Publicidade

Publicidade
03/02/2014 - 12:19

Vídeo: Crianças trocam socos em sala de aula enquanto professora ignora e continua a aula

Compartilhe: Twitter

alunosbrigando
Uma cena pra lá de inusitada tomou conta da internet no início desta semana. Nela, dois garotos trocam socos dentro de uma sala de aula, enquanto a professora simplesmente ignora o fato e continua conjugando verbos com os demais alunos da turma. O episódio absurdo foi gravado por uma outra criança.

Autor: - Categoria(s): Flagra, Video Tags: , , , , ,

Ver todas as notas

25 comentários para “Vídeo: Crianças trocam socos em sala de aula enquanto professora ignora e continua a aula”

  1. V disse:

    Eu não sei como funciona mas um professor pode colocar a mão num aluno para puxá-lo ou empurrá-lo duma situação tipo separando uma briga ??.

    • Firmo disse:

      Seguinte, se ele fizer alguma coisa ta ferrado, se não fizer ta ferrado também… então deixe que se matem.

  2. Felipe disse:

    Eu brasileiro
    Tu brasileiras
    Ele brasileira
    Nós brasileiramos
    Vós brasileirais
    Eles brasileiram

  3. marcio filho disse:

    uns moleques desses, provavelmente de comunidades carentes, fazem 2 aulas de jiujitsu e ja querem sair brigando….

    • Creiton disse:

      Respeite o JJ hein. Baita esporte! Treinei, digo novamente: Treinei esse esporte por muitos anos, e não tem nada de violento. Claro, se for partir pra preconceito, todos nós somos propensos a matar alguém por ter uma (ou várias) armas brancas em casa não?!
      Como a faca não passa de um acessório doméstico, uma luta (como o Jiu-Jiutso) não passa de um esporte ou arte marcial. Basta considerar a forma que usamo-os, ponto.

  4. Henrique disse:

    Hey! Teacher! Leave us kids alone!

  5. leo disse:

    Deixa os meninos brincar de lutinha em paz!!! São o futuro do MMA do BrasiLLLLLLLLLLLL!!!

  6. RON disse:

    Prevejo uma professora desempregada…

  7. Joaozinho disse:

    É isso ai professora!
    Nesse país de merda que não se pode fazer nada sem “ferir os direitos” dos outros, é melhor deixar rolar na porrada mesmo!
    Se essa professora encosta a mão para separar, ai já era!

  8. Rodrigo disse:

    É… a educação deveria vir de casa, e apenas a instrução na escola…

  9. jonh disse:

    Só a professora pra saber o q se passa na sala de aula com essas crianças.Provavelmente ela já perdeu toda a pedagogia e resolveu ignorar alguns alunos. É prá onde as coisas estão caminhando.A melhor opção é se omitir.É menos trabalhoso do q tomar a atitude q se acha correta e aguentar as críticas de quem acha q poderia ter feito melhor,mas, não estava na situação.

  10. Aston disse:

    Vadia conivente, falta de respeito ao proximo e empatia.

  11. Moisés disse:

    Se ela separa, até cicatrizes de queda do berço seriam consideradas marcas de violência por parte dela!

  12. KanguruThePowerGuido disse:

    Quem aqui esta xingando a professora não sabe como é dar aula nos dias de hoje onde uma simples interlocução mais ríspida com o aluno já é motivo de Bulllyng!! e depois este na realidade é um programa de incentivo ao esporte …nem atrapalhou a aula!!

  13. Alex Magrelo disse:

    Na minha época tomava um esporro da professora, seria levado a diretoria, tomaria uma suspensão e ainda levava uma surra da minha mãe quando chegasse em casa

    Hoje em dia não, se a professora falar algo, está errada,
    se chegar ao conhecimento dos pais e forem chamados, a professora perde o emprego e ainda é ameaçada de morte.

    Conselho tutetar????? ha ha ha.. nem precisa falar, uma verdadeira piada

    Esse Brasil ta indo pro buraco mesmo…

  14. Nekomata disse:

    Acredito que esse vídeo não se trata de uma luta entre dois desafetos, pois não ha socos, chutes e ódio entre ambos. Me parece mais um treino entre dois amiguinhos .

  15. Paulo A disse:

    Pior que ela está mais que CERTA!
    Se ela separa, ela tem de usar a força. Ai, no outro dia vai ter pai de aluno ENCHENDO O SACO na porta da escola.

    E eu vou falar algo! Sou professor e posso!

    O que mais tem é gente dando fórmulas mágicas aqui, que faria e acontecia e que essa professora está errada.
    Tudo bem, seu ponto de vista eu respeito, mas por favor, vá dar aulas primeiro depois dá palpite. Por favor!

  16. Zelias disse:

    Isso não é novidade. Estudei em uma escola particular e no final dos anos 90, testemunhei no meio da aula uma briga de um dos caras mais altos do colégio na época, este, um cidadão 4 anos mais velho que os demais alunos, por ter reprovado os 4 anos, contra um rapaz franzino da turma.

    Não foi bem uma briga, foi um massacre, com a briga no meio da sala saíram derrubando bancas, isso tudo no meio da aula de física, a reação do professor? Um homem relativamente forte de seus 45 anos? Saiu correndo da sala assim como os demais alunos e esperou pacientemente que acabasse a briga ou, que o rapaz franzino conseguisse fugir como ocorreu, com o rosto completamente deformado e logo após voltou e continuou a aula como se nada houvesse acontecido, nem um comentário a respeito fez e nem para a direção comunicou, outros alunos aparentemente comunicaram à direção no lugar do professor.

    Resultado: O aluno perdeu mais de 2 semanas de aula para ter condições de diminuir os hematomas e voltar para a classe. Quanto ao professor, não levou nem uma advertência pela sua postura omissa.

  17. Filisbino Mattos disse:

    hauhauhauha “deixa professora, tá filmando!” hahuahuahauha Discutir educação e saúde no Brasil é difícil!!

  18. SaitoJr disse:

    Crianças precisam aprender a ter disciplina, e nem isso nosso ensino publico é capaz de dar.. Esses alunos só demonstraram a autoridade que essa professora tem.. Pensem bem, hoje em dia tem professores que nem queriam lecionar, simplesmente encontraram um emprego com renda fixa… Vão e batem o cartão de ponto e recebem seus salarios…

  19. lliwill disse:

    pra ta rolando no chao ja da pra ver q educação em casa essas crianças nao tem! entao a professora vai tentar separar e depois vem os pais reclamar na escola da professora e querer agredir tbm.. entao melhor largar esses dois delinquentes q se danem e continuar a aula para quem quer aprender! nao tem q perder tempo com esses dois vermes msm! logo eles crescem e morrem por ai tomando um tiro ou uma facada e ta td certo :)

  20. Andrea disse:

    Uma vez eu fui separar dois alunos da 7a série que começaram a brigar…era meu primeiro ano como professora… levei um soco e ganhei de brinde um grande hematoma roxo.

  21. Andre disse:

    Ahahahahah, o mais engraçado é os dois se estudando andando em circulos auhauhauha

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo
203