Comercial polêmico adverte sobre os riscos de remédios falsificados

Certamente você já deve ter recebido centenas de e-mails com propagandas e promoções de venda de remédios via internet. Esta prática despertou a atenção de um laboratório, que lançou uma campanha, no mínino, chocante. Um homem puxa um rato morto de sua boca depois de tomar um comprimido que supostamente comprou na internet.

De acordo com o britânico Telegraph, um em cada dez homens confessaram a compra de medicamentos através da internet sem qualquer prescrição. Um dos mais populares é o Viagra.

O anúncio será reproduzido em cinemas do Reino Unido e mostra, através de uma cena chocante, o que remédios comprados nessas condições são capazes de fazer.

O locutor adverte: “Veneno de rato é um dos ingredientes perigosos que compõe remédios falsificados comprados em sites ilegais”.

“Esta campanha faz parte de uma ampla campanha de educação pública lançada pela Pfizer no ano passado para garantir que o público esteja ciente dos riscos de saúde que estão correndo ao comprar e consumir medicamentos sem procedência”, declarou o Dr. Davir Gillen, diretor da Pfizer.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!