Publicidade

Publicidade
12/11/2014 - 00:03

O mistério dos esqueletos cobertos de jóias

Compartilhe: Twitter

Nós já vimos vários filmes que contavam histórias de tesouros antigos guardados com esqueletos. O que pouca gente sabe é que eles existem na vida real e não estão relacionados com nenhum pirata ou coisa do gênero. Estas são imagens de santos cristãos que foram sepultados com jóias das cabeças aos pés.

santos_joias_01

São Valério, em Weyarn, Alemanha


 
 
Descobertos em Roma, em 1578, estes esqueletos foram enviados para as paróquias católicas para substituir relíquias destruídas durante a Reforma Protestante.

santos_joias_02

São Valentino, em Waldsassen, na Bavaria

 

santos_joias_03

Crânio de São Getreu, em Ursberg, Alemanha

 

santos_joias_04

Santo Albertus, em Burgrain, Alemanha

 

santos_joias_05

Mão de São Valentin, em Bad Schussenried, Alemanha

 

santos_joias_06

São Friedrich, na abadia beneditina em Melk, na Áustria

 

santos_joias_07

São Deodatus, em Rheinau, Suiça

 

santos_joias_08

São Benedito, em Munique, Alemanha

Crédito

Autor: - Categoria(s): Curiosidade Tags: , , ,

Ver todas as notas

8 comentários para “O mistério dos esqueletos cobertos de jóias”

  1. Robbot says:

    Santa ostentação.

  2. Italo says:

    São Friedrich divando!

  3. Cantarzo says:

    Faltou o WIlly Caolho…

  4. Paulo says:

    Vida humilde e pobre pra que, né?

    Isso é o que todo evangélico almeja.

  5. comentarista says:

    O corpo e os bens , não pertencem a Jeová Deus , apenas as nossas almas ; Isso é só um esqueleto enfeitado.

  6. Guilherme says:

    Willy Caolho… boa, Cantarzo!

  7. Rodrigo Pompeu says:

    Cobrindo de jóias seus santos.. quanto paganismo… Pelo menos no Egito antigo eles tinham melhor gosto na ornamentação.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo