Publicidade

Publicidade
13/10/2011 - 00:03

Empresa japonesa vende réplicas perfeitas de rostos por R$ 6 mil

Compartilhe: Twitter

Já imaginou ter uma réplica perfeita do seu rosto em casa? Graças à empresa japonesa REAL-f, por R$ 6.720 você pode encomendar sua própria máscara em três dimensões. O curioso, é que ela é uma cópia absolutamente realística do rosto humano. E se quiser a sua cabeça inteira, com cabelo e tudo, basta desembolsar cerca de R$ 10 mil.

As máscaras, batizadas de 3DPFs (3 Dimension Photo Forms), são produzidas numa resina de cloreto de vinil esticada sobre um molde.

Segundo a empresa, a revolucionária tecnologia é única no mundo. Até as veias que atravessam o rosto e os pelos são reproduzidos.

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Fotos Tags: , , ,

Ver todas as notas

15 comentários para “Empresa japonesa vende réplicas perfeitas de rostos por R$ 6 mil”

  1. Mulambo says:

    É bom fazer uma dessas pra qnd envelhecer…

  2. Fernando says:

    farei uma mascara do brad pitt e comerei varias xotas

  3. DaviNunkFoiSanto says:

    Eu ia dizer que era uma parada inútil mas ao ver a foto dos Potter com o filho do dono da Galeria Pagé….

  4. eddie says:

    Isso pode ser um perigo em mãos erradas…

  5. Débora *Maceió** says:

    Meio estranho…

  6. Kanguru The Power Guido says:

    Queria uma réplica perfeita da perereca da minha vizinha gostosona!!!

  7. Rei says:

    vai ter nego assaltando banco com o rosto da Dilma!

  8. comentarista says:

    Até que pode ser útil para algumas mulheres não muito (binitas) pedirem emprestada para uma amiga menos feia.hehehe!

  9. GabrieL says:

    Tá com cara de fake.

  10. rafaella says:

    esses japas inventam cada coisa…

  11. JR says:

    Ahhh tá!
    Então na última foto a galera gastou R$24mil pra fazer uma réplica duma cara feia daquela…??

  12. Adevalci says:

    É bom fazer uma para o cara de pau do autor desse blog!!

  13. Rômullo says:

    10

  14. Hellen says:

    Tem que ser japonês…

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo