Publicidade

Publicidade
01/07/2013 - 00:02

Arte de rua: Sua cidade poderia ser mais animada se tivesse essa ‘cara’

Compartilhe: Twitter

Se sua cidade está um pouco triste, ela poderia animar seus habitantes se alguns artistas fizessem isso o que você verá neste post.

Autor: - Categoria(s): Fotos Tags: , ,

Ver todas as notas

11 comentários para “Arte de rua: Sua cidade poderia ser mais animada se tivesse essa ‘cara’”

  1. Naldoartt says:

    Senti falta de artistas brasileiros, como Os Gemeos, Eduardo Kobra, com quem trabalho, Ninna e entre outros.
    http://misturaurbana.com/wp-content/uploads/2013/02/Kobra-Niemeyer_By_Alan-Teixeira-01.jpg
    Uma das nossas obras por São Paulo

  2. Jonas Bloch says:

    Acho isso uma tremenda falta de civilidade, isso é marginalidade camuflada em arte. Daqui a pouco têm cadáveres de vítimas de assassinos empilhados como uma “obra de arte”. Se eu pego um marginal na minha rua fazendo essa “arte” eu sento a porrada até cair o último dente da boca imunda e nojenta do animal. E quem não gostou deixo meu endereço pra discutirmos de forma menos civilizada:
    Rua Oscar Negrão de Lima, 200. Vão se arrepender de terem nascido.

  3. fanii says:

    Prefiro isso a ter uma cidade cinza, poluída, inexpressiva.Isso é arte sim,pois todas as outras se tornaram elitizadas,essa é popular e simples e alcance todos os tipos de pessoas.

    Jonas Bloch,vc fala de falta de civilidade,mas o seu comentário já um grande exemplo disso.

  4. Ayahuaska says:

    Excelentes!
    Sinceramente, um melhor q o outro.

  5. João P. says:

    Seleção foda mano! vlw

  6. Savio Lima says:

    Aqui em BH temos um dos melhores artistas de ruas da atualidade! Vamos valorizar!!!!
    http://eusr..wordpress.com/2013/03/nilo-zack-eusr-0b.jpg

  7. Lauro says:

    Essas artes são tão bonitas que qualquer idade gosta quando vê por perto.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo