Publicidade

Publicidade
16/10/2015 - 00:01

Gisele Marie, a muçulmana guitarrista de uma banda de heavy metal

Compartilhe: Twitter

marie_01

Esta é Gisele Marie Rocha, uma paulistana de 45 que é guitarrista de uma banda de heavy metal. O que a faz diferente das demais pessoas que tocam? Ela é muçulmana e vive vestida de niqb, este “vestido” para as mulheres adeptas à religião.

Desde 2009, ela está tentando mudar a visão das pessoas em relação à intolerância (ou intolerância) religiosa. Ela conta que a música para ela é algo natural e que faz parte da sua vida.

marie_02

marie_03

marie_04

marie_05

marie_06

marie_07

marie_08

marie_09

marie_10

marie_11

Crédito

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Inusitadas Tags: , ,

Ver todas as notas

27 comentários para “Gisele Marie, a muçulmana guitarrista de uma banda de heavy metal”

  1. Geyson Monte disse:

    Respeito todas as religiões e principalmente o Islã. Apenas acho que fica uma coisa meio estranha, já que nunca vimos uma muçulmana mostrar-se tão liberal.

  2. Robott disse:

    É difícil tolerar a falta de liberdade.

    • Heutom disse:

      O conceito de liberdade é interessante: vivemos num país onde podemos nos vestir do jeito que bem entendemos, no entanto, trabalhamos mais de 4 meses pra sustentar o governo… Onde está nossa liberdade?

      • saulo disse:

        Primeiro: não se “sustenta o governo”. A arrecadação de impostos é para custear o ESTADO. Há uma grande diferença entre governo (que é transitório) e Estado (que é permanente e essencial para a vida em sociedade). Segundo: não caia na falácia da “maior carga tributária do mundo”. Nossa carga tributária é bem semelhante à da maioria dos países democráticos (entre 35 e 40% do PIB). O problema é que nosso PIB é baixo, logo a arrecadação também é baixa para fazer frente aos custos do Estado. Em arrecadação per capita, não figuramos nem entre os 20 primeiros do mundo. Uruguai, Argentina e Chile arrecadam mais do que o Brasil. E não pense que não temos retorno do que pagamos. Temos muito retorno. O brasileiro paga em média 6mil reias por ano em tributos (municipais, estaduais e federais, diretos e indiretos). Isso dá 500 reais por mês. Imagine custear TODOS os serviços públicos que você usa (saúde, segurança, estradas, educação, forças armadas, justiça, MP, etc) com isso. Se você tem um filho na escola, já sabe que custa mais que 500 reais, se precisar ir ao médico duas vezes no mês já passa de 500 também, se recebe aposentadoria ou pensão, certamente é mais de 500 reais. Não existe mágica: para melhorarmos os serviços temos que AUMENTAR a arrecadação de tributos e não diminuir. A não ser que o brasileiro abra mão de benefícios históricos: educação gratuita, saúde gratuita, justiça gratuita, aposentadoria universal, pensão por morte, etc.

  3. Wagner disse:

    A verdade é que deve ser feia pá daná!

    • Geyson Monte disse:

      Muito pelo contrário, Wagner. Vi outra matéria sobre ela e tem os olhos lindos e um rosto que dá para se apaixonar.

  4. Max disse:

    Não consigo entender o porque especialmente mulher!
    Ja que mulheres são tardas como mercadoria não tem direito a nada não pode nem sair na rua sozinha

  5. Thales disse:

    Aposto que essa banda ainda vai estourar por aí!

  6. Pirata disse:

    Estranho: a postura (meio corcunda), a forma do corpo (pelo pouco que se pode ver) e as mãos me deixaram na dúvida se realmente se trata de uma mulher.
    Talvez seja apenas uma banda sem futuro querendo chamar a atenção.

  7. Den disse:

    Darth Vader?

  8. Den disse:

    Geyson Monte, onde vc viu essa outra matéria?

    • Odinson disse:

      Gente é o Marco Antonio! Agora é Gisele Marie!Antes que critiquem é direito dele não só trocar o sexo, como trocar o nome.

    • Geyson Monte disse:

      Na própria Internet. Vai no Google e busca o nome dela. É show!!! Abraço!!!

      • nelson disse:

        Você está chutando Geylson. Uma busca na internet e não há uma foto sequer dela sem o traje. Aliás, o que encontrei foi um vídeo no youtube onde fica EVIDENTE QUE SE TRATA DE UM HOMEM. As mãos são grosseiras, a voz é de homem (ele tenta disfarçar de vez em quando, mas não consegue o tempo todo)

  9. Odinson disse:

    KKKK, acertou! Antes ela tinha outro nome! ata de Divulgacao: 31/10/2012

    143/526

    (artigo 1.659, inciso I, do Codigo Civil).2. Por ora, nao conheco do pedido de retificacao, na autuacao, do nome
    de MARCO ANTONIO DOS REIS ROCHA para GISELE MARIE DOS REIS ROCHA. Da certidao de
    nascimento de GISELE MARIE DOS REIS ROCHA, retificada, conforme certidao constante do verso dela
    certidao (fl. 282, verso), nao ha nenhum registro a comprovar o nome anterior dela. 3. Fica MARCO ANTONIO
    DOS REIS ROCHA intimado para, em 10 dias, apresentar copia da sentenca e certidao de transito em julgado dos
    autos no 0031622-51.2010.8.26.0001 (001.10.031622-1), que estao indisponiveis para consulta pela internet ante o
    segredo de justica decretado nesses autos, conforme extrato processual cuja juntada ora determino.Publique-se.
    Intime-se.

  10. Diego disse:

    Senhor Humberto e Pessoal, boa tarde!

    Eu sou muçulmano e quero fazer umas considerações importantes. Vale lembrar que sou frequentador assíduo deste blog.

    O Islamismo não obriga as mulheres a se vestir desta forma
    Está no Alcorão que as mulheres(assim como os homens) devem vestir-se adequadamente. Em outro lado o Profeta Muhammad(S.A.A.S.) explica que o olhar do homem é perverso sobre a mulher. E sendo assim, muitas sociedades islamicas levaram ao pé da letra essa passagem e obrigam até hoje que a mulher tenha que se vestir desta forma. Isso é lamentável. É importante citar exemplos dessa diversidade. Países do golfo obrigam as mulheres a andar assim, já no norte da áfrica, turquia, azerbaijão, iran, indonésia e outros países não existem essas leis. E o machismo existe em todo lugar, o nosso país também é assim.

    Humberto, tu já publicasse aqui no teu blog uma pesquisa que mostra como as muçulmanas se vestem, inclusive indiquei na época que as pessoas visitassem teu blog para ver esta matéria. seria interessante que tu disponibilizasse para nós o link.

    Este infelizmente é o conceito que se criou por aqui, pois também mostram exemplos de países conservadores. A primavera árabe também trouxe mudanças significativas para as mulheres inclusive em sociedades conservadoras como a Arábia saudita por exemplo. Aliás por lá, rock é proibido, pois o lema do rock quando se popularizou era “sexo, drogas e rock’in roll”, só confirmando que os 2 primeiros itens são Haram(proibidos). mas que eu saiba é só lá.

    qualquer muçulmano que defenda este tipo de vestimenta para as mulheres, pode ter certeza que este é conservador

    E só lembrando pessoal que não há religião ruim. ruim são os praticantes.

    shukram Jazirham!(muito obrigado!)

  11. kill disse:

    Aposto que essa banda ainda vai estourar por aí!…Thales MITOU

  12. Isadora Paula Nakama disse:

    Caro Geyson Monte, cite a fonte,pois se voce acha que “tem os olhos lindos e um rosto que dá para se apaixonar”…
    Te informo: essa “linda mulher” ja foi um HOMEM bem gordinho.
    http://heavymetaldecada80.blogspot.com.br/2008/12/spectrus-brazilian-heavy-metal-band.html

    É o terceiro elemento da esquerda para direita.Cuidado quando for se apaixonar. A não ser que não se incomode com algum “detalhe”.

  13. Carla disse:

    Foi a primeira coisa que pensei quando vi as fotos, parece mais um homem!

  14. Pam disse:

    Seguinte, tudo que ela faz é considerado haram, ela se mistura em atividades masculinas, fala com homens que não são seus parentes próximos ou esposo, frequenta lugares onde tem bebida alcoólica e lida com música o que é proibido pelo islam, sem contar que a maioria das músicas são ocidentais, com letras de conteúdo que vão contra os ensinamentos islâmicos!

  15. Geyson Monte disse:

    Em atenção ao Diego vai a réplica. Muito boas as suas informações, mas completo: “Ruim são os praticantes”, não, são ALGUNS praticantes. E por isso respeito demais os muçulmanos leais. É tanto que a embaixada em Brasília há algum tempo atrás, distribuiu 4.000 cópias do Alcorão em português para quem enviasse e-mail. Não fui premiado. Abração!!!

  16. maria disse:

    diz a lenda q ela é um CARA… hehe

  17. Madurama disse:

    Essa moça tem 2 bolas

  18. Sandro Molina disse:

    Essa GISELE é HOMEM!!! Você percebe pelo tom de voz (forçado), pelas mãos e pelo modo de tocar.

    Eu toquei (bateria) com a banda SPECTRUS em 08/1992, quando eles tinham acabado de lançar a demo tape “Let’s See The Bears”, e buscavam um novo baterista; na casa dos irmãos Marco Antônio (guitarrista) e Marco Rocha (baixista), no bairro de Santana, em SP.

    Vejam que o MARCO tentou mudar de nome para GISELE, mas não conseguiu: http://www.radaroficial.com.br/d/16466939

    Aqui tem uma foto antiga dele (Marco: o terceiro da esquerda para a direita): http://heavymetaldecada80.blogspot.com.br/2008/12/spectrus-brazilian-heavy-metal-band.html

    Nesse vídeo você verá que o modo de tocar guitarra (corcunda) do Marco em 1985 é igual ao da tal Gisele: https://www.youtube.com/watch?v=dN6VPhi5VuY

    A idade dos dois é a mesma. Ambos são nascidos em SP, capital, filhos de pai advogado e mãe professora. Os dois irmãos, Marco Antônio e Marco Rocha, trabalhavam no escritório de advocacia do pai no Centro de SP, na época (início dos anos 90).

    Enfim, é muita semelhança!!!

    E pra terminar: sendo muçulmana, a tal Gisele comete pecados inaceitáveis para uma mulher muçulmana: exerce atividades masculinas (tocar guitarra); convive com homens da banda que não são seus parentes ou marido; toca em bares mundanos (onde tem bebida alcoólica); toca músicas ocidentais (heavy metal); tudo contra os ensinamentos islâmicos!!! Tudo isso é uma blasfêmia para o mundo muçulmano!!! Digna de apedrejamento.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo