liga mlk.

      • Mario says:

        incrível como pessoas q se acham donas da verdade são rudes.
        vc nem me conhece: não sou religioso fanático. Aliás, não sou “religioso”: o fato é que existe um Deus que me ama e a vcs também. Vou pedir pela sua(s) alma(s). Religião é um mero nome; eu sou um adorarador e filho de Deus. Que em 2010 suas cabeças se abram para o fato de que se não fosse Ele, nem existiríamos, e… que vocês venham a ser pessoas que saibam se comunicar descentemente. Vou parar de postar por aqui, não por falta de argumentos, tenha certeza, mas para que vocês possam refletir sem ficarmos no bate-boca de blogs (pq, ô coisinha mais sem graça isso). Feliz 2010 ^^v

      • Fagner says:

        Uma coisa é acreditar em Deus, outra coisa é acreditar em religião, não é necessário haver uma religião para que se haja uma crença. A religião atrasa o mundo e de fato distorce a verdadeira concepção do que é Deus, como se nós seres humano inferiores pudéssemos entender algo impossível de entender.

      • Mario says:

        XD eu num ia mais falar, mas cada hora aparece alguém diferente rs
        RELIGIÃO pura não é bom. Na idade média, por exemplo, os católicos mataram muitas pessoas =p. Mas acho que acreditar em Deus e que Ele deu um filho para morrer por nós não atrasa nada nem ninguém. Apesar de ser cristão protestante, não quero que me considerem “religioso”, porque para mim ser religioso, muitas vezes é acreditar menos em Deus. E o que me revoltou foram essas pessoas xingando as crenças alheias. Se ñ acredita, o problema é seu, mas não critique. Ou são tão ignorantes com todas as pessoas que os cercam?

  21. nando says:

    cadê o pai desse guri? [ 3 ]

  22. Débora (Maceio) says:

    Culpada e sempre a mae ,q não sabe da educação e nem impor limites ao filho.

  23. Guilherme says:

    kkkkk
    Se fosse eu, meu pai vinha ca sinta e minha mae com o chinelo =D

  24. É falta de laço! Só o que faltava: chamar a polícia por causa de uma coisa dessas.

  25. XXX says:

    Concordo em aspectos. O mundo nao evolui por causa da religiao. E ainda tem gente que a defende por inoscencia. É a religiao um dos motivos de guerras mais antigos no mundo que se pratica ate hoje. Quer ser religioso? Entao curta seu estar. Mas nao provoque guerras levando o nome de “guerras santas ou pacificadoras”.

  26. Nina says:

    cadê o pai desse guri [4]

  27. Vinícius says:

    Aposto que essa mulher tah fazendo essa onda mais na verdade tava querendo que o menino fosse dormir pra ela entrar no CS.

  28. José Luiz H. Ferreira says:

    Meu filho tem games, mas sempre tenho tempo pra levá-lo ao cinema ou à praça. Pais muito ocupados e ausentes pensam que a segurança de casa é tudo, quando estão fora. É duro receber depois de um convite um ”não,prefiro ficar jogando”. Até no fim de semana perde o filho.

  29. Altair says:

    …E a Bíblia continua com a razão: Proverbios 22.15 diz: “A insensatez está ligada ao coração da criança, mas a vara da correção a afugentará dela”. Tem também Proverbios 23.13 que diz: “Não retires a disciplina da criança; pois se a castigares com a vara, nem por isso morrerá.” Pois bem, se os pais não se impõeem sobre a criança, certamente haverá um dia em que apanharão do próprio filho na cara. Uma vara bem fininha não machuca, mas dói pra diabo, de forma que a criança terá respeito e educação. E tem mais… nunca abusar da correção. Uma ou duas varadinhas será suficiente para a criança nunca mais cometer o mesmo erro. E também nunca agradar ou pedir desculpas na hora; sempre esperar algum tempo até que a criança reflita sobre seu erro. Depois, sentar a criança em seu colo e dizer o quanto a ama e por quê foi necessário o castigo. Fazendo assim, teremos crianças amáveis e disciplinadas em nossa sociedade.

  30. GI says:

    Seja + mãe e jogue GTA JUNTO COM SEU FILHO!

  31. Leandro Leite says:

    cara isso é coisa de americano mesmo, se fosse no Brasil a mãe já tinha dado uma voadora nas costelas do moleque, queria ver só, isso por que lá se você esbarrar num pivete eles te botam em cana.

  32. margo says:

    Independente da religiao, o cerebro nao aguenta , tem e que da uns cascudos nesse muleque e mostrar quem esta no comando,quem o mantem? Quem paga suas contas? Se nao ta satisfeito va catar coquinho. Foi assim que criei os meus quatros; nunca ninguem me deu trabalho, moramos todos juntos ate hoje por opçao. Sera porque ? Alias… religiao pra que serve isso meso?????????

    • DaviNunkFoiSanto says:

      Margo…nem vo na igreja …mas …serve pra não ficar dando a buça descontroladamente e ter 04 filhos na juventude( Supondo q vç seja jovem, pois, sem preconceito…mas c vç for velha e comenta num blog jovem…Pinto pqno seu macho tem…

  33. […] ## PÃO IN FORMA ## ESPAÇO PUBLICITÁRIO ## NOTÍCIA QUE VAI MUDAR O SEU MUNDO Dona de casa chamou a polícia porque seu filho de 14 anos permanecia jogando durante a madrugada. ## PLUG AND PLAY Cientista Japonês se casa com mulher robô […]

  34. dam says:

    ôo lá em casa, já ta quase assim xD

  35. DaviNunkFoiSanto says:

    Queria ver qdo ela descobrir que ele bate punheta…………

  36. Alexandre says:

    “Religião chegou a convencer as pessoas de que existe um homem-invisível morando no céu, que vê tudo que você faz, todo dia, a todo instante. E esse homem-invisível criou uma lista de 10 coisas que ele não quer que você faça.Se você fizer uma dessas 10 coisas, ele tem um lugar especial cheio de fogo, fumaça, ardor, tortura e angústia, para onde ele te envia para sofrer e se queimar e se sufocar e gritar e chorar para todo o sempre até o fim dos tempos…mas ele te ama! Ele te ama e precisa de dinheiro!”

    George Carlin

  37. JP says:

    Esse moleque precisa é de uma “cóça” bem dada!

  38. Bia says:

    Resposta simples: “Tira o video game e a tv do muleque ué!”

    Ai ai.

  39. YuMI says:

    Era muito mais fácil tirar o videogueme da tomada¬¬
    E esconder………….

  40. Pandora says:

    Pelo amor de deus ela nao tem autoridade sobre o filho eu hein … desliga o video game e esconder ou qualquer coisa do tpw nao era mais faciil???/

  41. Juliana says:

    mais lá e Diferente da qii
    Eles nao podem bater aii se ela tira-se o video game ele ia bete nela xD Bizarro

  42. Guiroots says:

    Muito fácil, quer ver: Dalhe uma camaçada de pau bem dada quebra o play do pestinha, pronto resolvido o problema. Falta pulso firme.

  43. Amanda says:

    se nao pode da uma surra no filho entao desconta no video game po…….. quebra ele!! ou da ele p mim que eu guardo kkk

  44. GodOfMW says:

    OMG, que bando de reprimidos. Deixa o moleque jogar que não faz mal pra ninguém. Eu joguei muito Mário e só porque agora eu tenho uma vontade incontrolável de comer cogumelos, na esperança de crescer um pouco, não quer dizer que afetou a minha personalidade. ODEIO TARTARUGAS!!!

  45. LetBodiesFloor says:

    coitada desta mae…mas ai, jogo battlefield 3 no xbox e quando o pau quebra realmente é muito dificil desligar. nao sei o que eles fazem nos jogos mas é extremamente viciante

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo