Conheça o maior adolescente do mundo

Depois de descobrirem a menor adolescente do mundo, desta vez encontraram o adolescente mais alto do mundo. Brenden Adams, que mora em Ellensburg, Washington, tem apenas 12 anos, mas já mede 2,13 m de altura – e acredite – continua crescendo. Nunca se viu nada igual!

Embora Brenden tenha o comportamento típico de um garoto da sua idade, tudo para ele é diferente. Para se ter uma idéia, sua mãe teve que retirar uma fileira de bancos do seu veículo utilitário, para permitir mais conforto para o garoto. As consultas médicas também são especiais. Uma equipe médica frequentemente avalia as constantes mudanças de Brenden, tentando controlar eventuais problemas de saúde.

Por incrível que pareça, seu pai, Willie Adams, disse que não havia qualquer indício de problema, quando Brenden nasceu. Sua mãe contou ao ABCNews, que eles só começaram a notar algo diferente, quando ele completou 2 meses. A partir daí tudo mudou. Aos 4 meses, Brenden já tinha todos os dentes e aos 4 anos, já tinha tamanho e aparência de uma criança de 8. “Depois de muitos exames, os médicos descobriram que ele tem uma estrutura incomum. É o que eles chamam de: inversão do cromossoma-12, que afeta todas as células do seu corpo”, explicou ela.

Pronto. Após identificar a causa do problema do garoto, começava um novo desafio – encontrar uma forma de evitar seu assustador crescimento. Foi então que um dos médicos teve uma idéia bem estranha: fazer disparos de testosterona para saltar o início da puberdade e acelerar o seu crescimento, e com isso, impedir o crescimento acentuado dos ossos.

Enquanto isso, Brenden tenta viver uma vida comum. “Ele é um garoto normal”, afirmou um dos seus colegas.

Veja também

Veja mais informações curiosas….
Uma entrevista pra lá de polêmica
Tomar remédio com suco diminui seu efeito
Conheça a mais perfeita animação gráfica do mundo
As eleições mal começaram e já surgem as pérolas
Top 10 – As mais conhecidas frases do cinema
Com vocês o mais novo sucesso da MPB

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!