Publicidade

Publicidade
24/09/2019 - 00:02

Apresentadores da Band se desentendem ao vivo sobre morte de menina no Rio; assista

Compartilhe: Twitter


Apresentadores do “Aqui na Band”, Silvia Popovic e Luis Ernesto Lacombe não se entenderam enquanto repercutiam a morte da menina Ágatha, vítima de bala perdida no Rio de Janeiro. Enquanto Popovic creditava o disparo à polícia, Lacombe disse que preferia aguardar as investigações para criticar os responsáveis. O clima ficou um pouco pesado ao vivo.



Autor: - Categoria(s): Flagra, Video Tags: , ,

Ver todas as notas

14 comentários para “Apresentadores da Band se desentendem ao vivo sobre morte de menina no Rio; assista”

  1. FELIPE says:

    eu nao sei pq desenterrar essa mulher.. afff

    • Mr Robot says:

      Não sei pq relativizar a morte de uma criança.
      um governador genocida q entra em favela matando a torto e direito, dando entrevista dizendo q vai atirar na cabecinha….

      • Porttos says:

        O que voces esquecem é que a Colômbia passou por isso, o trafico de Escobar virou Narco Terrorismo, de tanto que os governantes deixaram o tráfico criar poder, quando quiseram retomar, tiveram que partir para a caça aos traficantes, com trabalho de investigação e poder bélico para entrar nos locais conflagrados, o que o Witzel está fazendo aqui é mais que correto, se numa favela tem 500 traficantes, todos os 500 e mais alguns que resolverem entrar tem que morrer, só assim o estado consegue entrar e dar ao povo de lá uma alternativa ao tráfico..e outra porque voce acha que a favela também protege o traficante? para não pagar água, luz…se entrarem lá as empresas de luz e água…voce acha mesmo que o favelado vai querer pagar por algo que eles tem há décadas de graça…e a proteção que tráfico dá a eles? Favelado quando se sente ameaçado diz que vai “falar com os meninos”….e ai? o favelado vai querer perder a proteção que tem do tráfico também?…de certo não são todos….mas a maioria se apóia de alguma forma no tráfico local…não precisa ser comprador, basta apenas deixar eles lá…..o dia que o favelado não quiser mais traficante e tiroteio com PM….vai ligar para o Dique Denûncia e dizer o nome do traficante, onde ele, mora, com quem mora, onde a familia mora e tudo que é ligado a ele…ai a polícia monta um cerco e consegue prender ele sem disparar um único tiro, por vai na boa vai dar o bote certo e prender…ai se passa ver ações de inteligência funcionando…agora na covardia pegar o policial e tacar dentro da favela e deixar o cara lá nervoso, com medo de morrer e a todo instante ele saber que um bonde de traficantes pode passar ali e matar ele durante serviço!…ninguém fica bem não amigo!! ser humano nenhum fica confortável! Isso leva a esses problemas terríveis como a morte dessa menina….o certo é tirar o policial de dentro da favela e permitir que eles trabalhem no entorno fiscalizando o sobe e desce para pegar entrada e saída de armas e drogas, agir fora da favela e não lá dentro pondo morador a esse risco….mas isso ainda é pouco, tem muito que ser feito para mudar isso…são coisas que levarão outras décadas para apresentar resultados.

  2. Fellipe Parlandi says:

    Eu observo uma crescente aqui no blog, a sessão de comentários está cada dia mais tóxica, o cara dos comentários teve a capacidade de achar ruim a mulher criticar a política pública do estado rio, o que deixa clara sua posição política, porém não comenta nada a respeito das pessoas mortas em vista dessa truculência da polícia, mataram uma criança de 8 anos, não há desculpa pra isso bicho.

  3. Pedro Alcantara says:

    Coitado do Lacombe, ter que dividir a bancada com ela. Todo mundo sabe quem foi, mas, tem mesmo que esperar as investigações. No Rio de Janeiro nunca da para dar palpite logo de cara.

  4. Charles says:

    Essa senhora já pode entrar para o PSol ou PcdoB.

  5. mf says:

    pior é que uma senhora como essa acaba se tornando uma formadora de opiniões, ela acaba propagando esse discurso imbecil e as pessoas de cabeça fraca acabam comprando-o. Velhaca SENSACIONALISTA, querendo fazer mídia em cima da morte de uma criança, patetica. Felizmente existem profissionais centrados como o Lacombe, que independente do posicionamento politico, sabe ser imparcial e RACIONAL.

  6. Lucas says:

    Olhá nasci no pior bairro da minha cidade, meus pais falam como parecia o velho oeste aqui, uma fatalidade a morte da criança. Mas vai colocar a culpa no governo atual é piada e da sem graça! pelo amor. No lugar onde moro os viciados que devem ou tem rolo com os traficantes são executados durante troca de tiros, a familia por ter “proteção” do trafico e estar de saco cheio do sujeito coloca a culpa na policia, pode acreditar. Os bandidos tiveram bons ensinamentos de pessoas de alto nivel do poder, para polar essas coisas. Tudo que vc ver na tv possuira coisas diabolicas por trás sempre

  7. Guilherme says:

    O RJ é o berço da malandragem, da bandidagem de tudo que é de ruim para uma população. Temos uma polícia extremamente corrupta, temos uma população que defende o bandido…
    Toda a imprensa mostrou só um lado, de acusar a polícia sem ao menos esperar o resultado da perícia. Não cabe a ela julgar

  8. sheilo jailson says:

    diabo de saia do caralho, mascarando o colega de bancada como frio e insensível ao ocorrido, q lixo humano. o fato da policia ser despreparada faz com que isso se torne o calcanhar de aquiles, criando conjecturas e afirmações que destoam a realidade, agora todos afirmam que quando um inocente morre, o culpado foi a policia. estão todos envenenados por esse discurso imbecil que, me arrisco a dizer, ressalto ME ARRISCO a dizer por conta da força contraria ao atual governo. E eh claro nao chupo pau nem de direita nem de esquerda só é oq estou observando.. eu quero mais eh q vc bolsominion ou vc petista se f***

  9. Porttos says:

    O que voces esquecem é que a Colômbia passou por isso, o trafico de Escobar virou Narco Terrorismo, de tanto que os governantes deixaram o tráfico criar poder, quando quiseram retomar, tiveram que partir para a caça aos traficantes, com trabalho de investigação e poder bélico para entrar nos locais conflagrados, o que o Witzel está fazendo aqui é mais que correto, se numa favela tem 500 traficantes, todos os 500 e mais alguns que resolverem entrar tem que morrer, só assim o estado consegue entrar e dar ao povo de lá uma alternativa ao tráfico..e outra porque voce acha que a favela também protege o traficante? para não pagar água, luz…se entrarem lá as empresas de luz e água…voce acha mesmo que o favelado vai querer pagar por algo que eles tem há décadas de graça…e a proteção que tráfico dá a eles? Favelado quando se sente ameaçado diz que vai “falar com os meninos”….e ai? o favelado vai querer perder a proteção que tem do tráfico também?…de certo não são todos….mas a maioria se apóia de alguma forma no tráfico local…não precisa ser comprador, basta apenas deixar eles lá…..o dia que o favelado não quiser mais traficante e tiroteio com PM….vai ligar para o Dique Denûncia e dizer o nome do traficante, onde ele, mora, com quem mora, onde a familia mora e tudo que é ligado a ele…ai a polícia monta um cerco e consegue prender ele sem disparar um único tiro, porque vai na boa vai dar o bote certo e prender…ai se passa ver ações de inteligência funcionando…agora na covardia pegar o policial e tacar dentro da favela e deixar o cara lá nervoso, com medo de morrer e a todo instante ele saber que um bonde de traficantes pode passar ali e matar ele durante serviço!…ninguém fica bem não amigo!! ser humano nenhum fica confortável! Isso leva a esses problemas terríveis como a morte dessa menina….o certo é tirar o policial de dentro da favela e permitir que eles trabalhem no entorno fiscalizando o sobe e desce para pegar entrada e saída de armas e drogas, agir fora da favela e não lá dentro pondo morador a esse risco….mas isso ainda é pouco, tem muito que ser feito para mudar isso…são coisas que levarão outras décadas para apresentar resultados.

  10. ORKAYDA says:

    Engraçado né… um cara com tanta bagagem, que se acha tão inteligente, não entender até hoje que a guerra as drogas ta longe de ser uma solução para o problema de violência, cabassauro.

  11. Bubba Zanetti says:

    Parabéns a Luis Ernesto Lacombe!!!

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo