Publicidade

Publicidade
01/09/2014 - 00:03

A pobreza mora bem ao lado

Compartilhe: Twitter

mexico_diferencas_01
Esta série de fotos revela a nítida disparidade entre ricos e pobres no México. De um lado, casas e condomínios bem legais, e do outro, um bairro bem humilde.

Elas fazem parte de uma campanha publicitária inteligente de uma agência mexicana. Eles uniram-se com o fotógrafo Oscar Ruíz para criar a campanha intitulada “Apague a Diferença”. Cada imagem traz o slogan: “Esta imagem não foi modificada. É hora de mudar isso”.

mexico_diferencas_02

mexico_diferencas_03

mexico_diferencas_04

mexico_diferencas_05

Autor: - Categoria(s): Curiosidade Tags: , , ,

Ver todas as notas

17 comentários para “A pobreza mora bem ao lado”

  1. mula says:

    Podiam mostrar, em complemento às fotos, dados sobre o tempo médio de estudo, a profissão, quantidade de filhos.. de cada lado do muro.

    • ONEberto says:

      O.O

      • Henry says:

        Isso mesmo @mula!!
        Mais dados da próxima vez, Humberto!! hahahahaha (brincadeira pow)

        (aguardando comentaristas socialistas defendendo a redistribuição de renda e igualdade social abaixo)

        • chicão says:

          lembrei de uma amigo meu ex estudante da Unesp…depois de um tempo de formado encontrei com ele todo comportadinho de terno e gravata aí perguntei, cara vc não era todo rebelde, esquerdista…aí ele respondeu, na faculdade todo mundo é assim, aí depois que se forma viramos “capitalista desde de criancinha” até pq o papai não sustenta mais a gente…

        • Robbot says:

          Quero também as leituras de variação nas partículas alfa, beta e gama. Direção do vento, precipitação média e PKE.

          E os dados PIB, FIB e KIBE.

  2. digão says:

    faltou mais dados sobre o post, A Cidade do Mexico que é a capital é talvez maior que São Paulo e tem a mair favela do mundo, Mexico tem muitas industrias e produz prtroleo, exporta pro Nafta mais que o Brasil, turismo gigante, vizinho dos EUA . Parece que tem aguma coisa errada esta colonização espanhola (veja america do sul) bolivia, paraguai, venezuela.

  3. Marcos says:

    O Brasil é um país capitalista, tanto esquerda quanto direita no Brasil tem visões diferentes de um mesmo sistema. Distribuição de renda é fundamental para qualquer país progredir de forma mais igualitária, a concentração gera esse tipo de situação nas fotos, se não me engano tem uma foto de São Paulo em que o contraste é mais evidente.
    Algum tempo atrás tinha muita gente defendendo uma abertura de mercado com os EUA (nafta), bem o México fez isso e não me parece ter dado muito certo. Para refletir um pouco.

  4. Marck says:

    É HORA DE MUDAR ISSO???????? COMO??????
    Empobrecendo os ricos para se ter uma massa única de pobres IGUAIS????
    Francamente, não sei como essa ideologia fracassada se tornou doutrina em TODAS as Universidades Federais brasileiras.

  5. cavaleiro says:

    Analisando as fotos, reparei que o pessoal da esquerda e do fundão estão na pior! Concordo com mula, tem mais quem se esforçou/dedicou mais, estudou mais e tem uma profissão!

  6. Márcio says:

    Acho que lá os mais humildes não ficam com o carro a todo volume tocando funk, importunando a vida dos outros.

  7. jo motox says:

    favela porque,mania de chamar bairro de trabalhador de favela,favela são barracos de compensados sem nenhuma infraestrutura,o que não acontece ali.Aqui no brasil acontece a mesmissima coisa,é só olhar os bairros em volta de alfaville ou morumbi,nem precisaria tirar uma foto lá no outro lado do continente para observar isso.

  8. Paulo says:

    Masa é o cara morando nesse bairro. Claro e óbvio que todo mundo vai pensar que ele mora na parte RYCAAAAAAAAAA.

  9. Rodrigo says:

    Dane-se os pobres, cada um ta no lugar que merece.
    Dê um casarão desses pra um pobre, em 1 mês já tem mato na frente de casa, e um monte de lixo, garrafas pet, churrasqueira de lata, restos do churrasco de domingo retrasado e tal…
    Por isso repito, cada um tá no lugar que merece.

  10. william haddad says:

    INFELIZMENTE EU LI MUITAS VERDADE em alguns comentários desta postagem….muitas vezes vc tira o favelado da favela ..mas não tira a favela do favelado….já se torna uma cultura…(meus respeitos paras os que estão mas querem melhorar ou melhorar o local em que estão.. estes sim sairão por conta própria das condições.)

  11. talmo filipe says:

    O problema da meritocracia é o ponto de partida.
    imagine dois pilotos muito bons. agora imagine um em uma ferrari e outro em uma escuderia que nem pontua. quem vai chegar primeiro mesmo os dois tendo capacidades semelhantes. agora imagine que esse cara da ferrari largou em primeiro e o outro em ultimo. pode acontecer do ultimo ganhar, porém as chances são infinitamente menores.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo