Filme que deixou 70 pessoas feridas será lançado este ano. Veja o trailer

roar_01
Um filme repleto de animais selvagens e vários membros da equipe de produção machucados – este é basicamente o resumo de “Roar”.

Para quem não sabe, o filme foi rodado na década de 70. Em uma viagem à África, a atriz Tippi Hedren, seu marido Noel, e a filha do casal, Melanie Griffith, decidiram que deveriam fazer um filme sobre leões. Como naquela época não havia efeitos especiais tão avançados como hoje, eles resolveram morar com os animais selvagens. A coisa se tornaria mais real.

Apesar de gastarem US$ 17 milhões e terem dezenas de pessoas machucadas pelos animais, o filme não emplacou na época e foi engavetado. Para você ter uma ideia, até Melanie Griffith preciso levar vários pontos no rosto e fez uma cirurgia de reconstrução facial depois de sofrer um ataque.

Bom, curiosamente, depois de tanto tempo, o filme será finalmente lançado. O roteiro fala de um especialista em vida animal que decide viver nas planícies africanas, em uma área de preservação animal. Depois de algum tempo, ele leva toda a família para viver próxima dele e então começam os conflitos. Os animais (cerca de 150) entram em conflito para determinarem o líder do bando, ameaçando a vida dos humanos.

O fato curioso fica por conta da chamada do filme: “nenhum animal foi ferido durante as filmagens – mas 70 membros da equipe foram”.

Veja o trailer.

roar_02

roar_03

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!