Vídeo de Ministro malaio chicoteando preso, vaza na internet e causa polêmica

Preso com correias em uma moldura de madeira, um prisioneiro sofre ataques brutais com um chicote. Desde o primeiro golpe, dado pelo oficial, a pele de sua nádega não resiste. Estas cenas provocaram muita polêmica durante a semana. As chicotadas se seguiram, até que a pele estivesse totalmente machucada.

As autoridades querem mudar essa prática dentro das cadeias. Nas imagens, o preso (supostamente um traficante de drogas) é golpeado 20 vezes com um bastão de bambu.

O vídeo de seis minutos, está disponível no Lifeleak.

“Nós estamos indo à caminho da pena de morte se continuarmos assim,” disse o presidente do conselho, Ambiga Sreenevasan e ainda complementou: “Está de encontro a todas as normas internacionais dos direitos humanos. É desumano e degradante.”

Já o ministro punidor, afirmou: “O vídeo serviu como forma de educar o público e mostrar como a punição com chicote pode ser desagradável. É um retrocesso para traficantes e viciados em drogas.

“De alguma forma alguém duplicou e publicou na internet, mas não foi feito por nossos oficiais. Ele foi feito para instrução e usado nos treinamentos.”

Punição com chicote é uma prática extensamente usada na Malásia, usada para punir várias ofensas incluindo crimes envolvendo drogas, estupro e a entrada ilegal no país.

E você, concorda com o ministro ou o presidente do conselho?

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!