Com 80% do corpo tatuado, incluindo um olho, inglês se queixa que não consegue emprego

Ele é o homem mais tatuado da Grã-Bretanha, com 80% do corpo coberto de tinta.

Mas, aos 33 anos, Mathew Whelan agora está lutando para encontrar emprego, mas está difícil.

Depois de passar ao todo 300 horas na cadeira do tatuador e ter pago mais de R$ 40 mil, Whelan atualmente atua como voluntário num escritório político.

Além de tudo, o rapaz também tatuou um olho como complemento da modificação.

“Eu tenho plena consciência dos riscos envolvidos. Para o meu olho, eu visitei oftalmologistas para escutar várias opiniões”, disse ele ao Daily Mail.

Whelan criou uma organização sem fins lucrativos para ajudar pessoas com modificações corporais a encontrarem emprego.

“Eu não vejo por que alguém discrimina outro apenas por causa de sua aparência, então quero ajudar as pessoas a encontrar emprego”.

Ironicamente, ele próprio não conseguiu.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!