Publicidade

Publicidade
28/05/2014 - 11:29

A formatura de Direito da PUC e a festa de 2,8 milhões de reais

Compartilhe: Twitter

direito_formatura_02
A turma de Direito da PUC organizou uma festa que custou módicos R$ 2,8 milhões, com direito a muita vodka, whisky, energéticos, comida de primeira e um show com Ivete Sangalo, que segundo a Veja, cobriu um cachê de meio milhão por uma hora e meia de show.

direito_formatura_01

Mas o ponto alto deste vídeo são as entrevistas com os formandos. Uma delas afirma “O dinheiro não é meu…”

Crédito

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Video Tags: , , , , ,

Ver todas as notas

30 comentários para “A formatura de Direito da PUC e a festa de 2,8 milhões de reais”

  1. Mozart says:

    Viram os comentários dos formandos? As somas aparecendo durante o vídeo? …
    Triste…




    Valores completamente invertidos!

  2. Rafael Vasconcelos says:

    Não ta caro. Preço normal!
    Segundo a globo.com fora 460 formandos.
    R$2.800.000,00 / 460= R$6.086,96 durante todo o curso que dura 5 anos.
    R$6.086,96/5= R$1.217,39.
    Seria necessário um investimento anual de R$1.217,39 por cada formando ou R$101,45 por mês.
    Levando em consideração que cada formando pode ainda levar 20 convidados.
    Não sei se isto é o cumulo do absurdo pra uma formatura de Direito.
    Sensacionalismos à parte, festinhas como essas tem em todo semestre, e eu já fui em várias!

  3. willian says:

    o futuro do nosso pais ta ae haushuahush, uma coisa que aprendi pq vi nao e bla bla estudei em colégio de rico e cara e pior que o publico esses playboy aprontam demais drogas etc

  4. Valerio says:

    Qual o problema da festa ter custado 2,8 milhões? E se tivesse custado 20 milhões? Qual problema? O dinheiro não é deles (ou dos pais deles)? Eles não trabalharam pra ter esse dinheiro? Então cada um gasta seu dinheiro com o que quiser…

    Parece inveja de quem é rico…

  5. Yuri Quadros says:

    Trabalho como produtor de festas de formatura e sei muito bem como funciona essas festas! O colega Rafael Vasconcelos fez um calculo correto para esse montante, só esqueceu de que quando você entra na faculdade não é certo que vai se formar junto com todos os colegas neste mesmo ano e período por dezenas de situações, como fazer poucas cadeiras, eventuais reprovações, etc. Então hoje temos em realidade de que os formandos deixam para dois ou três semestres para resolverem todos os preparativos ficando o calculo muito mais pesado para cada formando.
    Tipo: R$2.800.000,00 / 460 formandos = R$6.086,96 durante os 3 últimos semestres de curso somando 18 meses.
    R$6.086,96 / 18 meses = R$338,17.
    O que não se torna nenhum absurdo também!

  6. Doido says:

    Se juntar tudo que esses caras vão ganhar na vida, honestamente, com o bacharel em Direito não vai acumular 2,8 milhões.

  7. Carla says:

    Também acho que não tem nada demais. O dinheiro é deles ou dos pais deles, se eles tem essa grana pra gastar, qual o problema?

  8. Kuis says:

    Afinal tudo que a revistinha Veja quer é mais uma publicidade barata a custa dos outros

  9. Zeh says:

    Acharam caro ??? Pelo menos o $$ não é nosso !!
    Agora, na Copa ….. A conta vai ser bem mais salgada

    • Anitha Satez says:

      Tem certeza que não são de vocês pagadores de impostos?
      Acham que os pais deles ficaram ficos como? trabalhando arduamente ? ou com tramoias empresáriais em grande parte (Não todos), sendo medicos cobram o que acham “”justo”” no sistema privado e no publico são seus impostos, se forem tambem advogados ou engenheiros quem paga a eles? e o valor que eles querem por vezes? (Não todos) logicamente, e sobre a copa concordo 100% com você!

  10. Luis says:

    E daí?? o importante é fazer o dinheiro circular. Esse dinheiro pagou empresas, que pagam funcionários assalariados, e assim por diante. Vocês queriam o que, que agora os pais ricos da galera fiquem juntando o dinheiro em baixo do colchão até a morte? ou vocês queriam que esse dinheiro seja doado para uma instituição de caridade? Quanto você já doou esse mês Mr. caridade?? então para de querer botar banca com o que os outros fazem com o dinheiro deles..

  11. Anitha Satez says:

    Pode não ser muito seguindo o raciocinio de um dos comentadores acima, mas em um país onde há milhoes que precisam trabalhar em 2 lugares para conseguir receber 1200 reais por mês, o paulistano ama ostentar e eu sei disso .
    Muita gente diz ah trabalhou e o dinheiro é deles façam o que quiser , ok…ok… então você que trabalha e só trabalha irá certamente ficar rico e pagar uma PUC e ter grana para pagar o que mais quiser Okay! (fala sério)
    Se queriam chamar a atenção porque não ajudaram as pessoas carentes com este valor?
    Ou fizessem uma festa mais barata sem tanta ostentação?
    Querem aparecer , apenas isso , num país tão carente de tudo e depois são esse riquinhos do Brasil que ainda defendem certas atitudes , porque quem trabalha e vê como é a luta de ter que pegar 3 onibus , acordar as 4 da manhã , e cuidar da casa e dos filhos certamente não pessam como estes bando de riquinhos da America do Sul, aqui na Europa algo assim seria ridiculo, absurdo, sem sentido …
    Sou Baiana mas morei anos em SP e amo meu Brasil , mas destesto gente mediocre, idiota, que acha que porque tem dinheiro pode tudo até pisar nos outros , esses “formandos” são a nova geração de “Dr’s” do Brasil , belo caminho que vai a nação pura futilidade…

    • Karlinhos says:

      Desculpe, mas quem trabalha em dois empregos para ganhar 1200,00 não vai fazer PUC. Então vamos parar com essa sindrome de pobreza. Quem tem grana pra pagar e pra fazer, que faça sim, afinal nas contas do amigão acima não é mesmo tão caro, pois foram 460 formandos, com até 20 convidados cada. Eu quando me formei,, gastei muito mais que tres mil reais numa formatura chula, só que com 40 alunos.

    • Márcio Jap says:

      Sério, poucas vezes lí tanta besteira.

      Organizado pela ordem das suas idéias.

      1° – Pessoas que têm dois empregos ou que ganham salário mínimo existem no mundo inteiro.

      2° – Sim o dinheiro é deles e eles fazem o que quiser.

      3° – a Anitha Satez doa 2/3 do salário para a LBV e vive apenas para o essencial.

      4° – Se o pai / mãe do riquinho resolver fechar a empresa ou negócio que tem, resolve o problema do empregado, que não irá precisar mais pegar 3 ou 4 ônibus, nem acordar às 4h da manhã.

      5° – Tirando a menina que disse que o dinheiro não é dela (e ela tem razão, pois são dos pais), como você pode concluir que estas pessoas são medíocres, idiotas e que “pisam” nos outros apenas assistindo ao vídeo? Você que é uma baita de uma preconceituosa.

      Conclusão.

      Brasil deve ser o único país do mundo que ter dinheiro (ou muito dinheiro) é motivo para ter vergonha. Ao invés de pregar e incentivar o progresso, fica nessa palhaçada que se tornou hoje.

      E só para encerrar Anitha, vergonha eu teria de ganhar um dinheiro que não é MEU. Tipo bolsa família.

      • Anitha Satez says:

        Como vc sabe da minha doação a LBV nossa..
        E você não deve saber ler eu disse todo mundo??
        GENTE ainda coloca parenteses não são todos!
        Falo de alguns e ainda você vem falar um monte
        de acusações nossa… Brasil … vamos investir na copa
        nos estudantes da PUC dos defensores das formuturas caras e nos caras que leêm mal , e aí vem comentar algo que nem sabe do que fala .
        Ah o dinheiro precisa precisa circular se não circulasse você estaria passando fome…
        E pobre que faz PUC e porque não noção com tanta faculdade melhor e mais barata ! ah mas PUC é PUC … HAHAHA e nem respondam mais pq não vou mais ler nem perder meu tempo , afinal nem trabalho!

        • Márcio Jap says:

          HAHAHAHAH….

          Adoro esse pessoal patriota que ama o Brasil !!!

          O mais interessante é que 90% dessas pessoas começam seus discursinhos com “Aqui na europa…”, “Aqui nos USA”, “Aqui no Japão…”

          Sem mais.

  12. Dr. Zero says:

    Me lembro que vi matérias falando sobre “celebridades” tipo BBB, que ganhavam dinheiro participando de festas de debutante com cachês de 5 dígitos, então esse tipo de matéria não me causa espanto nenhum, se tem “papai e mamãe” para pagar festinha de debutante desse tipo, com certeza não vão ter problemas de bancar uma festa que de certa forma é mais relevante.

  13. Rodrigo says:

    Diante dos comentários, cheguei a conclusão que muitos que pagaram essa festa poderiam muito bem estar vivendo de aparências, aproveitando da divulgação dos R$2,8 milhoes, que a principio também achei valor alto. Depois de saber a quantidade de formados, acho o valor bem irrisório e não significa que ninguém ali é rico, só fútil ( percebe-se pelo discurso).

    Discordo do Yuri quando disse que o cálculo é um pouco maior, pois não se sabe que turma vai ser formar. Nesse caso, acredito que é falta de planejamento do formando. Independente da turma, ele sabe que ao final do curso irá pagar uma festa.

    Apesar de a formatura ser um momento marcante, acho que seria muito mais interessante que esse grupo ( ou dividido em grupos menores) fizessem uma viagem foda de uma semana com esses quase R$7000. Dependendo do destino, daria para ficar em hotel 5 estrelas e curtir várias baladas

  14. ana Carolina says:

    As pessoas deveriam se informar antes de jogarem pedras nos outros…. a festa foi para 9 mil pessoas pagantes! Os formandos ficaram pagando 100 reais por mes desde o final do segundo ano de faculdade! Muitos pagaram com o dinheiro do estágio! Foram realizadas varias festas para arrecadar o dinheiro além de venda de vários convites para este valor! Os 460 formandos pagaram nada além de 2800,00 para a festa e levaram por 11 convidados! Para recalque que o Brasil é muito hipocrita que quer cuidar até onde os outros gastam o seu dinheiro!

  15. itsyoubaby says:

    quem fica de mimimi é socialista… vagabundos. a formatura é dos formandos, eles gastam o quanto quiserem, levam ao palco quem quiserem… parem de reclamar só porque são pobres!!!!!!

  16. Tatiane do Amaral says:

    1º Texto da revista VEJA= Viciado e tendencioso
    2º Após 5 anos de estudos árduos + prova da OAB…tem mais é que comemorar
    3º Cada um sabe o que faz com seu próprio $$!!

    Me formei na PUC em 2012…a festa de minha formatura foi uma das melhores da história e tem servido de parâmetro pras demais…eu Paguei com MEU dinheiro!!!…que mal há nisso?…me poupe!!!

    Ah, uma coisa que a matéria “esqueceu”…a partir do 2º ano a Comissão de Formatura faz festas que tem seu $$ revertido pra pagamento de uma parte da formatura…trabalham muito pra termos um baile perfeito…então PARABÉNS aos alunos e a Comissão, as festas são top…se é para poucos é outra história (ps. vim de escola pública e lutei muito pra fazer PUC)

  17. Rodrigo says:

    O que mudou em minha vida ao saber o quanto essas pessoas gastaram em sua festa de formatura? Nem vou perder meu tempo vendo o vídeo coisa nenhuma. Bah!

  18. Márcio Jap says:

    E daí? Qual o problema?

    Dinheiro é pra se gastar, afinal de contas, caixão não tem gaveta pra levar junto !!!

  19. Fernando Saldanha says:

    Credo, quanto comentário tolo.
    Agora classificar com rico alguém que faz PUC ou que pode dispor de cerca de 7000 para uma festa é de uma pobreza…

  20. Dalila says:

    É isso ao mesmo, quem pode tem que aproveitar. eu tbm quando me formei,, gastei muito mais que três mil reais numa formatura, só que com 40 alunos. Isso ai pessoal aproveita mesmo…..

  21. Thiago C says:

    Eu nem gosto desse tipo de música, jamais gastaria um único centavo para ver um show da Ivete Sangalo. Mas eu acho que cada um faz o que bem entender com seu próprio dinheiro e ninguém tem nada a ver com isso.

  22. João says:

    Agora falta só passar na prova da OAB!!

  23. Rubens says:

    Eu gosto mais de rock mas deve ser um belo show o da Ivete. Parabens aos formandos e os demais que se incomodaram com a situação devem trabalhar mais e estudar mais ao inves de se queixar da vida.

  24. Bernardo says:

    Essa galera tem que tirar esse espirito de porco do corpo, caramba! Deixa os caras gastarem, deixa eles aproveitarem! Garanto que ali nenhum ficou passando fome pra poder bancar essa festa (que, segundo os cálculos nos comentários acima, saiu em um preço justo para o evento). Ficar falando que futilidade é errado. Só pq algo não é do seu gosto, não quer dizer que seja fútil ou superficial.

    E sobre um comentario que li mais acima, onde a moça questionava um outro comentario ao sugerir que somos nós que pagamos as contas e o s salários dos pais desse pessoal. Procura um guia espiritual pra tirar essa lama da sua alma, pq pqp, vai falar besteira assim pro seu reflexo!

  25. Leticia says:

    Só não pode cantar festa no gueto

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo