Publicidade

Publicidade
24/10/2014 - 00:01

No lugar errado, na hora errada

Compartilhe: Twitter

flagra_acidente
Dois sujeitos estavam dentro de um carro filmando os vacilos que um outro motorista quando, de repente…

Autor: - Categoria(s): Flagra, Video Tags: , ,

Ver todas as notas

7 comentários para “No lugar errado, na hora errada”

  1. Leonardo Costa says:

    Não tive pena do cara que estava filmando e teve o carro batido, que fique a lição na próxima de intervir ao invés de apenas filmar, mas infelizmente tem muita gente que prefere fazer isto hoje em dia 🙁

    • Jonny says:

      Intervir como? Só se for chamando a polícia, algo que poderia já ter feito. Mas por se tratar de uma autoestrada…

  2. Ana says:

    Meu pai me ensinou a parar o carro e esperar o motorista imprudente ir embora; agora entendo o motivo de tanta precaução.

  3. mf says:

    esse é que é o grande problema de se ter um filha da puta irresponsável dirigindo a sua frente, pois devido a essa irresponsabilidade ele coloca a vida de diversas pessoas, que nada tem haver com isso, em risco

  4. Gui says:

    Exite uma coisa chamada buzina, e acho que também serve para momentos como esse. Como o cara fica apenas observando (E filmando) um outro carro invadindo uma faixa na contra-mão e não faz nada? Isto pode facilmente causar a morte de pessoas.

  5. Mothafucka says:

    Fácil rir e julgar. A pessoa pode ser diabética, como eu, que dirigi 15 Km para longe do meu destino sem me lembrar de nada e acordei em um hospital. Por sorte não machuquei ninguém e foi a primeira vez que me aconteceu. Até hoje só ando a pé, dirigir somente acompanhado ou percursos muito curtos. Medir a glicemia sempre. Lembro vagamente de uns populares me chamando de bêbado…e então desmaiei.

  6. Badguy says:

    Reparem que o motorista fala que vai diminuir a velocidade por que não quer se envolver em um acidente…

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo