Publicidade

Publicidade
09/04/2010 - 00:54

"Ferrari" lendária de "Curtindo a Vida Adoidado" vai a leilão

Compartilhe: Twitter

Os fãs de “Curtindo a Vida Adoidado” – clássico dos filmes adolescentes – têm uma oportunidade única neste mês. O glamouroso carro vermelho poderá ser arrematado em um leilão por valor entre US$ 30 e 40 mil.

O lendário carro foi feito especialmente para a comédia de 1986. No filme, Ferris acaba pegando a Ferrari 250 GT “emprestada” do pai do seu melhor amigo e juntos acabam, acidentalmente, jogando-a por uma janela de vidro.

Carros assim são raros e caros, por isso, a Paramount Pictures encomendou esta réplica para as filmagens.

Segundo o Daily Mail, o leilão ocorrerá em 19 de abril, no Museu da RAF, em Londres.

Autor: - Categoria(s): Cinema, Curiosidade Tags: , , ,

Ver todas as notas

25 comentários para “"Ferrari" lendária de "Curtindo a Vida Adoidado" vai a leilão”

  1. Samira says:

    Nesse ano eu ainda estava na barriga de minha mãe,… mas assisti tanto esse filme… amava o ferris(?)…

    Ai que saudades

  2. Bruno Brito says:

    O correto seria: Réplica de Ferrari lendária de ‘Curtindo a Vida Adoidado’ vai a leilão. Uma Ferrari destas por $30 mil seria uma pechincha!

  3. Daniel DOurado says:

    30 a 40 mil???
    Só???
    EITAPORRA um carro desses vale muito mais….

  4. Alexsandro Devita says:

    Na verdade é uma réplica da Ferrari, o veículo foi realmente feito para este filme, pois existem muitos poucos carros como este circulando por aí, e diga-se de passagem, ninguém em jogaria uma Ferrari tão rara como esta no quintal de casa, concordam??????

  5. Cao Sentado says:

    Nao quero nao. Esse carro ja caiu num barranco. Alem do mais a quilometragem volta quando eles dao re. Vao querer vender como 0km. E muito mais caro so pq o Ferris peidou no banco. Maior enganacao. Tou fora.

    • Jimmi says:

      Se voce não lembra eles tentam sem sucesso voltar o odometro da ferrari, causa dessa da raiva do amigo de ferris que começa a chutar o carro que sai do calço que estava em marcha ré e atravesa a vidraça da garagem e cai no barranco.

  6. Super says:

    Não tá caro hein?

  7. edloko says:

    prefiro um aston martim do q essa porcaria velha!

  8. Márcio says:

    tá valendo, só porque aquela gostosa da namorada do Ferris sentou naquele banco, nossa linda d++++++

  9. Márcio says:

    Tá valendo só porque aquela linda da namorada do Ferris sentou naquele banco

  10. Leandro says:

    Esse filme é foda!!! Mas do diretor meu predileto é O Quinteto!!

  11. leandro foose says:

    Se pensar que é uma replica, realmente é cara. Mas tratasse de replica da ferrari!!! E no mais, participou de ícone do cinema da década de 80. Um carro desse realmente não pode sair por menos. E se a gente parar para pensar, o chevette 1977 que participou do primeiro caldeirão do Huck, estava a venda por R$ 150 mil no mercado livre. E o mais incrível é que ele foi vendido para um colecionador.
    A replica da Ferrari 250 GT, está até barata!!!

  12. nina says:

    comprarei!

  13. Gustavo Maggi says:

    só 30mil??MUIIITO mais cara!

  14. Mariiia says:

    AHh mas são 30mil dolares, é barato, mas eu n tenho…

  15. Rafão says:

    Só isso, essa ferrari tá véi de mais, e deve tá cheia de massa, os cara chapiaram depois que ela caiu no jardim.

  16. René Prouvot says:

    No filme Ferris convence o amigo Cameron a emprestar a rara Ferrari 1961 de seu pai. “As tomadas de inserção da Ferrari foram feitas em uma verdadeira Ferrari GT California” – disse Hughes no comentário contido nos “extras” da versão em DVD – “Os carros usados em wide shots eram obviamente reproduções. Existem somente 100 desses carros, então é muito caro destruir um deles. Tínhamos feito algumas réplicas. Elas eram muito boas, mas para os closes eu precisava de um modelo real, então trouxemos uma para o cenário e fizemos as inserções com ela.”[27][28]

    O restaurador de automóveis Mark Goyette desenhou as peças para as três reproduções que foram usadas, e falou do destino que tiveram:[29]

    1. “Criada por Goyette, foi alugada à Paramount para as filmagens. É a única que salta pela câmera, e foi usada em quase todas as cenas. No final das filmagens foi devolvida para Goyette, com a descarga destruída e rachaduras na lataria. “Houve algum dano superficial, mas manteve-se surpreendentemente bem”, declarou. Foi consertada e vendida para um jovem casal da Califórnia. O marido mais tarde saiu com ela da estrada, e Goyette consertou-lhe a frente. Foi vendida em meados dos anos 1990, e teve notícias do carro por volta do ano 2000, quando perdeu contato com o carro.[29] Em 2010, entretanto, a réplica ressurge, desta feita no Reino Unido, onde um leilão da firma Bonhams ocorre no Royal Air Force Museum da RAF (Londres) em 19 de abril, com valores estimados de lances entre 30 a 40 mil libras.[30]
    2. Vendido para a Paramount, como kit para carro-dublê, foi feita em trabalho tão pobre que era praticamente inútil, a não ser saltar para fora da janela na garagem da casa de Cameron. Reconstruída, foi levada para o Planet Hollywood em Minneapolis, mas desapareceu quando acabou o Planet Hollywood.[29]
    3. Outro kit, a ser usado supostamente como reserva para a cena da queda na janela, nunca foi terminada a reconstrução. Goyette diz que ouviu dizer que foi terminada e vendida, mas que poderia estar ainda no acervo da Paramount.

    Fonte: Wikipedia
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Ferris_Bueller%27s_Day_Off

  17. ENDIM MAWESS says:

    ACHO QUE É HORA DE QUEBRAR O PORQUINHO, FILMÃO INEDITO NA SESSÃO DA TARDE

  18. Euo says:

    acho que 30 ou 40 mil os lances iniciais do leilão

  19. Até que enfim achei o que combina com a minha garagem!

  20. zeb naka says:

    no meu entender essa maquiina valemais de 450.000,00 dolares pela sua história.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo