Publicidade

Publicidade
30/11/2018 - 10:42

Conheça o prédio residencial construído com contêineres empilhados

Compartilhe: Twitter

Não é brincadeira. Um projeto para que visa revitalizar o centro de Joanesburgo, na África do Sul, originou um prédio de seis andares totalmente construído com contêineres de carga empilhados. A ideia é oferecer opções residenciais de baixo custo em uma área que já abriga restaurantes, bares e o popular mercado semanal Market on Main. Dá uma conferida.


 
 






 
 





Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Fotos Tags: ,

Ver todas as notas

9 comentários para “Conheça o prédio residencial construído com contêineres empilhados”

  1. Vinicius says:

    Aqui em Sampa, temos um prédio comercial desde 2014 de contêineres – Vila Madalena.

  2. renato says:

    A 5 anos atras, 1 contêiner custava 4 mil reais.
    Tinha um projeto para uma casa usando 3 contêineres.
    Não consegui financiamento com a caixa nem para o material da base, pois o projeto não foi aprovado.
    Hoje cada Contêiner tá custando mais de 12 mil reais.
    Infelizmente deixou de ser uma economia e virou luxo.

    • Cleverson says:

      Pura verdade, aumentou a demanda o preço foi junto.
      Onde eu moro gasta mais pra fazer uma casa de contêiner do que de alvenaria, devido aos revestimentos que precisam ser feitos.
      Casas deles são comuns, mas o prédio pra mim é novidade, deve ser horrível morar ali.

    • fer says:

      outro dia eu tinha visto os mais básicos e estavam por 20 mil, só a lataria praticamente, os que tinham ar condicionado e um outro tipo de revestimento estava por mais de 40 mil

  3. Bonotto says:

    No verão deve ser problema o calor.

  4. Mick says:

    Isso me lembra Read Player One (jogador numero um).

  5. Carla says:

    Me lembra aqueles prédios de filmes de futuro distópico.

  6. Clandestinidade Tobago says:

    será q aguenta um peido daqueles nojento?

  7. o retard says:

    vai ter tb de caixa de fosfro, deve ser bacana

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo