Explicações médicas para 8 embaraçosas condições corporais

Quando surge uma situação curiosa que deixa você com o rosto vermelho, sem dúvida é hora de buscar uma resposta. Como você pode ficar envergonhado em perguntar, o site Woman´s Day resolveu pedir a ajuda de alguns profissionais. Confira oito explicações médicas para condições corporais embaraçosas.

Tenho excesso de pêlos no nariz e na orelha. Como faço para me livrar deles?
O crescimento do cabelo é fortemente influenciado por mudanças nos níveis hormonais, diz Ilya Reyter, dermatologista da Universidade de Southern Califórnia. À medida que envelhecemos, o equilíbrio hormonal provoca mudanças em nosso corpo, resultando no surgimento de novos pêlos. A melhor forma de livrar-se deles é cortando. Utilize sempre um instrumento limpo e asseado, em um ambiente bem iluminado usando uma lente de aumento. Lembre-se que o objetivo não é eliminar todos os pêlos nasais, que funcionam como um filtro para impedir de inalar micróbios e poeira.

Toda vez que visto uma camisa de cor escura, percebo pilhas de caspa nela. Como faço para manter o couro cabeludo limpo?
A caspa é causada por vários fatores, como: pele seca, dermatite seborréica, psoríase e eczema. O dermatologista Arnold William, de Beverly Hills explica que a melhor maneira de controlar a caspa é usar um shampoo que contenha piritiona de zinco, o que pode reduzir os fungos no couro cabeludo, causadores da caspa. Shampoos à base de alcatrão com ácido salicílico e sulfureto de selénio também são indicados. Para os casos leves, o importante é deixar a espuma sobre o couro cabeludo durante 5 minutos para que ela funcione corretamente.

.

Mesmo após o banho, ainda sinto um cheiro “lá”. O que está acontecendo?
Provavelmente você tem vaginose bacteriana, diz Sandra Fryhofer, professora da Faculdade de Medicina de Emory. É uma condição causada por um crescimento excessivo de bactérias na vagina. O resultado final é um cheiro semelhante a peixe, que não vai embora sem tratamento. Cremes vaginais ou medicação oral são utilizadas para resolver o problema. Um estudo recente mostrou que dieta pobre em vitamina D pode aumentar o risco de vaginose bacteriana. Outras causas podem incluir doenças sexualmente transmissíveis, como clamídia e gonorréia, o que pode levar à infertilidade, se não forem diagnosticadas. O ideal é consultar seu médico para receber o tratamento adequado.

Ultimamente não tenho tido motivação para o sexo. O que houve com a minha baixa libido?
A energia sexual de homens e mulheres é complexa e multifatorial, diz a Dra. Fryhofer. É normal não estarmos dispostos o tempo todo. A frequência com que se tem relações sexuais numa semana também não é o melhor indicador. Existem muitas razões pelas quais você pode não querer, incluindo fadiga, alterações hormonais, depressão ou até mesmo baixa auto-estima. Além disso, as mulheres com mais de 40 anos podem sentir secura vaginal, o que pode fazer com que o sexo torne-se doloroso e indesejável. Cremes e lubrificantes vaginais podem ajudar a tornar o ato mais confortável. Se a libido continuar baixa, converse com seu médico, você pode ter alguma condição médica que necessite de tratamento. Homens que não estão regularmente no clima podem sofrer com baixa de testosterona.

Não importa o quanto escove os dentes ou masque chiclete, parece que o mau hálito me persegue.
Todos temos mau hálito de tempos em tempos, diz Matthew Messina, assessor para o consumidor da American Dental Association. Aproximadamente 90% do mau hálito é causado por bactérias na boca. As bactérias vivem nos dentes, gengiva e língua. Para se livrar delas é importante manter hábitos como escovar os dentes e usar fio dental e não esquecer de limpar a língua, que pode ser feito com uma escova normal. Se seu hálito nunca melhora, consultar um dentista é a melhor alternativa.

.

Quando faço o “número dois”, às vezes sai com uma cor esquisita. O que significa isso?
Fezes nem sempre possuem a mesma cor e pode variar de tonalidade dependendo do que você está comendo, diz a Dra. Fryhofer. Chame o médico imediatamente se as fezes estiverem pretas (como piche), este pode ser um sinal de hemorragia gastrointestinal. Amarelas, podem indicar um distúrbio como doença celíaca. Cor de argila, pode sugerir que o sistema digestivo não está funcionando corretamente. O ideal é consultar um médico, caso você perceba mudança de tom, pois pode necessitar de atenção imediata.

.

Meus pés fedem. Nem consigo tirar os sapatos. O que posso fazer?
Chulé é frequentemente causado por suor, diz Crystal Holmes, instrutora de Podiatria Clínica da Universidade de Michigan. Atividades normais podem causar a transpiração dos pés. Pé-de-atleta pode ser outra causa de pés fedidos. Isso acontece quando você tem um corte ou ferimento no pé, que serve como uma via de entrada para bactérias e fungos. Os fungos são atraídos para lugares escuros, quentes e ambientes úmidos, como o interior suado dos sapatos, por isso é recomendável que use pares de sapatos diferentes, periodicamente. Você também pode tentar usar palmilhas laváveis para ajudar a manter o sapato seco. Cremes, pós e sprays funcionam bem para livrar-se do fungo. Sandálias ajudam a minimizar as bactérias, uma vez que são abertas e permitem a circulação do ar.

Tenho tanta cera nos ouvido, que parece que estou com a audição prejudicada. O que posso fazer?
A cera (ou cerume) é uma substância solúvel em água composta de secreções da orelha, juntamente com células mortas da pele e cabelo, explica a Dra. Fryhofer. Acredite ou não, ela protege seu ouvido, por isso é bom tê-la, caso não seja excessiva. Se você perceber que sua audição está prejudicada por causa da cera, procure um médico. Evite removê-la em casa, usando cotonetes ou qualquer outro objeto, eles podem ferir seu ouvido. A melhor maneira de eliminar o excesso é utilizando água salina.

>> Já acessou o iG Jovem hoje?

Fonte Woman´s Day

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!