Conheça a história do homem que tem um pênis no braço

Pouca gente ouviu falar de Malcolm MacDonald até a última semana. Porém, o britânico de 45 anos ganhou as páginas de vários sites internacionais ao revelar que desde 2016 vive com um pênis implantado no seu braço.

A história, de acordo com o tablóide The Sun é a seguinte: em 2014, MacDonald contraiu uma grave infecção no sangue que fez com que seus dedos das mãos e pés começassem a escurecer, como se tivessem necrosando. Pouco tempo depois, a infecção se alastrou e alcançou seu pênis, fazendo com que o membro simplesmente caísse no chão.


Por dois anos, a vida de MacDonald ruiu. Ele conta que a autoestima foi embora e ele só tinha vontade de beber. “Minha vida desmoronou porque eu não tinha autoconfiança. Bebia muito e não via minha família e amigos”, disse ele.

Porém, em 2016, ele tomou conhecimento da existência de um médico londrino que era especialista em reconstrução peniana pela Universidade de Londres.


David Ralph então sugeriu que um pênis fosse implantado no seu braço. A técnica consiste em criar uma uretra sintética instalando tubos infláveis que proporcionam a ereção. O pênis é sintético, mas para dar aparência e sensação próximas da realidade foi envolvido com tecido do braço de MacDonald.

A ideia era transplantar o membro para o local de origem em 2018, mas até agora isso não foi feito. MacDonald mora longe de Londres e não possui recursos financeiros para comparecer a todas as consultas médicas, o que acabou adiando os planos. Uma nova cirurgia foi marcada para abril, mas a pandemia de coronavírus também fez com que fosse adiada.


Enquanto isso, MacDonald vai tentando levar a vida. Ele disse que já se acostumou a usar camisas de manga comprida para esconder o membro e que espera ansiosamente pela cirurgia que trazer de volta sua autoestima.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!