Garota ganha na loteria e gasta R$ 700 mil em cocaína

coke1

Todos nós sabemos que o grande problema para os viciados em drogas, além do próprio vício e riscos óbvios à saúde, é a maneira como eles tentam adquirir a droga. Sem dinheiro e recursos, muitos acabam partindo para o roubo ou as eternas dívidas com traficantes para manter o vício. Curiosamente, para Callie Rogers dinheiro nunca foi problema – afinal de contas, a jovem gastou o equivalente a mais de R$ 700 mil em cocaína.

coke2

Com apenas 16 anos e milionária

Com apenas 16 anos, Callie conquistou £ 1,8 milhão. O suficiente para resolver a vida de qualquer pessoa. Entretanto, o efeito foi contrário na vida da garota. Algumas semanas após receber o gordo prêmio, a adolescente começou a usa cocaína e não parou mais.

“Eu sinceramente desejo nunca ter ganhado este dinheiro na loteria. Eu era muito jovem para lidar com tanto dinheiro”, desabafou ela ao jornal News Of The World.

Callie contou que chegou a gastar quase R$ 1.500 em cocaína por dia. Bem mais do que os 4 euros que ela ganhava antes de tornar-se milionária.

“Eu estava gastando uma fortuna em cocaína. A maior parte não era para mim. Era para meu ex, Nick Lawson, que também era viciado”, declarou.

coke3

Depois de três tentativas de suicídio e de separar-se de Nick, que além de tudo, a traiu com sua irmã de apenas 15 anos, Callie decidiu parar usar cocaína. Infelizmente, tudo não passou de tentativa. Em 2008, depois de três anos sem drogas, ela começou a namorar um traficante de drogas e acabou, naturalmente, voltando ao vício.

Hoje, com 22 anos e apenas R$ 59 mil no banco, Callie mora de favor na casa da mãe em Cumbria. De toda sua fortuna, 1/4 do dinheiro foi gasto em drogas, R$ 53 mil foi usado para levar a família para a Disney, uma parte foi usada em carros caros e roupas e mais R$ 35 mil para colocar silicone. Callie também tinha reservado R$ 93 mil para seu filho, mas o ex-namorado roubou quase todo.

A garota contou ao jornal que conheceu um outro rapaz e que estão levando as coisas mais devagar. “Ainda não nos deitamos”.

Já acessou o iG Jovem hoje?

Via MDig

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!