Publicidade

Publicidade
09/06/2017 - 00:01

Criança quase se afoga em piscina e ninguém percebe; veja o vídeo

Compartilhe: Twitter

afogado

Segundo os relatórios das autoridades, uma mãe deixou seu filho de 5 anos sozinho numa piscina para poder ir à sauna. Como consequência, a criança quase se afoga após lutar por 4 minutos e 20 segundos, sem que qualquer outra pessoa percebesse que ele precisava de ajuda. Após o incidente, a mãe do menino (uma mulher estoniana de 44 anos) recebeu foi presa por abandono de incapaz. Ah, felizmente a criança sobreviveu.




Autor: - Categoria(s): Flagra, Video Tags: , , ,

Ver todas as notas

7 comentários para “Criança quase se afoga em piscina e ninguém percebe; veja o vídeo”

  1. João Bosco says:

    Vídeo angustiante. Irresponsabilidade por parte dos responsáveis(pais e gestores desse espaço) foi criminosa.

  2. Charles Guedes says:

    O que se percebe, é que a criança sabe nadar. Ate 1:25 ela esta brincando, inclusive dando cambalhotas. Parece que ela teve uma descarga eletrica, nesse momento, na lampada aquatica na borda da piscina e ficou inconsciente. Ou entao teve um mal súbito. Fatalidade!

  3. Celebel says:

    sabe nada, ele ta tentando subir pra respirar, seu nóia

  4. Leandro says:

    O pior não nem a irresponsabilidade dos pais da criança, mas sim a falta de percepção da população atual. Demoraram demais para perceber que a criança estava com problemas. Alguns passavam do lado da criança e nada percebiam. Negro será o nosso futuro.

    • Bruno Weslley says:

      a questão é que os pais estão concentrados em seus filhos e por isso não perceberam, eu mesmo quando levo os meus para a piscina não desprego os olhos deles

  5. Nadador aquático says:

    “seu nóia” kkkkkkk. Mano a galera ta em volta totalmente alheia. Lembrou o caso da chinesa pisoteada na sarjeta

  6. The Crow says:

    …triste. Mas quem será o idiota que vai encostar na criança e depois ainda ser acusado de assedio. Dexa morrer, problema é da mãe e do estado.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo