Publicidade

Publicidade
30/06/2014 - 10:21

Índios são flagrados cobrando R$ 100 de pedágio em estrada no Mato Grosso

Compartilhe: Twitter

indios
Um vídeo no mínimo curioso mostra a atuação de alguns homens que se dizem índios cobrando R$ 100 de cada carro que deseja cruzar a ponte sobre o Rio Juruena, no Mato Grosso.

Filmada por um motorista e seu passageiro, a ação é impressionante. O homem comunica que o valor deve ser pago tanto na ida quanto na volta.

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Inusitadas, Video Tags: , , , ,

Ver todas as notas

58 comentários para “Índios são flagrados cobrando R$ 100 de pedágio em estrada no Mato Grosso”

  1. junior says:

    Cambada de vagabundo vivendo de bolsa familia e tendo todo agrado do PT deverim meter bala em cada safado desses ai

    • Marcos Santos says:

      Deviam, antes de tudo, NÃO votar na MERDA do PT! A culpa de ter proliferado ainda mais desgraçados como esse por este rico “país” é toda deles, sobretudo do Sr. Luiz Inácio, o maior CANALHA que o Brasil já conheceu. Mas se matassem esse merda, viraria mito, tamanha idolatria o “zé-povinho” idiota tem pelo sujeito, mesmo com escândalos diários, óbvios e ululantes apontados para ele e a corja de PATIFES que ele comanda!!!!!!!!!!!!!!

    • rodrigo says:

      Não julgue um povo todo por causa de alguns marginais lembre-se que fazem em menor grau hoje e fizeram o mesmo com os negros

  2. Carlos Freitas says:

    Está na hora de colocar estes indigenas em seus devidos lugares criando uma reserva tal como feito nos Estados Unidos.

  3. Marcelo says:

    Cada índio no Brasil devia ser indenizado em um milhão de reais por todas humilhações que passou! Eles são os verdadeiros donos da terras no Brasil. Os brancos são invasores…aqui os índios são tratados como lixo, bem diferente de outros países…

    Nos Estados Unidos índio anda de Harley-Davidson:
    http://blog.clickgratis.com.br/uploads/k/kalu1957/30776.jpg

    Abaixo, índios brasileiros andando de lixo:
    http://www.euodeiotrabalhar.com.br/blog/wp-content/uploads/2012/07/531473_221342207988492_1081834110_n.jpg

    Chega de fazer papel de otário…

    • greg says:

      amigo você só deve ter merda na cabeça esses indios ai se faz de coitado quando aparece uma ong da vida aceita toda mixaria o governo deveria ter mesmo era um limite de terra mas sem afeta as brs, eu passava era por cima de todo mundo até de você se ficar falando besteira!!!

    • NilkNarf says:

      Meu Caro Marcelo! Só lamento pros índios se meus ancestrais invadiram essa terra! os índios tomaran no c# e só lamento, a vida é assim. Não se pode ganhar sempre! Se vc acha q eles são injustiçados porque vc não doa a sua casa, seu celular, seu tenis, carro, e vidinha de internet pra eles?

  4. souzaremido says:

    Uma bermuda da Adidas para um jovem índio… É mais de 300 reais!!!

  5. Diogo says:

    Infelizmente vão julgar todo o resto por causa deste vídeo, e como sempre, se esquecendo de que os caras estavam de boinha até a galera vir e esculachar com tudo.
    Não vou ser hipócrita e ficar de mimimi, só antes que a rapaziada comece a chamar de vagabundo TODOS os indígenas, vamos lembrar que ninguém tem que trabalhar por causa que uma cambada acha que isso é o certo a se fazer e que no vídeo , não estão todos os indígenas do Brasil , então demos uma acalmada antes de generalizar.
    No mais, estes aí são pilantras pra cacete.

    • Robert says:

      Vc dever ser um idiota q acabou de ter aula de história e curioso foi pesquisar em ongs. kkkk Débil mental, moro no Pará e aqui os índios nem são índios mais, tem note, tablet, hilux é o carro mais pobre deles, são violentos e tals…. tem tdo aparato financeiro para morar bem mas se preferem ter tudo e morar no meio do mato é escolha deles, e devo lembrar que junto com as suas escolhas vem os problemas e estes tambem sao seus. Safados desses q se dizem índios mas nem vivem como tal, deveriam ter mesmo ou uma reserva ambiental ou acabar com essa palhaçada de uma vez.

      • Diogo says:

        Não entendi porra nenhuma que tu escreveu na primeira linha além das ofensas.
        Me formei a quatro ano em matemática e só me lembro das coisas que gostava de história, a parte do descobrimento do Brasil não foi uma delas . Isso não é aula nem ong, é bom senso de não generalizar, idiotice é xingar no anonimato.

  6. Filisbino Mattos says:

    E a FUNAI, o que tem a dizer sobre isso? NADA, porque só tem babaca e preguiçoso naquele órgão!

  7. Uchit says:

    Eu com uma landrover ñ paro não parceiro! É carcaça de indio voando!

    • Rodrigues says:

      Kkkkk esse nunca nem deve ter visto um índio. Esse índios te perseguiriam também em uma Land Rover e te amarrariam em um formigueiro no meio do mato. Aliás, é mais fácil eles terem uma Land Rover do que você, companheiro.

  8. LOwIs says:

    Caro Marcelo, nunca vi tanta bo.bagem escrita com tão poucas palavras, parabéns vc se superou! Se não está contente com os milhões de hectares que são de terras demarcadas para os índios, dê sua casa e renda mensal para eles. No mais, pare de falar MER.DA, porque se índio anda de harley nos EUA é porque trabalha, não rouba como esses aí.

  9. Danilo says:

    Sou morador de Rondonópolis – MT e já passei por esse trecho indo pro Norte varias vezes o preço não é sempre R$100,00 quando se trata de caminhões esse preço pode chegar a R$500,00 reais.

    Quanto ao pessoal ai falou que não para o video não mostra mais quem já passou no trecho sabe que eles estão fortemente armados e atiram em quem tentar passar sem pagar.

    Já houve varios casos de veiculos alvejados nesse trecho e absolutamente nada foi feito.

    Os indios dessa região andam de Hillux e outros carros quase sempre do ano.

    Os mesmo indios que estão cobrando pedágio ai participam de campeonato de som isso mesmo campeonato de som na cidade de Campo Novo do Parecis e de arrancadão também.

    Indío em Sapezal, Campo Novo e Tangará é Playboy !!

    • Indio não quer mais apito. says:

      Seria legal alguém passar correndo, uns 100km pelo menos (tem que ser assim pois os safados estão armados, pelo que falaram) e atropelar, matando o máximo que conseguir.

  10. Pedrada says:

    Depois são assassinados e querem justiça!
    A verdade dói.
    O que eles estão fazendo é crime, esses cidadãos não são civilizados, devem ser excluídos da sociedade bem como a teoria da evolução afirma…infelizmente.

  11. Carlos Schneider says:

    Índio e flanelinha é a praga mais mais safada do País, mete a mão nesse pilantra.

  12. capixabão says:

    eles ainda vão bater de frente com alguém que tenha “sangue nos olhos ” e este vai meter bala em todos esses merdas aí oque vai vir de falsos moralistas aqui não vai tá escrito no gibi…

  13. Filipe Davi says:

    Índio,branco,negro,amarelo…
    Somos todos humanos.
    Somos todos o mesmo lixo.

  14. Bruno says:

    Antigamente que era bom, a gente dava uns espelhinhos, tava tudo certo, eles liberavam até umas índias pra galera…

  15. THOMPSON says:

    continuem votando DILMA E PT ta ai o resultado ….

    indio brasileiro é tudo vagabundo , vem uns cabeçudos dizer que o homem branco tomou as terras dos indios , pura mentira , os indios venderam como fazem ate hj , indio que teve suas terras roubadas foram os indios dos EUA aqueles sim tiveram suas terras tomadas , mas os do brasil venderam tudo e hj ficam com esse discursinho de que sao os verdeiros donos das terras brasileiras .

  16. José Gino says:

    SE FOSSE EU MATAVA TUDIN

  17. Robson says:

    Eu preciso de um dia de trabalho pra ganhar R$220,00 mas mesmo assim são 8hrs de trabalho… Estudei, e faço hora extra pra dar um bom padrão de vida a minha família … Se eu matar ou roubar eu sou preso… Se um filho da puta desses que vive a custa do maldito governo fizer o mesmo ele é amparado por ser um “excluso” da sociedade… Nos EUA eles fizeram certo matando todos esses FDP’s…

  18. Nilson says:

    Isso tudo a até vim o caminhoneiro e passar por cima deles todos, aí acaba essa pilantragem!!

  19. j. j. avila says:

    Mas o que é isso? Virou terra de ninguem? Cadê a policia rodoviaria? Cadê o ministerio público?

  20. rodrigo says:

    Bando de nazifascistas julgando um povo todo por causa de alguns marginais só pelo fato de pertencer a uma etnia que não seja a branca os negros já sofreram muito com isso tenho nojo dessa classe que todos sabem qual é

  21. Adriano Nobre says:

    ahhh ta. Chegam, tomam as terras deles, os deixam sem qualquer estrutura e tem coragem de chama-los de vagabundos. Não concordo em cobrar esse valor, mas o que o nosso País faz com eles é brincadeira. É fácil falar quando você anda em um carro importado e tem todo o luxo do mundo.

  22. eron says:

    Ultimamentes os indios estão muitos abusados,não estão nem mais respeitados as leis,ta na ora de alguém por eles no seu lugares,para tudo na vida tem um limite.

  23. Rodrigo says:

    Enquanto isso, eu tenho que trabalhar dias para conseguir o que esses “índios” extorquem em horas. E a melhor parte é que, a partir do dinheiro recolhido dos impostos que consomem 40% da minha renda (como de todo brasileiro trabalhador), ainda sai o dinheiro que financia o “bolsa-sei-lá-o-quê-em-troca-de-votos”, que certamente esses “índios” recebem. A inversão de valores desse país parece não ter limites, realmente…

  24. william haddad says:

    bem para quem já paga o ipva seguro disso seguro daquilo, e na hora de receber por esses benefícios, tais como estradas seguras e ruas pavimentadas…..e principalmente de como somos explorados pelo tal governo que ao invés de desenvolverem uma região através de investimentos em educação, saúde, segurança e transporte. mas preferem darem bolsas existenciais, isso que vemos ficará assim eternamente…ou seja que para se transitar em muitas comunidades, do RIO, favelas em SÃO PAULO, TEM DIFERENÇA?????????

  25. José Luis says:

    Chumbo nesses safados !!!!!

  26. Sam says:

    Índio de verdade está lá no meio da selva comendo a roça que eles mesmos fizeram, tomando banho de rio, vivendo pelado junto à natureza. Isso aí é um bando de canalha, isso aí não é índio não.

  27. Gustavo says:

    Quanta hipocrisia e ignorância lê-se nestes comentários. Isso só comprova a visão infantil e imbecilizada que a sociedade brasileira tem dos povos indígenas. Neste país, o índio é uma entidade genérica, disforme e folclórica; índio bom é índio isolado e enclausurado em suas diminutas terras. Se em algum momento eles saírem de suas terras para reivindicar o que quer seja, puta que pariu: é o fim do mundo, cacete e bala de borracha neles, como naquela vergonhosa ocasião da comemoração dos 500 anos do Brasil em 2000, na Bahia. Me impressiona o purismo canalha e hipócrita daqueles que recriminam o fato dos índios terem acesso às tecnologias da sociedade branca, como se isso fosse um crime. Ah, façam-me o favor, porra! 514 anos de pilhagens, saques, estupros, assassinatos e desapropriações e ninguém fala absolutamente nada. Que fique bem claro: o que estão fazendo é errado e concordo com isso, mas não chega nem perto do que sofreram historicamente. Nossa cultura ferrou com as deles, nada mais justo do que eles usarem os mecanismos de nossa cultura para ferrar com ela mesma.

  28. miguel says:

    isto so pode ser mentira…
    nao paguem ou chamem a policia .
    bolas 100 reais e muita guita

  29. Endne Ferreira says:

    Lazarenta índia tem uma camiseta do Palmeiras que nem eu tenho 🙁

  30. rodrigo says:

    Os indios norte americanos, só ficaram ricos porque eles instalaram cassinos em suas terras, como as terras eram propriedade e reservas federais, o governo americano não pode proibir a abertura desses cassinos, os indios brasileiros deviam tentar algo semelhante assim teriam sua propria renda.

  31. Juliana says:

    Acho engraçado que alguns defendem esse coitadismo devido a situações que ocorreram há tanto tempo atrás. Concordo que os portugueses quando chegaram ao Brasil fizeram o que podiam ou não com os índios. Porém, atualmente, eles escolheram abandonar a cultura indígena e aderir a cultura da sociedade, não os obrigara. Certo, vão falar que eles foram induzidos. Mas então eu pergunto, como ainda existem tribos indígenas na amazônia que mesmo após o contato com o homem ESCOLHERAM manter sua cultura e estilo de vida. Não passa de uma escolha. Agora, minha opinião, se escolheram se tornar parte da sociedade contemporânea, não queiram tirar vantagem ao se fazerem de coitados. É um povo que não trabalha, que recebe as coisas de bom grado devido a seu status de povo explorado e, sendo assim, acabou se tornando explorador, por que 100 reais pra trafegar em uma estrada, que na grande maioria das vezes, não tem qualidade nenhuma é absurdo. Esse coitadismo que as pessoas defendem é cego e burro, todos possuem a mesma capacidade de estudo e trabalho. Agora por que os ANTEPASSADOS foram exploradoras a população atual não tem capacidade? Pra mim isso é subjugar as habilidades das pessoas. Meus antepassados também sofreram, vieram ao Brasil querendo melhorar de vida e foram explorados nas fazendas produtoras de café, também houveram casos de espancamento contra italianos, espanhóis que vieram ao Brasil trabalhar, muitos morreram na miséria. Meus antepassados também foram agredidos, maltratados mas nem por isso eu tenho privilégios, nem por isso alguns defensores do coitadismo olham pra mim com pena, como fazem com com negros e índios. A capacidade mental e de trabalho não muda por causa da cor, da cultura. Basta querer e se esforçar que dá pra alcançar qualquer objetivo. Mas se aproveitar dos outros para se dar bem na vida, se fazendo de coitado, mas não sendo isso de modo algum? Sim, é totalmente errado, sendo índio, sendo negro, sendo branco. Seja lá quem você for.

  32. Genivaldo says:

    Tive que cruzar essa ponte sobre rio Jurena em dezembro 2013 sem choro tive que pagar R$100,00 para poder passar isso o que me deu raiva era ver carros de policias e da FUNAI aguardando o dinheiro dos trouxas…

  33. Joao says:

    Passa por cima desses vagabundos!!!!

  34. Maxwell says:

    É simples acabar com essa corja de ladrões…vai duas caminhonetes com caras armados de fuzil e pronto, é só perguntar: índio quer dinheiro p/ eu poder passar a ponte é? espera um pouco que homem branco vai tirar dinheiro do carro(tá tá tá tá tá ti bummm) e morreu. simples e fácil

  35. Wilson says:

    Quem esta escravizando quem nesses dias atuais????

  36. charles says:

    O problema com os índios é que ta faltando político com culhão pra resolver essa merda de uma vez por todas… porra… o cara que ser índio , ter os direitos de índio e ainda quer ter os direitos do homem branco… o cara que ser índio e usar celular, que ser índio e usar roupa, quer ser índio e ter televisão, ter carro… que merda gente… se é pra ser índio então vamos respeitar… vai ter que viver como índio… ae a gente da um jeito de deixar esse povo isolado do homem branco de uma vez por todas…

  37. Wagner says:

    Concordo totalmente com quem falou que se eles abandonaram seus costumes pra viver na sociedade e aderiram a usar objetos do “homem branco”, DEIXARAM DE SEREM ÍNDIOS, pra aquelas tribos que preferem continuar com os seus costumes, esses sim merecem respeito e a terra deles de direito sem invasão e interferência do “homem branco”. Quanto a esses que de índios passaram a serem descendentes de índios, esses já estão prontos pra receberem o cotidiano da nossa sociedade, direitos iguais entre eles e nós segundo eles, “homens brancos”. Esses merecem entrar no cacete, serem presos e apanharem na cadeia pq isso é extorsão, estão agindo feito bandidos, a estrada que usamos já está inclusa nos impostos que pagamos, e numa dessas somos parados por esses boçais pra cobrar R$ 100,00 reais, vem a FUNAI querer defender esses vagais, pior é se a polícia e a FUNAI estiverem por trás desse ato criminoso.

  38. Raul says:

    pega uma Dodge e leva tudo no capô até chegar na barraquinha e soltar umas bombas de molotov e já era! cambada de filho da puta

  39. Moleu says:

    Na verdade, os índios estão cobrando R$100 para os motoristas andarem em um pequeno circuito de slalom kkkkkkkk

  40. Matheus says:

    Eu passava com o carro a 100 km um tronquinho n desviava uma flecha tb na atravessa o ferro

  41. Tiradentes says:

    Eles só estão pegando o que é direito deles.
    Eles eram donos de todo o Brasil antes do portugueses chegarem e não ganharam nada ao ROUBAREM todas as terras deles.
    “Quem me dera, ao menos uma vez, ter de volta todo o ouro que entreguei a quem conseguiu me convencer, que era prova de amizade”

  42. REALMENTE VERGONHOSO ISSO. JÁ NÃO BASTA O CIDADÃO DE BEM SER ROUBADO COM TANTOS IMPOSTOS COBRADOS PELO GOVERNO FEDERAL E AINDA TEM QUE PAGAR NA MARRA PRA ESSE BANDO DE VAGABUNDOS QUE SE DIZEM ÍNDIOS? CO CERTEZA DEVEM RECEBER BOLSA FAMÍLIA E SEREM PROTEGIDOS PELO PT

  43. Zeca says:

    Índio era o que existia há 500 anos, e o que existe hoje em aldeias isoladas no mato.
    Fora isso não existe índio. Quem vive em rodovias e em cidades querendo dinheiro é cidadão. Se cometerem crimes devem ser tratados como criminosos.
    Há gente mais rústicas do que esses índios da filmagem que não recebem nenhum benefício por sua condição.

  44. Lucas says:

    Então são Índios???

    ENTÃO DEFINA ÍNDIO….
    Se disser, caras pintadas e de penacho na cabeça, faz um favor e pare de usar a internet, então quer dizer que se EU me vestir de palhaço e começar a cobrar pedágio na rua da minha casa, o circo está cobrando pedágio ?!
    Vamos PENSAR…. e NÃO GENERALIZAR…

  45. Jorge says:

    Valentes da internet, aposto que pessoalmente acovardam para um menino de 12 anos e da entrevista perguntando “Cadê a polícia quando precisei”, e querem que a polícia faça o trabalho sujo para eles. Apontem essas ameaças para os Mensaleiros do PT, PSDB, DEM, entre outros… aqueles que nos roubaram em 1 dia mais do que a soma de TODOS criminosos que cumprem pena ou indígenas extorquindo pedágios.

  46. Nem MuitoGrosso says:

    Q absurdo. Isso é lastimável…

  47. Tatiana says:

    Já basta os impostos que pagamos ao Governo.

  48. Contemplador says:

    Desses dois boçais do vídeo 100 reais foi até pouco. Burguesinhos idiotas do inferno, e metidos a “comentaristas sociais”… Por mim, na próxima os índios podiam ficar com o carro deles.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo