Publicidade

Publicidade
19/12/2016 - 00:01

Antes e depois da guerra em Aleppo, na Síria

Compartilhe: Twitter

siria_27
Mais de 30 mil pessoas morreram nessa guerra sem fim lá na Síria. Para deixar registrado o tamanho do absurdo, dá uma conferida no antes e depois de Aleppo. A cidade era muito interessante.

 
siria_01
 
 
 
 
siria_02
 
 
 
 
siria_03
 
 
 
 
siria_04




siria_05
 
 
 
 
siria_06
 
 
 
 
siria_07




siria_08
 
 
 
 
siria_09
 
 
 
 
siria_10
 
 
 
 
siria_11




siria_12
 
 
 
 
siria_13
 
 
 
 
siria_14




siria_15
 
 
 
 
siria_16
 
 
 
 
siria_17




siria_18
 
 
 
 
siria_19
 
 
 
 
siria_20
 
 
 
 
siria_21




siria_22
 
 
 
 
siria_23
 
 
 
 
siria_24
 
 
 
 
siria_25




siria_26
 
 
 
 

siria_28




siria_29
 
 
 
 
siria_30

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Fotos Tags: , , ,

Ver todas as notas

5 comentários para “Antes e depois da guerra em Aleppo, na Síria”

  1. Geyson Monte says:

    O Bashar é um fã de Hitler.

  2. muniz says:

    A midia prega que a culpa em si da guerra é de Bashar juntamente com os russos, sim eles são ditadores mas fator de motivação desta guerra é da França que deseja abir um gasoduto que passa pela Siria, porem isso fará que a França nao precise mais do Gás Russo, afetando a economia russa diretamente, os americanos interessados com a queda russa financiam mercenários para tirar Bashar do poder, resumindo nessa briga não tem santos nem lado certo, apenas vitimas

  3. Helena says:

    Independente das causas da guerra, parece-me que os árabes de maneira gral não gostam do belo, do construído. Enquanto não transformarem tudo em escombros não sossegarão. Cultivam a política de terra arrasada. Será uma vitória de Pirro

  4. FELIZMENTE ATEU E RACIONAL says:

    MAIS UMA EXPLICITA PROVA DE QUE O AMIGUINHO IMAGINARIO(deus), É INUTIL E EM NADA AJUDA !!!

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo