Publicidade

Publicidade
24/02/2016 - 00:03

Fotos interessantes e as histórias por trás delas (Parte 58)

Compartilhe: Twitter

Confira outra sequência de fotos interessantes e suas histórias.

f_legais_01

Semelhanças entre o olho humano e as galáxias

 
 
 
 
f_legais_02

Moda masculina de 1660

 
 
 
 

f_legais_03

Chave da nova BMW série 7

 
 
 
 

f_legais_04

Quando seus planos de dominação mundial está quase completo

 
 
 
 

f_legais_05

Cirurgia plástica faz com que todas as Miss Coréia fiquem parecidas. Mais de 13 milhões de mulheres fazem este procedimento

 
 
 
 

f_legais_06

Poster de “O Retorno de Jedi” na União Soviética (1990)

 
 
 
 

f_legais_07

Lista manuscrita feita por Kurt Cobain com seus 50 melhores álbuns

 
 
 
 

f_legais_08

Ryan Reynolds e a equipe de marketing de Deadpool

 
 
 
 

f_legais_09

Paul McCartney no casamento de Ringo Starr, 1981

 
 
 
 

f_legais_10

Garagem dos Gracie, em 1978, onde o Jiu Jitsu foi ensinado pela primeira vez

 
 
 
 

f_legais_11

Esta é a aparência da fazenda solar da Disney

 
 
 
 

f_legais_12

Navio de cruzeiro durante sua construção

 
 
 
 

f_legais_13

O primeiro teleprompter que foi usado por um presidente dos EUA (Dwight D. Eisenhower)

 
 
 
 

f_legais_14

Um caracol tomando um pouco de água

 
 
 
 

f_legais_15

Corte lateral de um tanque de guerra

 
 
 
 

f_legais_16

Seleção brasileira embarcando para a Copa de 1962 pela companhia Panair, que foi fechada pela ditadura

 
 
 
 

f_legais_17

Operários acenam para foto durante a construção da ponte Rio-Niterói

 
 
 
 

f_legais_19

Jovem Príncipe William sendo saudado pela tropa

 
 
 
 

f_legais_20

Newton Hidenori, o “japonês da federal”, foi preso em 2003 por receber propina para não fiscalizar veículos na fronteira

 
 
 
 

f_legais_21

Sem apoio ou fomento à indústria automobilística brasileira, a Gurgel encerra as atividades em 1996

 
 
 
 

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Fotos Tags: , ,

Ver todas as notas

15 comentários para “Fotos interessantes e as histórias por trás delas (Parte 58)”

  1. Ronan Arruda says:

    O melhor de todos os posts, parabéns, poderia ser semanal.

  2. Mario says:

    Parabéns pelo post!!!!
    Sensacional como sempre!!!

  3. Geyson Monte says:

    Mais um show de informação!!! A moça russa é como uma joia rara. A do “japonês” não é novidade. Muito boa a postagem mais uma vez.

  4. carlos silva says:

    A moda do sec xvii era aonde, na Europa ou América?

  5. murissoca says:

    então o japa também é corrupto, estamos perdidos…

  6. Italo says:

    One, não duvidando…mas a foto dos Gracies é realmente onde tudo começou?

  7. Filipe says:

    Melhor post.

    Parabéns.

  8. Diego Planche says:

    Humberto, na primeira foto, a semelhança entre olhos e galaxias está errada a descrição, não são galaxias nas fotos, mas sim, nebulosa.

  9. Rafael says:

    Acho que a foto da garagem é da casa onde Royce começou a ensinar BJJ nos EUA, e não “onde tudo começou!.

  10. Isabel says:

    Não sabia que a Panair tinha sido fechada pela ditadura. Essa é a melhor coluna do blog! Parabéns!

  11. Flávio says:

    A casa é de Rorion Gracie, na Carolina do Sul, nos EUA, no ano de 1978.
    Foi nessa garagem que ele começou a ensinar Jiu Jitsu e a divulgar a arte naquele país.
    Isso pode ser confirmado no instagram dele (onde tem a foto) e nas várias biografias que os Gracie divulgam nos seus sities.

  12. Berguinho says:

    Os russo são loucos mesmo. As coreanas mesmo sem plásticas já são parecidas. A tecnologia veio ao nosso favor, pra nosso bem, nos auxiliar e ajudar mas, a alienação está muito grande.

  13. A do japa não fez sentido, pois a foto não conta nada, só o título…fail por esse Humberto.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo