Definitivamente, gosto não se discute!

Ronaldo (o Fenômeno) continua sendo o centro das atenções dos jornalistas. Todos devem ter acompanhado o mais recente episódio da vida do artilheiro, quando ele foi parar na delegacia por um envolvimento com travestis.

Segundo declarações do próprio Ronaldo, ele havia contratado três travestis imaginando serem garotas de programa. Quando chegou no motel, descobriu que não se tratavam de moças (no sentido literal da palavra) e acabou dando R$ 1000,00 para cada um deles. Ainda segundo o jogador, o travesti André Albertino não teria aceito o pagamento dele e exigiu que lhe desse R$ 50.000,00. Ronaldo teria ficado revoltado com a tentativa de extorsão e, após um escândalo do travesti na porta do motel, a polícia foi chamada.

Já o travesti afirma que o Ronaldo havia mandado comprar drogas e depois desistiu de fazer o programa. O rapaz, então, resolveu publicar no Youtube o vídeo abaixo, como prova de que o envolvido era realmente o famoso jogador.

Bom, quem tem razão não dá para afirmar, mas três coisas chamam atenção:

1. Até meu filho de 6 anos sabe qual a diferença entre um travesti e uma mulher. Alguém precisa dizer ao Ronaldo que Papai Noel e Coelhinho da Páscoa também não existem!

2. A montagem acima mostra que Ronaldo já foi mais exigente em relação às suas companhias. Mas como diz título do post, gosto não se discute!

3. Ronaldo é famoso por criticar o trabalho da imprensa. Segundo ele, a imprensa é responsável por boa parte dos boatos que correm na sua vida pessoal e profissional. O livro de técnicas milenares do Pai Mai já ensinava que “quem muito se abaixa, ‘o fundo’ aparece”. É elementar… quem deseja ter a vida preservada, deve no mínimo, ser discreto.

Esse caso me fez lembrar de um dos vídeos mais populares e engraçados do Youtube, o velhinho que “compareceu” e não pagou. [ Se você não assistiu ainda, saiba que tem linguagem chula. ]

Enfim, polêmicas sexuais à parte, esqueceram um pouco da Isabella Nardoni!
Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!