Publicidade

Publicidade
04/08/2015 - 12:00

Em pegadinha, Cristiano Ronaldo vira mendigo e ninguém percebe

Compartilhe: Twitter

cristiano_mendigo

Uma marca de fones de ouvido, cujo garoto-propaganda é o jogador Cristiano Ronaldo, criou uma ação bem interessante. Transformaram o atual melhor jogador do mundo em um mendigo e o mandaram para o centro de Madrid para bater uma bolinha com as pessoas e ganhar algum dinheiro. Curiosamente, apesar de toda a habilidade demonstrada durante a pegadinha, ninguém conseguiu perceber que se tratava do astro do Real Madrid. Mas foi só retirar a peruca e a barba para que a confusão se iniciasse.

Autor: - Categoria(s): Video Tags: , ,

Ver todas as notas

5 comentários para “Em pegadinha, Cristiano Ronaldo vira mendigo e ninguém percebe”

  1. Geyson Monte says:

    Isso é o que se pode chamar de show de bola. Não apenas para o craque mas para a empresa que teve esta ótima ideia. Esse menino não dorme mais nunca, tamanha a emoção. Abração!!!

  2. Diogo says:

    Queria ser um mendigo dessa, com roupa da nike e oculos de grife kkk

  3. Rodolfo Castelo says:

    Na Europa é assim, o mendigo ainda anda de nike e óculos de grife, é bom que o povo brézileiro idiota metido a besta aprende a se enxergar melhor, se acham os fodas pq está com uma camisetinha da nike e um óculos da oakley kkkkkkkkk
    Na Europa esse tipinho não passa de um mendigo vagabundo, pobres brézileiros.

  4. Perivaldo Jocove says:

    O povo, porém, é alienado tanto aqui como lá. Basta ver que é o Cristiano Ronaldo que vira de um ignorável mendigo (de roupa limpa) para o centro de todas as atenções.

  5. Astolfo Romário says:

    Cristiano Ronaldo dando um show de humildade como sempre

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo