Homem que soluça sem parar há 1 ano e 3 meses terá que fazer cirurgia

Se você já teve soluços durante um longo espaço de tempo sabe o quanto é desagradável, para não dizer desesperador. Agora imagine um homem soluçando por mais de 1 ano, de forma ininterrupta. Pois, foi o que aconteceu com Chris Sands, de 24 anos. Chris soluça em média a cada dois segundos.

Segundo o Daily Mail, Chris já tentou de toda simpatia possível, além de ter feito yoga, hipnose e até câmara de oxigênio, sem sucesso.

Chris Sands, que é músico, disse que sua carreira ficou prejudicada e acredita que a cirurgia conseguirá lhe devolver uma vida normal. Segundo os médicos do Queen’s Medical Centre, um tubo será implantado no estômago de Chris para monitorar o nível de acidez, pois ele sofre de refluxo ácido, motivado por uma falha em uma das válvulas.

Chris lembra que sua primeira crise ocorreu em 2006, mas logo passou. Entretanto, desde fevereiro de 2007, nem mesmo dormindo ele pára de soluçar. Desesperado, ele afirma que já ficou de cabeça para baixo, tomou susto, colocou uma linha vermelha na testa, bebeu água de várias maneiras diferentes.

Curiosamente, um outro homem que sofreu com crises de soluço, passou pela mesma cirurgia, mas infelizmente não teve sucesso, permanecendo quatro anos soluçando.

No vídeo abaixo você compartilha um pouco do sofrimento de Chris, que afirma: “Quando você tem esse problema por muito tempo ele te deixa sem forças, porque você não consegue nem dormir direito. É uma verdadeira maldição”.

Como tentar parar o soluço

Nenhuma solução, é comprovadamente mais eficaz do que a outra – pois parece depender da pessoa e da situação específica mas algumas medidas podem ser adotadas para controlar o soluço. Segundo o HowStuffWorks, algumas técnicas podem ser tentadas.

Alguns dos tratamentos caseiros mais populares funcionam com a estimulação da nasofaringe, a parte da faringe que fica atrás das amígdalas e está ligada com as fossas nasais. Esses tratamentos, como beber água pelo lado mais distante do copo, morder um limão ou puxar a própria língua, costumam ser úteis para acabar com soluços que já duram alguns minutos.

Outros métodos populares, como prender a respiração, podem acabar com os soluços porque interrompem o ciclo respiratório. Respirar dentro de um saco de papel, beber rapidamente um copo de água fria ou ser assustado também são coisas que funcionam pela mesma razão. Ninguém tem certeza do porquê, mas a distração da mente costuma acabar com os soluços. Experimente ver o que acontece quando alguém lhe coloca em uma situação difícil e pede para vê-lo soluçando. Se esses métodos não forem eficazes, a acupuntura e a hipnose obtiveram sucesso em pessoas que sofriam de soluços persistentes.

Procedimentos médicos geralmente ficam reservados para aquelas pessoas com soluços persistentes ou intratáveis. Bater na nuca ou esfregá-la, massagear o seio carotídeo (uma artéria no pescoço) e aplicar pressão sobre o globo ocular podem estimular os nervos do diafragma. Um remédio para relaxar o diafragma também é uma opção para alguns pacientes. Tratamentos mais invasivos incluem a estimulação da faringe usando um tubo colocado através do nariz ou da boca, a massagem retal digital, que pode estimular o nervo que controla a glote, o esvaziamento do estômago através de um tubo no nariz e a cirurgia para bloquear os nervos do diafragma.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!