Publicidade

Publicidade
15/09/2015 - 00:01

Homem usa a filha para recriar sessão de fotos que havia feito com esposa antes de morrer

Compartilhe: Twitter

sessao_01

Rafael Del Col queria fazer uma homenagem para sua falecida esposa Tatiane Valques, que não resistiu a um acidente de carro em 2011. Foi então que teve a brilhante ideia de usar a filha do casa, Raisa, em uma sessão de fotos na qual eles repetiram as mesmas poses da época em que Tatiane ainda estava viva.

Raisa usou as mesmas jóias e sapatos da mãe. Até o cãozinho é o mesmo da primeira sessão de fotos.

sessao_02

sessao_03

sessao_04

sessao_05

sessao_06

sessao_07

sessao_08

sessao_09

sessao_10

sessao_11

sessao_12

sessao_13

Autor: - Categoria(s): Fotos Tags: , ,

Ver todas as notas

10 comentários para “Homem usa a filha para recriar sessão de fotos que havia feito com esposa antes de morrer”

  1. Geyson Monte says:

    Me emocionei o bastante para a lágrima rolar. Uma homenagem linda demais. E a menina realmente repete até na posição dos dedos o gesto da mãe. Ilustre gesto!!!

  2. Juliano Amaral says:

    Que chute nos rins heim.

  3. Paulo says:

    Muito bacana….. (comovente)

  4. Pedro says:

    Sou do sul e lembro deste acidente ocorrido em 2013 com a Tatiane Valques, na epoca fiquei bastante cheteado pelo fato de saber que ela estava gravida. Fico feliz em saber que a familia está bem e a principio conseguindo superar a perda. Tenho esposa e filha e fiquei com um nó na garganta ao ver as fotos, muito emocionante. Lindas, tanto mãe quanto filha….

  5. Anderson says:

    Aí é relaxo em Humberto??…. Parabéns muito bonito

  6. Rafael Guerreiro says:

    Cara!! Emocionante !!

  7. Jeferson says:

    🙁 Que historia!!!

  8. Jones Pereira says:

    Só uma correção Buteco! O acidente foi em 2013 e não em 2011 como foi postado…

  9. Famscrow says:

    Aqui venta muito, entrou poeira nos meus olhos sabe…

  10. Marco Antonio says:

    Achei meio mórbido, sei lá…

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo