Publicidade

Publicidade
04/11/2011 - 00:03

Arquiteto japonês cria casa em minúsculo pedaço de terreno

Compartilhe: Twitter

Você já deve ter escutado que espaço no Japão é um item absolutamente raro. Qualquer pedaço de chão precisa ser muito bem utilizado, o que faz com que surjam obras capazes de nos deixar surpresos.

Um bom exemplo disso é a criação do arquiteto Kota Mizuishi. Em um minúsculo pedaço de terreno, ele ergueu uma casa completa, com direito a cozinha, banheiro, quartos e sala de jogos. Tudo isso avaliado em US$ 200 mil.

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, impressionante Tags: , , , ,

Ver todas as notas

145 comentários para “Arquiteto japonês cria casa em minúsculo pedaço de terreno”

  1. fernandohg says:

    wow parece tao grande…..

  2. 1up says:

    A questão desses “criações” de arquitetos não é o espaço.

    O que ocorre é que o preço pra se montar uma casa dessa e muito alto.

    Ou seja, se vc tem mt dinheiro a ponto de conseguir gastar com isso, então na verdade não precisa construir uma casa em tão pouco espaço.

    Ou vice versa: Se você não tem dinheiro pra comprar um terreno maior, então não terá tb pra construir uma casa como essa.

    • Keep says:

      Ah seu nerd… Senta lá !

      • DaniBoy says:

        não é ele o nerd, ele falou a verdade, tu que é ignorante =D

        • jonathan says:

          sim ele é o nerd: inteligente o suficiente para perceber uma verdade e falar um comentário inteligente.

          mas numa coisa vc esta certa , o outro é ignorante, e como o cara que “xinga” o outro de nerd usa um memê (senta la claúdia foi criado por nerds para nerds meu filho)

          • RBorges says:

            Na verdade o valor da casa é baixo. O comentário não foi inteligente pois considerou a média de preços de casas no Brasil e essa casa foi feita no Japão, um país com densidade populacional muito elevada e que sofre com falta de espaço para construções, então, consequentemente, seus terrenos e suas casas tem um dos preços mais altos do mundo. Por exemplo, uma casa com 110 m² no japão pode chegar a custar aproximadamente 1 milhão e 200 mil dólares americanos (dependendo do local). Portanto esses 200 mil dólares que vocês consideraram um absurdo, é um valor realmente muito baixo.

    • Trololó says:

      Não acho que o preço para se montar uma casa assim seja alto… O que está sendo valorizado aí é um projeto de originalidade do arquiteto.
      Se vc levar em conta a disposição de alguns elementos construtivos nela, como paredes, telhado, piso, vai ver que essa casa tem no máximo uns 110 m2, não deve possuir ambientes suficientemente confortáveis para mais de 4 pessoas e não tem terreno algum!
      isso tudo por 400 mil reais?

      Fala sério…

    • Renato_kami says:

      é por isso que esse tipo de casa se chama de “modelo” é a mesma coisa com as roupas de desfile de moda…ninguem usa a roupa inteira mas uma ou outra idéia é usada para ditar toda a “moda” que se ve na rua na proxima estação

      • trololó says:

        pode crer, pode crer, esqueci deste detalhe…Por ser modelo, vc extrai tudo o que for de inovação dela.

    • SJ says:

      Desculpe, sem querer ofender mas, você fala com total desconhecimento da realidade do mercado imobiliário do Japão. Nas grandes metrópoles japonesas o terreno é extremamente valorizado. Isso se deve facilidades de acesso que uma grande metropole oferece criando uma grande especulação imobiliaria. Um terreno com boa localização, mesmo que seja pequena, é super valorizado.
      É muito comum no Japão comprar um terreno para construir a sua própria casa. Caso haja qualquer construção nela as empreiteras as derrubam para erguer uma inteiramente nova. Construir uma casa nova é relativamente barato em comparação ao preço do terreno, uma vez que boa parte dos componentes de uma casa japonesas são pré-fabricadas. Algo que você não entende sobre japoneses é que eles pagarão um bom preço por um pequeno terreno para construir uma casa se a localização lhe agradar.

  3. Casa do Lago says:

    Doida demais,parece aconchegante!

  4. cleyton says:

    Realmente ficou muito bom o trabalho do cara.
    Somente uma pergunta que não quer se calar:
    Será que aguenta uma chuva de vendo ?
    A estrutura, o desenho, o material usado. creio que não suportaria uma ventania ahuahuahuhuahua.

  5. Jeehssikinhah says:

    NUSS SUPER LEGAL!!!PARECEENORME

  6. De fora parece muito pequeno, mas olhando por dentro até que é espaçosa.

  7. Raoni Nery says:

    é maior que muito apartamento construido aqui no Brasil e vendido a preço de ouro

  8. Devan Norato says:

    hahaha… muito bom..

  9. 25vm says:

    Os móveis devem ser menores para parecer mais ampla a casa

  10. Fellipe Parlandi says:

    maior que meu barraco

  11. fabio says:

    so achei estranho aquela parte dos brinquedos.. as crianças tem q subir aquela escada pra brincar? que perigo… e outra, tem uma foto q aparece a cabeça de um gato 😛

  12. Fernando says:

    alguem sabe em q lugar do Jp fica essa casa?
    mto legal o estilo, so achei estranho entrar na casa pelo quarto… rs

  13. Marcio Dutra says:

    As fotos que mostram as camas deixa claro que não é possivel.

    A casa por fora, tem no maximo 2,5m de largura.
    Por dentro, alem da cama (minimo 1,80) temos um espaço de aprox. 1,5m e ainda todo o espaço da escada…..IMPOSSIVEL.

  14. Leidoseno says:

    Pessoal vcs estão esquecendo q isso é no japão… e o salario la é alto convertendo pra reais…um trabalhador (sem mão de obra especializada) ganha mais ou menos 1000 yens por hora
    q daria 20 reais por hora

  15. BIG BENGA says:

    Tenho a impressão que a casa não tem o banheiro?

  16. Ramon says:

    Por 400.000,00 não vejo genialidade alguma queria v com o preço de uma casa popular o que ele faria!

  17. Ripper says:

    Mew, eu moraria sem problemas numa casa assim, muito legal !

  18. Mariana says:

    Vocês só estão esquecendo que a casa é cara por ser no Japão e lá comprar casa/terreno é realmente muito caro. Pode chegar a custar o quádruplo de um terreno “normal” aqui e lá ainda o “normal” ser menor.

  19. aline says:

    kd plantas e cortes dessa casa? WANT!

  20. Olá

    Muitas fotos, realmente bonitas, MAS CADÊ A INFORMAÇÃO??
    ONDE FICA, quando foi construída, alguém mora lá…

    Abraço

  21. Claudia says:

    A questão é que ninguem mora em um lugar onde não tem espaço para guardar tralhas…. rsrsrsrs pratos, roupas, de inverno e verão…. de cama e banho… etc etc.. sapatos, etce tec

  22. Will Souza says:

    Boa casa, mas 200 mil tá caro.

  23. kemi says:

    até que 200 mil nem tá tão caro…. ‘-‘ e realmente… espaço lá é complicado… quando estive lá, muitos lugares não tinham nem calçada para ter mais espaço para casas o.o

  24. TyO says:

    A casa eh lindinha. O preço esta ótimo se for em Tokyo ou Osaka, onde o terreno eh muito caro. Sem contar que a forma como foi construída e o nome do arquiteto, pesam no valor da casa.
    E não sei onde brasileiro vê tanta “falta de espaço” no Japão. Concordaria se falassem de Tokyo, que eh lotadíssima. Mas o povo vem falar que o JAPÃO não tem espaço. kkk Esse povo esta precisando viajar e conhecer o mundo e saber o que rola no mundo alem do que passa na TV

  25. fernando says:

    E o banheiro??

  26. leoO says:

    Tão pequena e mesmo assim é maior que a minha casa

  27. Clarissa Duarte says:

    Respeitei. Bom trabalho. Eu comprava. Quanto menos espaço, menos tem o que limpar. hehe

  28. Rafael says:

    É maior que a minha!!!!

  29. João Edu says:

    Para quem pediu banheiro, plantas, cortes, localização…

    http://www.dezeen.com/2011/10/31/house-in-horinouchi-by-kota-mizuishi/

    Reportagem completa

  30. julio says:

    tem barracao aki no brasil que é menor do que isso so pq é no japao o povo fica surprendido

  31. Jefferson says:

    200 mil dólares por uma casa dessas é baratíssimo. No Brasil sairia pelo menos o dobro.

  32. Gabs says:

    Não esta muito diferente a algumas construções nas favelas espalhadas aqui no Brasil

  33. Hugo says:

    Tá maior que a minha casa hua hua hua, tá ótimo!

  34. matheus says:

    simplesmente genial

  35. Layla says:

    A impressao que tive foi de que sao duas casas diferentes, a minuscula fotografada do lado de fora e a pequena fotografada do lado de dentro. Rs.. O fotografo foi genial, usou os angulos certos para dar uma nocao de espaco que nao tem como existir, no interior da casa.

  36. ingrid says:

    nossa que legal,ele fez uma casa gigante em umterreno minusculo.

  37. ze says:

    Perfeita pra Santos/SP.

  38. Rayane says:

    Ta parecendo a tenda do harry potter.

  39. juarez says:

    O importante é que a mente do proprietario de tralhas, cfe. comentário feito. A mente tambem tem que ser Zen, pois o
    importante é se viver com espaço, usando-o bem, sem ..
    necessidade de preencher vazios mentais com objetos materiais. Mudanças de atitude são vitais.

  40. raphael says:

    Todo mundo fez mil comentários, mas ng reparou que atrás da casa tem um terreno duas vezes maior que ela de jardim?? WTF?? Porque não tirar aquele jardim ali de trás e aumentar a casa?

  41. Pedro says:

    @raphael
    Talves aquele jardim possa ser de algum outro proprietario sei la =)

  42. Apolonio says:

    Espetacular este projeto,este engenheiro deveria ganhar um prêmio pela invenção

  43. Érry says:

    ah, os japoneses… são demais

  44. rayssa says:

    Mais a casa fico uma fofura !

  45. Olani Soares de Oliveira says:

    Vocês tem como mostrar o projeto com as medidas? Ou podem indicar uma forma de conseguir este projeto? Sou moradora da periferia de Fortaleza, para mim é importante conseguir este projeto e as medidas, quem sabe não faço igual??? Nunca se sabe!!!! A idéia é muito interessante!!!!!!

  46. Muriel Dias says:

    Demais!!! Um super aproveitamento de espaços…!
    Tem muitas casas gigantescas que não tem esta graça nem tão pouco o aproveitamento que esta casa tem…este arquiteto deveria ganhar um PREMIO por inovação e perspicácia…EXCELENTE PROJETO…amei…!

  47. Famscrow says:

    Terreno lá de casa tem 1180 m² com 180 m² de casa e nem de longe é tão massa quanto essa casa aí. Rs

  48. Alcéa says:

    Só não vimos o banheiro… como será?
    Ou não percebí?
    Mas adorei o projeto, muito bem bolado.

  49. orlando julio says:

    Seria muito legal aqui no Brasil as medidas dos nossos terrenos daria para contruir várias casas para vender ou alugar. Já vou pranejar meu futuro.

  50. Thaís Lombardi says:

    Que absurdo! É nítido que o espaço interno não é condizente com o

  51. Thaís Lombardi says:

    Que absurdo! É nítido que o espaço interno não é condizente com o que se vê de fora. Observem a largura do dormitório. E o padrão de acabamento interno da casa, nada tem a ver com o externo.
    Vejam as duas estruturas metálicas redondas que aparecem na terceira foto, ao lado do que seria a varanda da casa, essas estrutura não aparece na primeira foto, aliás, na primeira foto, aparece apenas uma estrutura metálica, em local diverso.
    Além disso, o prédio que se vê atrás da casa na primeira foto, não é o mesmo que aparece nessa mesma localização na terceira foto. Nada tem a ver com nada. As fotos internas podem ser de uma mesma casa, mas não dessa, que aparece por fora nas imagens. Jamais!

  52. Victor says:

    Thaís dando uma de arquiteta hahaha, sem medidas sem comparações cara amiga
    Aliás, uma casa como essa no Japão é luxo

  53. Kibe says:

    Japônes,tudo pequeno,né!!!!!!!!

  54. Kibe says:

    Esse japa não inovou nada;alguem já entrou numa favela;tipo Heliópolis,fazendinha e outras…o que muda nesse projeto é o material utilizado…Heliópolis por exemplo tem casas de 4 andares num espaço menor e não é barraco não….é casa de alvenaria com bom acabamento,portão elétrico e tudo mais.

  55. Thaís Lombardi says:

    Oi Jean, eu reparei em tudo o que podia… e Não acho que seja a mesma casa, sorry…

    • Rf says:

      Também concordo com a Thaís. Reparei bem e não senti muitas semelhanças entre o exterior e o interior da casa. As fotos 4 e 5 são uma prova de que o que se vê no exterior (o jardim) – através das janelas – não guarda compatibilidade entre as fotos externas da casa.

      Outro exemplo é a foto 11. O quarto demonstra ser enorme… Até o chão amadeirado é possível de se acreditar… Agora essa extensão que dá espaço a uma larga escada já não demonstra ser verdade.

      Resumo: o interior não é compatível com o interior. Falso!

  56. Thaís Lombardi says:

    Oi Vitor, não estou dando uma de arquiteta não, longe de mim, minha especialidade é outra, bem adversa por sinal. Eu não disse que o ambiente interno mostrado nas fotos, não exista, essa casa pode até existir, e achei de bom gosto até; só não acho que seja a mesma mostrada por fora. Dei apenas a minha impressão pessoal quanto ao que vi, sem necessidade de comparações ou cálculos milimétricos para tal…
    Se ter uma casa como essa no Japão ou na Maracangalha, não vem ao caso, a pauta é outra. Se eu estiver enganada, me retifico. Não tenho intenção de criticar ninguém não, apenas não me convenci.

  57. hipercurious says:

    kkk no brasil, um cara pobre sem estudo consegue projetar casas penduradas em morros rssr isso ai que japa fez é besteira perto do nosso jeitinho brasileiro kkkkkkkkkkkk

  58. Thais Cristine says:

    Gente, existe uma técnica de fotografia, para fotografar de forma que o ambiente fique maior. e muito usada em fotografias de hotéis etc. ;D

  59. Romualdo says:

    Porque naquele terreno tem a plantação de maconha do Raphael…………Dãaaa

  60. shady says:

    por fora parece pequeno,mais por dentro fico muito grande,eu qe moro ne um barraco acho espaçoso de mais mesmo tendo 3 comodo

  61. LMenezes says:

    Essa casa é ótima! Moraria nela fácil bem pequena, sem ter que arrumar! Coisa que qualquer solteiro quer!

  62. Manuel Santos says:

    Só podia ser de um crânio japonês!!!!!!!!!

  63. Nathalia says:

    Na foto 11 tem um gato.

  64. vitor amadeu says:

    350 mil reais numa casa de 100 metros quadrados ta caro? Pois eh 3 vezes mais barato do q apattamentos do mesmo tamanho em sp, q dependendo da localizacao podem chegar a 1.2 milhoes de reais.. ta barato e podem ter certeza que eh facilmente finaciavel pra quem recebe o salario minimo japones…

    • Vivendo no Japao says:

      Nao faco ideia de onde vc mora, mais provavelmente nao comprou casa no Japao,e se comprou o ‘seu’ salario minimo japones deve algo fora do normal. Eu comprei terreno e construi casa e garanto pra vc q as coisas nao sao tao faceis assim.
      O financiamento nao sai com tanta facilidade e dos que conseguem, muitos perdem por falta de condicoes de manter em dia seus compromissos.

  65. fabio says:

    Não tem casa de banho ?

  66. Morando no japao tambem says:

    O preco nao esta sequer fora do normal para o padrao de uma grande cidade japonesa e pelo tamanho da casa.
    Com salario de 600 mil ienes (classe media alta japonesa?) eh facil comprar uma casa dessas.

    Em sao paulo, dependendo da regiao, o valor nao seria nada absurdo tambem.

  67. Rafael says:

    cadê o banheiro???

  68. @lokosdeuruguaia says:

    CORRÃO PARA AS COLINAS… É VDD… NA FOTO 11 TEM UM GATO! O.o

  69. Sarah says:

    Cara.. isso ta muito estranho..

    Olha a foto do quarto com a cama.

    Não caberia nem uma cama ali, ainda tem espaço envolta!
    Acho que é fake..

  70. katia says:

    Crânio é o fotógrafo, que conseguiu fazer a casa minuscula, parecer gigante….

  71. qual a área do terreno. e área construida

  72. Kooiti says:

    para quem duvida, acesse o site do arquiteto:
    http://www.miz-aa.com/WORKS/jutaku/horinouchi/horinouchi-02.html
    para ver as outras fotos, clique na imagem logo abaixo da foto (tanto do lado direito como esquerdo).

  73. Luiz Fernando Tupinambá says:

    Tambem não vi banheiro.Ao traduzir do japones vi a metragem do terreno e da area construida,
    Terreno: 52 metros quadrados
    Construção: 29 metros quadrados

  74. Luiz Fernando Tupinambá says:

    Area útil: 55 metros quadrados

  75. Caco says:

    Mto bom,
    agora, impressionante mesmo é como tem “j”ênios e “sabidos” q criticam absolutamente qq coisa ao invés d fazer melhor, afinal falar é fácil…

  76. GEYSON MONTE says:

    Mas o que é que aquele gato preto está fazendo no topo da escada??? He,he,he.

  77. Só mesmo uma sociedade que já passou por inúmeras dificuldades como guerras, Hiroshima , etc, desenvolve este enorme senso de coletividade, aprovando nos órgãos públicos, com abertura de criatividade e sofisticada simplicidade . Muito bom.
    Estamos 500 anos atrasados.
    VIVA O POVO BRASILEIRO
    Até daqui + 500.
    Brandi

  78. brenice franz says:

    muitooo showw..queria uma dessas

  79. freire says:

    Arquitetura é isso. Criar espaço p/o homem contemporâneo viver, atendendo todas as suas necessidades. Não importa o terreno.

  80. clara says:

    Eu adorei a criatividade, e sempre me supreende o que um arquiteto Japonês é capaz de fazer em um pequeno terreno^^
    E respondendo a pergunta sobre o banheiro a foto é essa >>>> http://www.miz-aa.com/WORKS/jutaku/horinouchi/horinouchi-10.html

  81. carlos says:

    Muito, mas muito legal

  82. Helcio Reggiani Lopes says:

    Esse arquiteto é craque. Mas a casa que ele fez só é própria para pessoas jovens e ageis. Conte os lances de escada e veja se estou certo. Helcio.

  83. Carlos Gouveia says:

    Aqui no Brasil, principalmente em Porto Alegre, a prefeitura jamais daria o Habite-se para um conjunto (casa-terreno) assim.

  84. Marcos Cunha says:

    Projeto muito legal, com a única ressalva de entrar pelo quarto… Mas o engraçado do comentário anterior sobre habite-se. Esse projeto nunca seria aprovado pelas leis de zoneamento brasileiras, mas favelas e invasões irregulares tudo bem… é dificil ese país…

  85. Fabio Santos says:

    Fenomenal! Faz-nos questionar o facto de que não é necessário uma mansão de enormes áreas para conseguir viver. Esta moradia chega bem para uma pessoa singular ou até para um casal com 1 filho. E em tempos de crise temos que deixar a ideia de que vamos ter uma enorme casa… uma assim chega perfeitamente !

  86. Meire says:

    No primeiro momento eu achei esquicido nem consegui acreditar no que esta vendo se for verdade o arquiteto do projeto esta de parabéns eu achei fantástico.

  87. estas soluções de originalidade peóderiam ser laregamente usadas para construção de penitenciárias,a fim de abrigar toda bandidada que aparecesse,sem desperdiçar terreno,naturalmente com todo aparato de segurança totral e irrestrita.

  88. arquiteto japones says:

    Muito prático. Gostaria de ter uma assim na praia.
    Tânia Alves
    Porto Alegre-RS

  89. helena says:

    excelenteeeeee!!!!

  90. Dalva Cristina says:

    Simplismente nota 10. Gostaria muito de ter uma dessa lá em Barra do Garças-MT para contemplar o rio.

  91. sergio macedo says:

    É impressionante como a mente humana, se utilizada para o bem, faz maravilhas como essa. Talvez um de n´´os, mortais comuns, não colocasse nequela nesga de terra, nem um carrinho de cachorro quente.

  92. Geralda says:

    adorei!!!! vamos fazer algumas assim? resolveria muitos problemas

  93. Maria Eugenia says:

    achei simplesmente fantastico esse exemplo poderia ser seguido pelos politicos.

  94. João G. Pontes says:

    Todos os elogios foram feitos; porem sem conhecimento das dimensões , espaço , pé direito? com uma rua na sua janela a menos de dois metros , só num lugar muito seguro .
    O conforto ambiente ,circulação do ar, os limites de afastamento? e acredito que ninguem gostaria de alguem olhando dentro de sua casa… apesar do aproveitamento somente para um lugar muito frio.

  95. ADRIANA says:

    OLHA É UMA COISA INACREDITAVEL ,MAIS PARA CONSTRUIR UM PROETO DESSE AQUI EM GARANHUNS TERIAMOS QUE GASTA QUANTOS MIL?

  96. ADRIANA says:

    SABE NE TIRA UM DUVIDA,ONDE ESTA O BANHEIRO?

  97. Jorge - PR7JP says:

    Excelente. E a planta com os detalhes de todas as partes, inclusive o Banheiro

  98. renato gomes santos says:

    Está comprovado, mais uma vez, que tamanho não é documento e muito menos “IDH” (Índice de desenvolvimento Humano).

  99. Fantástico! Isto que é síntese, o resto e…resto!
    Só não entendi onde se senta pra assistir TV!

  100. LAISA DA SILVA CASTELLI says:

    Fiquei em estado de choque ! E, logo pensei, O PROJETO MINHA CASA, MINHA VIDA, ficou no chinelo !!!!! Porque nosso governantes não aproveitam e renovam as ideias geniais para usál-las nos projetos NACIONAIS !!!!! Acabariam com todas as favelas brasileiras (SONHAR AINDA NÃO PAGA NADA !!!!!!!!!!!!!!!!!)

  101. Geyson says:

    Ficou muito bom! Japones tem cada ideia boa né. Mas tenho uma pergunta. Cade o banheiro???

  102. Aki em casa éssa segestão Japonêsa é bem oportuna!!! Sensacional, Pabéns aos seus autores!…

  103. irancwb says:

    Uma câmera fotográfica, com boa abertura, e tirada num ângulo junto à parede , transforma espaços restritos e salões extraordinários. É um artífice utilizado pelo marketing de empresas construtoras para “empolgar” (…ou é enganar?) a clientela.
    Na real, acredito que deve ser um cubículo mesmo.
    Mas, em todo o caso, vale a criatividade.

  104. loreni says:

    como disseram algumas pessoas, um máquina fot. boa faz milagres e aquele quarto infantil, só serve pra criança brincar pois se crescer um pouco já bate a cabeça nas laterais, no contexto geral a ideia é muito boa;;

  105. Carlos Czymoch says:

    Aos que estão perguntando sobre o Banheiro e o Projeto é só procurar um pouquinho que se acha tudo:
    http://www.dezeen.com/2011/10/31/house-in-horinouchi-by-kota-mizuishi/
    Ou veja se gestão deste outro apto. veja o vídeo.
    http://www.youtube.com/watch?v=balWlPCZgTM&feature=related
    ou melhor vejam este:
    Um apartamento incrível, num espaço minúsculo
    http://www.youtube.com/watch?v=t22oo3trJyM

    abraços

    Carlos

  106. ADJAIR MOMO BERTOCHI says:

    SO QUEM CONHECE O JAPÃO SABE O QUE SIGNIFICA UM METRO QUADRADO DE CHÃO, E QUEM ESTA ACHANDO UM CUBICULO VAI TRAMPAR E MORAR NO JAPÃO. ASSIM PELO MENOS VAI DAR MAIS VALOR NO BRASIL, APESAR DOS POLITICOS QUE TEMOS.

  107. ALEXANDRE says:

    VÁ EM QUALQUEr FAVELA CARIOCA, QUE VCS VERÃO A CRIATIVIDADE E O QUE É EFICIÊNCIA !!!

  108. Com o advendo do Projeto Circuito Tambor, vejo o caso como grande referencia para projetos a população do meu local de estudo.

    Eduardo Manoel

  109. Pedro Bulande says:

    Achei muito interessante, a maneira e a atitude do arquitecto, o modo como ele usa o pouco espaco que tem! Devemos aprender mais a explorar os pocos espacos k temos!

  110. To says:

    Se fosse a mesma casa seria uma maravilha

    • jorginho says:

      Concordo…não creio q sesa a mesma casa…nao colocam a metragem, a largura, comprimento…pelas fotos externas o interior não pode ser aquele…não é só ângulo fotográfico, é enganação mesmo…

  111. César Augusto Westin says:

    KKKKK, alguém falou em “nossos governantes” ???

  112. Marii says:

    Não gostei mas minha opinião não conta, porque eu detesto qualquer tipo de apartamento, mesmo espaçoso, o que direi uma casa desse tipo.
    O que vale aí é a criatividade e o aproveitamento do espaço. Realmente no Japão o espaço tem que ser muito bem aproveitado porque a dimensão do país minúscula.
    O Brasil tem defeitos como qualquer lugar, mas o espaço que temos compensa muita coisa. Eu nascí no Rio, crescí e vivo em casa com terreno e jardim. Não há país desenvolvido que pague a minha necessidade de respirar e não ver gente muito perto de mim quando olho em torno da minha casa.

  113. Manolo Silveiro Cachafeiro says:

    Muito bom o aproveitamento da pequena área. Com isto podemos desenvolver projetos para pequenas áreas que sobram nas cidades, após a realização de grandes obras e a desapropriação de terrenos. Manolo

  114. Toninhobira says:

    Sensacional esta partilha deste projeto, que ideias como esta tenham incentivos na redução dos custos para melhorar a vida do povão.Valeu Humberto.

  115. Ildo Carlos Boscolo says:

    Parabéns ao Arquiteto pela criatividade, temos incontáveis áreas idênticas a esta do projeto na cidade de São Paulo, que poderiam ser criados projetos semelhantes.

  116. José Rubens Teixeira says:

    Esta matéria vem de encontro, com o slogan de nossa empresa, o Magazine Luiza, que é o ‘Fazer mais com menos”.

  117. Felipe says:

    Parabéns ao Japa. Agora imaginem se ele estivesse que aprovar o projeto aqui no Brasil….mais precisamente aqui na “Fortaleza Bela” kkkkk, recuo de frente, recuo lateral, recuo nos fundos,…… previsão de alargamento da via, projeto de estação de tratamento de esgoto, etc,…… aí sim ele seria genial.

  118. ROSELI COELHO says:

    MAGNÍFICA.

  119. Maria Correia says:

    Não fiquei convencida. Do lado exterior não se vê aquel, ainda que pequena, varanda junto ás portadas de abrir. Vendo o projeto desde a entrada onde surge uma televisão (sem sofá!!!) até ao final da cozinha, onde está a escada de acesso àquele quarto de duas(!!!) camas? HUmmmm!!! Aqui há gato!!!! Isto par não falar no banheiro, claro.

  120. Clarice Azul says:

    Uauuuuu, extraordinário esse projeto! Tô fazendo um duplex e minha visão minimalista tomou fôlego. Genial! Pra quê juntar tralha?

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo