Publicidade

Publicidade
11/10/2011 - 00:03

Desde os 8 anos, menino passa por tratamento para mudança de sexo

Compartilhe: Twitter

Há 3 anos, um garoto californiano de 11 anos deu início a um tratamento para mudança de sexo.

Thomas Lobel, que agora se chama Tammy, está passando por um tratamento hormonal bastante controverso, cujo objetivo é impedi-lo de atravessar a puberdade.

Lobel foi adotado por um casal de lésbicas, que contaram ao Daily Mail que a primeira coisa que ele falou foi “Eu sou uma menina“.

Segundo Debra Lobel e Pauline Moreno, mães de Tammy, aos sete anos, ele ameaçou mutilar seu próprio órgão genital. Logo em seguida, foi submetido a várias sessões com psiquiatras. Com oito anos, o tratamento para mudança de sexo foi iniciado.

Tammy recebeu uma medicação implantada em seu braço esquerdo para impedir que seus ombros se tornassem mais largos com o passar do tempo. Além disso, ela evitará que sua voz se torne mais grave e seu rosto ganhe traços mais masculinos.

O casal contou que recebeu várias críticas, inclusive da família e amigos, mas que não se abalou. “Todo mundo ficou com raiva de nós. ‘Como vocês podem fazer isso? Estão estragando a sua vida inteira’ diziam“.

Moreno contou que espera que essa mudança ajude o, até então menino, a ter uma vida adulta menos conflituosa.

Entretanto, se ele optar por parar com as drogas e voltar a ter aparência masculina, o casal afirma que ele pode entrar normalmente na puberdade e sua fertilidade futura não será afetada.

Caso você não saiba, San Francisco é uma das quatro cidades dos Estados Unidos com um hospital com um programa direcionado à crianças transexuais.

As crianças são assistidas por profissionais de saúde mental e, em seguida, tratadas por endocrinologistas pediátricos.

As outras cidades são: Boston, Seattle e Los Angeles.

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Inusitadas Tags: , ,

Ver todas as notas

74 comentários para “Desde os 8 anos, menino passa por tratamento para mudança de sexo”

  1. Jack Noir says:

    Boa sorte em conseguirem comentar isso sem transparecerem ser pessoas extremamente ignorantes em realação ao comportamento dos membros da própria espécie.

  2. Felipe says:

    Ficar em cima do muro nesta hora é típico de brasileiro. Jack Noir.

    Ta na cara que a influência dos pais conta muito na atitude da criança.

    Cada coisa que vemos!!!

    • Moon says:

      Então todos os gays o são porque tiveram pais gays??? Qual pai ensina um filho ser gay??? Se teu pai tivesse dito pra vc que vc deveria ser gay..vc o seria apenas porque ele ensinou?? Vc faz tudo que seu pai ensina ou manda vc fazer?

      • Saci says:

        Alguem quer sair do armário mas não tem coragem!!!

      • Estevão Trabalhos says:

        Não é questão de educação e sim de influência. Uma criança tende a observar, aprender e copiar o comportamento dos pais e tudo mundo sabe disso.

        Se os pais são violentos, seus filhos TENDEM a ter comportamento violento. Se os pais falam muito palavrão, seu filho vai achar normal falar palavrão.

        Se uma criança cresce com duas mulheres agindo como marido e mulher ela vai sim querer agir como mulher.

        Agora você já pode sair do armário, sem culpa.

  3. Belon says:

    EM MEIO A DUAS PERVERTIDAS COMO “PAIS” SÓ PODIA ACONTECER ISSO!

    E O ESTADO QUE DEVERIA PROTEGER DE UMA CRIANÇA DE SER ABUSADA E MUTILADA, APÓIA ESSA PERVERSÃO!!!

  4. Belon says:

    E vindo de uma criança que nao tem a figura paterna no lar, onde seu refenrencial sao duas lesbicas, só poderia esperar isto mesmo. Que Deus tenha misericordia desta criança.

    • Moon says:

      Então explica ai campeão por que famílias que são formadas por casal hetero tem filhos homo ou de transexuais? Mesmo tendo a figura do pai presente.

  5. rafael says:

    pai ausente da nisso…

  6. Alisson says:

    Pai ausente da nisso?
    Até meus 10 anos fui criado dentro de uma casa com 1 mãe solteira, 2 tias solteiras, 1 avó solteira, 1 irma solteira e mais 2 primas solteiras.
    E em meus 22 anos de vida devo ter feito sexo com mais mulheres que Belon e Rafael juntos.
    Não existe opção sexual, existe orientação sexual.
    Belon, pede um cérebro para o seu deus de mentirinha.

    • Erick says:

      A influencia dos pais afeta diferentemente cada crianca. Nem todas as criancas que tiveram uma infancia dificil, com pais agressivos ou ausentes se tornaram adultos problemáticos. Da mesma forma, nem todos adultos problematicos tiveram problemas na infancia. Os estimulos do ambiente(pais, amigos, e outros parentes) afetam diferentemente cada pessoa. Sinto pena dessa crianca. Acho que tal decisao deveria ser tomada apenas na maioridade, quando sua personalidade tivess totalmente formada.

    • rafael says:

      nunca disse que ser viado tem a ver com educação, acredito que seja biológico…
      o foda é que as sendo duas maes, muito provavelmente nunca tiveram experiencia com guri…

      meu primo já quase cortou o pinto porque queria ver crescer denovo… é normal muleque fazer isso, e com 8 anos a criança nem tem maturidade sexual alguma para decidir a própria orientação, vc simplesmente não sabe o que ta fazendo… tqanto é que só na puberdade vc começa a se interessar por gurias de verdade, antes disso é puramente social, você vê, e quer imitar, puro aprendizado.

      acho um absurdo submeter a criança a um tratamento de troca de sexo, se ela quiser, ela que o faça, não algo que os pais acham melhor…

  7. Thamos says:

    O SABE TUDO, Gostaria de saber como ficou sabendo quantas vezes os outros dois fizeram sexo ou como você conseguiu a prova de que Deus não existe,

  8. DaviNunkFoiSanto says:

    Pow…mas o mulek é mais apresentável como menina msm……

  9. TOTAL ALIEN says:

    BIZARRO !!!

  10. prih. says:

    Quanto mais eu vivo, menos a vida faz sentido para mim..
    Meu Deus esse mundo esta perdido. Desde quando uma criança de 8 anos sabe o que é melhor para ela.
    A falta da imagem paterna pode não ter influenciado o menino, mas com pesou para ele só se aceitar como “menina”.

  11. lucy says:

    Esse menino de 11 anos ja usa droga?
    (Entretanto, se ele optar por parar com as drogas e voltar a ter aparência masculina, )
    tambem da pra ver que é um garoto problematico coitado e ainda criado por lesbica só tinha que dar nisso

  12. jr says:

    EU DUVIDO Q SE FOSSE UMA FAMILIA NORMAL “HOMEM E MULHER” TERIA ACONTECIDO ISSO COM ESSA CRIANÇA!!!!!!!!!!!!!!!

    • Fernanda says:

      Isso mostra que você não acompanha o site/blog a muito tempo, à alguns meses houve outra matéria sobre um garoto, com pai e mãe, que estava passando pelo mesmo processo. Eu citei a parte sobre pai e mãe?

      • Juses Crosti says:

        Se for a matéria que eu estou pensando foi um caso muito diferente. Naquele caso o garoto só queria se vestir de mulher num concurso (coisa muito comum no carnaval no Brasil onde homens se fantasiam de mulher). Em nenhum momento ele quis fazer tratamento pra mudar de sexo ou se sentia uma menina.

  13. Maldito says:

    Legal…. se é isso que ele (a) quer!!! Que seja uma pessoa feliz!!

    Cada um faz o que bem entender de sua vida e as pessoas deveriam cuidar mais da sua própria do que “cuidar” da vida dos outros!!!

    O livre arbítrio é isso aê!!!

    “Se quer cuidar da vida dos outros, pague as contas dela”.

  14. Estevão Trabalhos says:

    KKKKKKK… Alisson Owned!

  15. Airton says:

    A dúvida é:

    Ele foi adotado por um casal de lésbicas, e decidiu ser “menina”

    Se ele fosse adotado por um casal de gays, ele optaria ser menino?

    Outra questão:

    Se a criança tem vontade própria, ela pode decidir qual médico consultar, ou qual escola frequentar, ou necessita de orientação?

  16. Deyta says:

    Criança com oito anos não tem como decidir o que quere ser. Esse casal está satisfazendo um mimo de criança. Absurdo!

  17. Carlos says:

    Vocês são tão ignorantes assim mesmo ou é só hobbie? Não é porque a criança quis mudar de sexo, que é só ela ir a um hospital e pronto. Passa por psicólogos, psiquiatras e várias pessoas qualificadas para decidir se isso é o melhor para a criança. E não, morar com duas lésbicas não influencia em nada no comportamento. Quantas pessoas são criadas só pela mãe e é heterossexual? Vocês que viajam.

  18. totti says:

    Ele ainda continua tendo corpúsculo de Barr.

  19. Denis says:

    primeira foto… elton john detected!!!!

    ashauhhsauhhsu

  20. Tom says:

    Ninguém leu a parte que o mlk iria mutilar o órgão genital dele? E que ele passou por tratamento psiquiátrico?

    Ter duas mães pode sim ter influenciado o mlk mas a questão é que ele se sentia uma menina, fazer o que, talvez a opinião dele nunca mude…

    É claro que uma criança de 8 anos não sabe o que é melhor para ela, mas não é disso que se trata, afinal se ela for hétero no futuro, não será melhor do que ninguém, e for homossexual, também… de qualquer forma ela vai passar dificuldade na vida… todo mundo passa, o caso é que agiram de forma que o mlk se sentisse bem consigo mesmo, e em primeiro lugar vem o bem estar né?

    Para as duas mães aí deve ser isso o que importa…

  21. Joel says:

    Podem me criticar mais na minha opinião essas mulheres são umas malucas e se realmente o mlk quer ser menina ele foi influenciado por alguma coisa. Esse tratamento só poderia ser permitido para adultos!

  22. Fernando says:

    Ele quer virar menina pra virar lesbica

  23. Gabriel says:

    Surpreso com o baixo nível de conhecimento das pessoas onde os argumentos para explicar tal fato são “pai ausente dá nisso!!” “filho de aberração só pode ser outra aberração”…
    Triste. sem argumento, os ignorantes apelam para a crença popular.
    A imagem dos pais tem muito mais influencia na formação do caráter do ser humano e nenhuma relação com a orientação sexual do filho. Os pai podem sim ensinar o que a sociedade tolera e o resultado é o que se ve em alguns comentários acima: pessoas com pouco informação transmitindo pedaços defeituosos de informação herdado de pais acéfalos. Sim….Porque o seu jeito de pensar com uma lesma irracional foi herdado do seu pai, não o seu gosto por homem/mulher.

    • Gabriel says:

      Enrustido????? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Não te devo satisfação alguma sobre minha sexualidade pois, ao meu ver, quem tem algum conflito aqui é vc! E pior, o conflito é entre os dois unicos neuronios que vc tem!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  24. Thamos says:

    É fato que uma criança nesta idade no Brasil, não pode votar, dirigir ou ser responsabilisada por uma série de coisa muito mais importantes, como pode ser capaz de decidir algo crucial para o resto de sua vida. Acredito sim, que o fato dos “pais” serem um casal de lébicas possa ter influenciado nas escola e na decisão de aceitar e financiar a escolha assim tão cedo.

    • Gabriel says:

      Essa criança NASCEU com “problemas”. Nasceu com uma mente feminina dentro de um corpo masculino.
      Se os pais influenciam tanto assim, Tammy Gretchenn, filha da popular cantora e dançaria dos anos 80 gretcheen, seria uma promiscua igual a mãe…e não é!!!
      O meio onde se está inserido é uma influencia, mas não tão forte ao ponto de determinar se um individuo é hetero ou homossexual.
      Muitas outras crianças nascem com o mesmo “problema” e são filhas de pais heteros.
      A notícia ganhou mais visibilidade porque os pais são um casal de lésbica, mas isso poderia ter acontecido com qualquer um. É falado na reportagem que a criança ameaçou se auto-mutilar. Ao meu ver, essa casal foi muito carajoso e sensato ao encaminhar essa criança a medicos e psicologos que encontraram um caminho melhor para o “problema”.

    • Edu Rodrigues says:

      Eu acredito que isso é falta de uma figura masculina (por mais que uma lésbica se ache o “homem da relação”, ela nunca será um). O menino cresceu acreditando que duas mulheres é o meio correto de se viver e decidiu que ele era uma também. Não, não estou sendo preconceituoso. O que é necessário saber é que uma criança não é um mini-adulto, mas sim uma cabeça em formação e não é normal para uma criança ser de um determinado sexo e crescer vendo que à sua volta julgam normal ser de outro sexo e homossexual.
      Não, uma criança jamais está pronta para lidar com isso (até os adultos estão vendo isso ser imposto através de leis).
      Façam um levantamento de quantas dessas crianças que passam por esse programa são filhos adotivos de conviventes homossexuais e verão o quanto isso pode afetar a cabeça delas.

  25. Luiza says:

    O mundo jaz no maligno mesmo…

  26. Shi says:

    O Mundo jaz no maligno mesmo….
    http://www.parana-online.com.br/editoria/policia/news/112633/?noticia=PAI+ESTUPRA+E+ENGRAVIDA+A+PROPRIA+FILHA

    mas quem disse que a culpa é dos homossexuais?

    [2]

  27. Gabrie says:

    MENTIRA!!!
    SÉRIO?
    ESTÃO ME CENSURANDO???????
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    O POVO PODE FALAR UM MONTE DE ASNEIRAS PRECONCEITUOSAS E, DIGA-SE, ALGUMAS ATÉ IMORAIS E CRIMINOSAS, E EU, SEM OFENDER NINGUEM, ESTOU TENDO MEUS POST APAGADOS????

  28. Gabrie says:

    Meu caro, visivelmente vc tem problemas em aceitar o que o outro é. provavelmente resultado de conflitos internos que tentam nega no outro o que vc é no íntimo. è compreensivel vindo de alguem que deve ter tido pais com o mesmo nível de conhecimento que resultou nessa sua mentalidade infantil, preconceituosa e ditatorial das coisas,,,uma mentalidade carente

  29. Gabrie says:

    continuando…..

    carente de aducação e sobre respeito a essas diversidades.
    Respeito muito a opinião dos outros. O que não tolero é falta de maturidade e preconceito com um tema tão delicado como esse.
    Se não é capaz de pensar e dar uma opinião coerente e racional, melhor cala a boquinha e fica quetinho.
    PS: piadinho sobre restart só denuncia seu nível intelectual baixo.

  30. GabrieL says:

    Não sei se vc percebeu, mas eu digitei rápido o que, em muitas vezes , resulta em erros de digitação, tanto que até dividi o post em dois sem querer hehehehehehhe

    MAS, infelizmente, meus erros de digitação NÃO DÃO CRÉDITOS A SUA FALTA DE ARGUMENTOS. hehehehe o que eu vou espera de alguem que ainda faz piadinha de restart, neh kkkkkkkkkkkkk

    • Estevão Trabalhos says:

      mimimi… percebeu… mimimi… erros… infelizmente… mimimi… argumentos… mimimi… restart…

      vlw “aducação”! KKKKKKKKKKKKKKKKK

  31. Juninho says:

    E se na hora que ele tiver “consciência ” disso ele quiser voltar atras?vai virar sapaata igual as duas. ai o circo ta completo.

  32. GabrieL says:

    Acabo de perceber que estou batendo boca com alguem de 9 anos.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Estevão Trabalhos says:

      uuuuuuuuuu! Nossa… fiquei ofendidão… chamado de criança por uma pessoa muito “ADUCADA”! kkkkkkkkkkkkkkkk

  33. GabrieL says:

    O garoto da matéria deve ser bem mais maduro do que muitos aqui.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Fernanda says:

      Enrrustido detected! Ooo meu querido, ta muito enjuriado com a parte gay da matéria, não? Essa revolta toda ai, sabe o que que é? É quando o cara sente aquela vontade louuuuca de dar aquilo que nunca deu pra outro homem(o CORAÇÃO [gente maliciosa]) e não tem coragem e começa a chingar tudo quanto é gay que teve coragem de deixar o armario e nunca olhar pra traz. Então querido, se solta essa franga que todo mundo sabe que é isso que tu quer.
      Agora sobre o menino trans, só o que eu posso dizer é: Viva e deixe viver. As mães já levaram pra tratamento psicológico e ele ainda quer ser uma menina? Entao deixa ele ser uma menina ué. Pode até ser que sendo rodeado de mulheres isso afetou a mente da criança e ele se sentiu excluido do meio, e viu isso como a unica forma se fazer parte da família, mas isso, ao meu ver, é muito melhor do que o garoto ficar largado num orfanato até os 18 anos e depois disso ser chutado sem casa e sem emprego. Se existem pessoas que são hipócritas o bastante pra reclamar da falta de pessoas que queiram adotar e depois reclamam porque um casal gay adotou uma criança, e ainda dizem que são evangélicos/católicos/whatever, vocês não creêm em deus nenhum, vocês só acreditam nos próprios egos.

  34. Pedro Menezes says:

    Por isso que tem que ser proibido casais homo adotar criança, ela ainda na na fase de formação de carater e tá na cara a influencia das 2 sapatas….
    Morte aos homo, seres abominaveis !!!! Vamos pra rua bater nesses doentes ,vamos destruir todos ….

    • GabrieL says:

      ho ho ho ho

      De todas as asneiras que eu tiver a desagradável missão de digerir essa foi, sem dúvida, a pior.
      Tem certeza que os “abomináveis” são os homossexuais? Acho que não heim.
      Abominável aqui é essa sua maneira nazista de pensar.

      A sociedade está mudando, meu caro.
      Uma garota lá em cima comentou que “o mundo jas no maligno”….estou certo que se existe um tal “maligno”, VC O DEFINE PERFEITAMENTE.

  35. Raphaella says:

    À todos que postaram comentários homofóbicos aqui:Voltem para a idade da pedra lascada!!!Se bem que ,até os homens das cavernas seriam mais atualizados que vocês!

  36. pois é says:

    Dizem que ele ouve muito restart…

  37. Taiko says:

    Meu!!!! dentro do quartinho “entre quatro paredes”, vocês podem fazer o que quiserem dos seus corpinhos peludos, mas eu não sou obrigado a aceitar essa propaganda pró homoafetivismo…..

  38. bin says:

    meu deus o garoto nao saiu da infancia… quem eh o retardado q fomenta isso?? 8 anos porra!!!!! tem gente defendendo isso mesmo?

  39. Juses Crosti says:

    É impressionante como os homossexuais e simpatizantes querem doutrinar os heteros a GOSTAR do homossexualismo. Se não gosta de ver 2 pessoas do mesmo sexo juntos é taxado de homofóbico, atrasado, homem das cavernas, irracional, evangélico, religioso radical, fora os xingamentos…

    Os homossexuais são muito mais desrespeitosos na defesa de seus “ideais” do que os héteros ao dizer que não gostam disso…

    Eu posso respeitar um homossexual (não vou xingar, não vou agredir), mas não sou obrigado a achar NORMAL ou GOSTAR disso! Deu pra entender ou quer que eu desenhe???

  40. David says:

    A questão fundamental é se o garoto quis mudar de sexo por influência (ainda que indireta) das mães. Eu acredito que sim, e neste caso elas estão completamente erradas, seria o mesmo que pais heterossexuais ficassem tentando fazer lavagem cerebral para o filho não ser homossexual.

    É exatamente por causa deste ponto que eu discordo que casais homossexuais possam adotar uma criança, todo o restante dos direitos civis eu sou favorável.

    • Felipe Stein says:

      Sou homossexual, tenho 19 anos, sou técnico ele Eletrônica na Fiat em Betim-MG, estudo Eng.Eletrônica e de Telecomunicação e concordo em parte com o que você disse. Tenho vontade de adotar um menino, não agora, mas daqui a alguns anos quando minha vida estiver mais estabilizada. Gostaria de jogar bola com meu filho, jogar videogame, ver meu timão ganhar, beber umas cervejas juntos, coisas que meu pai nunca fez comigo. Mas tenho uma controvérsia em se o ter um pai gay vai influencia-lo a ser homossexual, não por influência diretamente minha, mas por ele achar que é o certo. Concordo que o restantes dos direitos civis devem existir para nós, mas a adoção ainda tem que ser muito discutida e estudada.

  41. Bruno Camargo says:

    Eu só acho que deixar uma criança tomar qualquer decisão assim é absurdo.
    E não difere em nada das crianças que no seculo 16 “escolhiam” ser castradas para virar grandes cantores de ópera.

    Deixar uma criança escolher qualquer coisa além do sabor do sorvete é uma burrice tremenda.

  42. Juliano says:

    Concordo que 8 anos é MUITO cedo para tomar decisões desse tipo, que na minha opinião é perigosa, hormônios não são brincadeira, e que TALVEZ a convivência com mães homossexuais tenha influenciado nessa decisão de um menino que nem passou pela puberdade para saber o que “prefere” na realidade. Mas não vejo motivos para as pessoas se incomodarem tanto com os homossexuais (a propósito, e sou). Com quem eu durmo ou vivo ou deixo de dormir é problema somente meu, não afeta mais ninguém. Além disso, a pessoa nasce gay, não se torna gay por influência dos outros .. mas voltando ao caso do menino, acho precoce demais para tal decisão 😀

    • Prof. Pasquale says:

      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKkk
      essa historia de nascer gay é a maior mentira de todos os tempos…

  43. qjo says:

    Chuckie Finster

  44. silvinho says:

    É impressionante como os homossexuais e simpatizantes querem doutrinar os heteros a GOSTAR do homossexualismo. Se não gosta de ver 2 pessoas do mesmo sexo juntos é taxado de homofóbico, atrasado, homem das cavernas, irracional, evangélico, religioso radical, fora os xingamentos…
    Os homossexuais são muito mais desrespeitosos na defesa de seus “ideais” do que os héteros ao dizer que não gostam disso…
    Eu posso respeitar um homossexual (não vou xingar, não vou agredir), mas não sou obrigado a achar NORMAL ou GOSTAR disso! Deu pra entender ou quer que eu desenhe???[2]

  45. comentarista says:

    Pessoas frustradas que necessitam provar para si mesmos que existem.

  46. mILE says:

    Ta de jeito que o diabo gosta, distorcendo todos os princípios de Deus. Deus criou Adão e Eva e não Adão e Ivo.

  47. dougraph says:

    eu ja li sobre isso e muito comu ate em familias com pais heteros filhos de 4 , 5 anos quererem ser do outro sexo .e algo normal ,e como diz na materia o meninoso vai para a purberdae ate os 18 ,depois ele decide se quer ou nao virar mulher.

  48. Juliano says:

    Existem várias espécies animais com comportamentos homossexuais, será que alguém ensinou isso pra elas? O dia em que as pessoas pararem de se preocupar com a vida dos outros o mundo se tornará muito melhor … pessoas que chamam outras de anormais, isso sim é um problema pra sociedade !

  49. Henrique says:

    Nascer negro e fazer tratamento para virar branco é ser preconceituoso, mas nascer homem e fazer tratamento pra virar mulher é normal… tem aguma coisa errada nisso.

    As pessoas mais preconceituosas que existem são os homessexuais, pois eles são preconceituosos com eles mesmos, com seus próprios corpos. Nascem de um jeito e querem mudar, não se aceitam…

    Essa criança pode fazer todo tipo de tratamento e cirungia, ela nunca vai ser uma mulher!!! Entendam isso e se aceitem do jeito que vocês são!!!

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo