Top 10 – Remédios caseiros que poderão ajudá-lo em uma emergência

Embora as dicas a seguir sirvam para ajudar, e são comprovadamente eficazes, consultar um especialista é fundamental.

Veja alguns remédios caseiros que podem ajudá-lo numa eventual emergência:

10. Dor de dente

A maioria das dores de dente são ocasionadas por bactérias que penetram no tecido. A inflamação que ocorre em seguida, causa pressão e provoca a dor.

Na maioria dos casos, o “eugenol” (ou óleo de cravo), proporciona um excepcional alívio temporário. O eugenol é um forte anti-séptico. Seus efeitos medicinais também auxiliam no tratamento de náuseas, flatulências, indigestão e diarréia. Contém propriedades antibactericidas, antivirais. Se você for suficientemente corajoso e habilidoso, pode até misturar eugenol líquido com óxido de zinco e fazer sua própria obturação. Algumas gotas sobre a superfície do dente deve fazer o trabalho até que você possa chegar ao dentista.

9. Dor de cabeça

Embora seja muito comum sentirmos dores de cabeça e tomarmos um remédio, é possível aliviá-la utilizando uma boa massagem. Algumas dicas costumam surtir bom efeito. Pressione o primeiro osso saliente, que fica entre o punho e o polegar. Faça massagens, apertando a área localizada entre as bases do polegar e do dedo indicador.

Você também deve tentar evitar ambiente muito iluminados e aplicar uma compressa fria para sua cabeça.

8. Frieira

são micoses superficiais provocadas por fungos do grupo dos dermatófitos, benignas mas incômodas e inestéticas, como o Pé-de-atleta, também conhecido por Tinea pedis.

Um método que diminuirá os sintomas da frieira é mergulhar os pés em uma panela com urina quente. Sim, isso só é possível porque urina é altamente alcalina.

7. Furúnculos

Um furúnculo é uma doença de pele causada pela inflamação dos folículos pilosos, resultando numa acumulação localizada de pus e tecido morto.

Um bom remédio para o tratamento de furúnculos está na utilização de compressas de fatias de tomate aquecido ou cebola crua, alho esmagado ou folhas de repolho. Você pode cortar estes legumes e pressionar diretamente sobre o furúnculo. Outra dica é colocar um saco de chá preto quente, diretamente sobre o furúnculo, durante 15 minutos, várias vezes ao dia.

6. Picada de abelha

Retire o ferrão da abelha fazendo uma “raspagem” do local com a borda de um cartão de crédito ou com a unha. Nunca se deve puxar o ferrão com o dedo ou com pinças. A retirada sem raspagem poderá introduzir ainda mais veneno no corpo.

5. Indisposição gástrica

O remédio é simples. Basta misturar um copo de água com bicarbonato de sódio misturados. Isto deve aliviar o desconforto estomacal causado por gases, e ajudar a neutralizar ácidos estomacais.

4. Dor de ouvido

As dores de ouvido mais comuns são ocasionadas quando ocorre um congestionamento das trompas de Eustáquio, que compreende a parte de trás da garganta até o ouvido. A dor inicia-se quando muco ou pus acumula-se por trás do ouvido. Quanto mais o organismo produz fluido, maior a pressão e dor.

Uma dica para aliviar a dor consiste no aquecimento de azeite de oliva. Logo após, utilizando um pedaço de algodão, embeber no azeite e utilizar tampando o ouvido. Se a dor for causada por um inseto, que ficou preso no ouvido, deve-se lavá-lo com álcool, mas nunca tentar tirá-lo, pois o ato pode empurra-lo ainda mais.

3. Hemorróidas

Fazer um banho de assento com o pó de castanha da índia é uma forma simples mas muito curativa para tratar a hemorróida, reduzindo o inchaço, inflamação e desconforto associados. Misture 5 colheres de sopa de pó de castanha-da-índia em 2 litros de água fervente, deixe a infusão descansar por dez minutos aproximadamente e assim que a água atingir uma temperatura agradável, coloque numa bacia e utilize como banho de assento. Faça isso por 5 dias seguidos para favorecer a cura.

2. Herpes labial

A herpes é uma doença viral recorrente, geralmente benigna, causada pelos vírus Herpes, que afeta principalmente a mucosa da boca ou região genital, mas pode causar graves complicações neurológicas.

Uma compressa de leite, colocado diretamente sobre a ferida pode aliviar dores e agilizar o processo de cicatrização. O leite deve ficar à temperatura ambiente entre 10 a 15 minutos, antes de ser colocado na pele.

1. Queimadura

Ao contrário das queimaduras de maior extensão, como as de segundo e terceiro graus, que requerem cuidados médicos, as pequenas queimaduras diárias são fáceis de cuidar. Pesquisas indicaram que queimaduras tratadas com gaze e um pouco de mel funciona melhor do que os outros remédios caseiros, como gel de aloe vera e manteiga.

Os médicos, entretanto, afirmam que o método real e comprovado para curar pequenas queimaduras ainda é o uso de compressa molhada, imergi-la na água gelada e depois cobrir a área com bandagem estéril e não adesiva.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!