Publicidade

Publicidade

22/09/2015 - 12:00

Cenas de preconceito explícito

Compartilhe: Twitter

precconceito

Na década de 90, existia um programa na extinta TV Manchete que abordava assuntos essencialmente polêmicos, seu nome era “Documento Especial”. Em um dos episódios, o programa foi até a praia da Barra da Tijuca para entrevistar alguns frequentadores. O que se vê no vídeo foi caracterizado pelo programa, na época, como “cenas de preconceito explícito”. Algumas pessoas falam sobre a convivência entre elas e moradores da Zona Norte.

O vídeo ressurge em um momento no qual o Rio de Janeiro discute a onda de violência que tomou algumas praias no último final de semana.

A propósito, a dona do comentário, hoje com 50 anos, disse que mudou a maneira como encara os fatos. Veja seu depoimento.

depoimento_video

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Video Tags: , , , , , , ,
22/08/2014 - 13:17

Câmeras de segurança flagram homem agredindo violentamente mulher na frente de um clube em São Paulo

Compartilhe: Twitter

cotovelada
As câmeras de segurança de um clube em São Roque, SP, flagraram uma mulher de 30 anos sendo violentamente agredida por um homem.

De acordo com as imagens, é possível vê-la discutindo com um rapaz de blusa branca e logo depois falando algo com o agressor, que desferiu uma violenta cotovelada em seu rosto.

Ela foi socorrida e encontra-se internada na Santa Casa de São Roque com traumatismo craniano. O agressor foi identificado, preso e deve responder por tentativa de homicídio.

Autor: - Categoria(s): Flagra, Video Tags: , , ,
01/11/2011 - 00:03

Torcedor invade campo e agride violentamente jogador do time visitante

Compartilhe: Twitter

Um jogo válido pela 12º rodada do campeonato romeno de futebol entrou para a história por um episódio lamentável. Um torcedor do Petrolul entrou em campo e agrediu violentamente um jogador da equipe visitante, o Steua de Bucareste.

Tudo começou quando um pênalti foi assinalado contra a equipe da casa. O Petrolul já perdia de 1×0 quando um torcedor invadiu o gramado e acertou um soco no rosto de um dos jogadores, provocando um trauma no tímpano.

Não satisfeito, o agressor partiu para cima dos demais jogadores, que revidaram.

Após expulsar dois jogadores, o jogo recomeçou e o Steua aumentou a vantagem para 2×0. Entretanto, mais tarde, um foguete acabou atingindo o goleiro da equipe visitante, que precisou ser atendido e levado para um hospital próximo.

O árbitro foi assim obrigado a terminar a partida mais cedo.

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Flagra Tags: , , , ,
30/07/2010 - 00:03

Fotógrafo português mostra violência no Brasil em fotos

Compartilhe: Twitter

Fascinado pela violência nas grandes cidades, o fotógrafo português João de Carvalho decidiu registrar, em fotos, a falta de segurança no Rio de Janeiro. O resultado, você confere nas fotos a seguir. Algumas delas dizem muito. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Fotos, impressionante Tags: , , , ,
10/03/2009 - 00:03

Pesquisa afirma que desenhos deixam jovens mais agressivos

Compartilhe: Twitter

Quem nunca ouviu dizer que a TV contribui para comportamentos antissociais? Esta é uma afirmação antiga, que começa a tomar forma com a recente divulgação de pesquisas, sobretudo envolvendo jovens.

A mais atual, realizada na Grã-Bretanha, mostra que altos níveis de violência nos desenhos animados podem tornar os jovens mais agressivos.

De acordo com o Daily Mail, o estudo descobriu que os desenhos influenciam muito mais do que outros programas, como as séries e filmes, e que as crianças copiam e criam fantasias, tal como fazem os personagens.

A pesquisa também constatou que os jovens tendem a imitar o comportamento negativo que veem na TV. Os psicólogos entrevistaram 95 garotos com idades entre 10 e 11 anos, questionando-os sobre seus programas de TV favoritos, incluindo: Lost, Buffy, a caça Vampiros, Scooby-Doo e Pokemon.

O resultado mostrou que as produções destinadas às crianças, como os desenhos animados, possuíam os mais altos níveis de violência. Para se ter uma ideia, são registrados 26 atos de agressão em uma hora, em comparação com apenas cinco em outros nove programas considerados impróprios para menores de 14 anos. Uma espécie de reafirmação para o que já era percebido há décadas.

“Os resultados indicam que existem maiores níveis de agressão física em programas infantis do que em programas para audiências gerais”, disse o estudo.

O estudo, realizado pela Universidade de Iowa e publicado no Journal of Applied Developmental Psychology, também descobriu que as crianças na escola copiam as agressões verbais vistas na TV. Entre os comportamentos negativos destacam-se: espalhar boatos, fofocar, trocar agressões físicas e verbais e a exclusão de amigos do grupo.

E você, acha que os desenhos animados oferecem este tipo de contribuição antissociais?

Autor: - Categoria(s): Curiosidade Tags: , ,
28/01/2009 - 00:01

Revistinha em quadrinhos na China é coisa séria… bem séria

Compartilhe: Twitter

Curiosamente, na China os quadrinhos fazem grande sucesso. Em 1992, uma ‘grafic novel’ chamada ‘Maus’ conquistou o importante prêmio Pulitzer. A explicação para tanto sucesso foi dada pelo editor Luiz Schwarcz, que declarou que “o livro foi feito para um público jovem, mas, como ele toca, entre outros assuntos, da questão da exclusão do imigrante, acabou tendo um apelo maior para leitores adultos”.

Veja as demais imagens.

Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Curiosidade Tags: , ,
Voltar ao topo