Publicidade

Publicidade
02/07/2014 - 00:02

Heterossexuais perguntam, gays respondem

Compartilhe: Twitter

gaysrespondem
Um grupo de rapazes gays resolveram criar um vídeo no qual respondem questionamentos de heterossexuais sobre questões que costumam gerar dúvidas entre eles. As questionadoras são Dani Calabresa, Rosana Herman, Kefera e mais algumas outras. Confira o vídeo.

Confira também a versão masculina do vídeo, com o Rodrigo Fernandes, PC Siqueira e outros.

Autor: - Categoria(s): Video Tags: , ,

Ver todas as notas

5 comentários para “Heterossexuais perguntam, gays respondem”

  1. Danilo Marciel says:

    Sinceramente to com nojo desse mundo.

    Essa campanha absurda querendo que todo mundo ache lindo ser Gay me enoja.

    Quer merda isso se vai assistir uma novela é só gay, os games atuais só personagem gay, na internet militância gay.

    Poxa será que não conseguem viver a vida deles sem querer que todo mundo ache maravilhoso a vida que levam ?

    Enche o saco isso eu respeito não tenho preconceito mais não acho certo essa “Gayzalização” que ocorre hoje em dia em todas as mídias.

  2. Daniel says:

    Pq os vídeos mudaram?

  3. Jorge Miguel says:

    Daniel,

    Sua argumentação politicamente-correta de gente que “diz que aceita pra ficar bem na fita” já foi deflagrada no primeiro parágrafo. Nojo desse mundo, hum?
    Primeiramente, há uma certa exploração maliciosa desse contexto gay atual, sim. Principalmente das mídias. Que eu saiba, não está havendo uma emenda constitucional que torne obrigatório o apreciamento de obras, filmes, músicas etc com temática gay. Portanto, aquele objeto que vem junto com a TV, que alguns chamam de ‘controle remoto’, pode ser bem útil nesses casos.
    Segundo; praticamente toda a arte e cultura do mundo já criada relacionada a amor, a casamento, união entre duas pessoas, se refere aos sexos opostos. Sempre um homem com uma mulher, macho e fêmea. Atualmente a liberdade do público homossexual se tornou maior e a tolerância idem, o que explica a repercussão do tema gay na arte.
    Fiquei encasquetado na parte do “será que não conseguem viver a vida deles sem querer que todo mundo ache maravilhoso a vida que levam ?”. Já começamos a desanimar só ao ver como foi ridiculamente escrita a pergunta. Ademais, deixa eu te falar algo: apesar de alguns gays serem ociosos, ignorantes e se deixarem levar pela cultura popular, outros não são assim. E, mesmo que um homossexual passe o dia ouvindo Lady Gaga ou lendo Huxley, não vejo “imposição” do seu modo de vida. Eles vivem sua própria vida, oras. Não querem que você se torne um gay, mas que entenda o que almejam: respeito, direitos (alcançados há pouco), e erradicação de comentários online preconceituosos e ameaçadores. Porque todo hétero vira machão quando está anônimo, né?
    Sabe, eu já estou de saco cheio de escrever. Poderia dissertar o triplo, mas é perda de tempo tentar fazer o camelo passar pela agulha. Não vai, oras.
    Pense sobre. E tomara que seu filho queime a rosca, rs.

  4. João says:

    Danilo Maciel, os caras são gays, e assim como os heteros, eles tem que se amar mesmo. Qual o problema? A vida de um hetero é perfeita? A minha não é, mas a mídia mostra isso todo dia, seja em comerciais, novelas e marketings silenciosos.

    Em novelas tem 2 personagens gays em média. Os outros 2345 são heteros. “Games”, acho que você tá jogando os errados.

    “eu respeito não tenho preconceito mais não acho certo essa “Gayzalização” que ocorre hoje em dia em todas as mídias”
    é a mesma coisa de dizer que você não tem preconceito se não tiver que conviver. E onde fica o direito do ser humano de ir e vim? de se expressar? de ser ele mesmo, sendo que você como hetero, também se expressa.

    Cara, se informe mais, quem passa tragedia “nas mídias” é telejornal, esses veículos que “exaltam” a vida homossexual são os mesmos que glorificam a vida heterossexual, e a gente sabe que também não são só flores.

  5. J.Paulo says:

    Boa, essa “Gayzalização” tá braba mesmo cara, e digo mais quanto mais algo é forçado! não vem de uma forma natural, mas a reação contraria será mais extrema.. ouseja é ruim para própria causa.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo