Publicidade

Publicidade
05/11/2009 - 00:02

Reality show coloca seis pessoas com deficiências físicas em ilha deserta

Compartilhe: Twitter

A chamada para o novo reality show do Channel 4 já dá pistas que não se trata de um programa como outro qualquer: “seis pessoas com deficiência física em uma ilha remota…”. Cast Offs imita o mesmo estilo do “No Limite”, apresentado pela Globo, cujos participantes precisam superar seus próprios desafios se quiser ser o vencedor.

Segundo os idealizadores, o reality show destina-se a enfrentar os tabus que envolvem as pessoas que possuem algum tipo de deficiência física, além de mostrar que é possível montar um roteiro sem aventuras sexuais e piadas politicamente incorretas.

castoffs2 Cada um dos episódios contará uma história a partir do ângulo de um dos seis concorrentes: um homem cego, uma mulher surda, um homem paraplégico, uma mulher com nanismo, um homem com má formação física – afetado com talidomida e uma mulher com querubismo (doença genética hereditária rara que ocasiona anomalias faciais pelo crescimento ósseo anormal da face).

Um porta-voz do Channel 4 declarou ao jornal The Times que “na maioria dos casos, eles não são reconhecidos por sua deficiência e acabam transformando o programa numa história sobre um grupo de pessoas que sobrevivem numa ilha”.

E você, acha que a iniciativa é viável ou acredita que o programa pode acabar explorando as deficiências físicas e tornando-se sensacionalista?

Via MDig

Autor: - Categoria(s): Curiosidade Tags: , ,

Ver todas as notas

88 comentários para “Reality show coloca seis pessoas com deficiências físicas em ilha deserta”

  1. Msc.MOZART! disse:

    ” BIZARRO!!”

  2. Miros disse:

    Quase fui primerao

  3. Bilo disse:

    Nossa, bizarro mesmo.
    Vai ser tipo um show de horrores na tv.

  4. Rafael disse:

    É triste ouvir coisas como “bizarro” ou “show de horrores”.
    Acho que posso lembrar a todos aqui, que ninguém pediu para nascer assim. E isso não passa de uma má formação física.
    Cada uma destas pessoas possui consciência e está viva, como todos nós.
    Porque não podemos mudar a maneira como encaramos os problemas, que até nós mesmos estamos sujeitos a sofrer? Que não seja desde o nascimento, mas em determinado momento na vida.
    Essas pessoas precisam de força e acolhimento, quando percebem que todos ao seu redor são diferentes delas e as discriminam, sem que elas tenham culpa dos problemas pelos quais estão passando.
    E viva Stephen Hawking.

    • MSC.MOZART disse:

      O QUE ELAS NÃO PRECISAM É TER SUAS DEFORMAÇÕES EXPLORADAS EM PROGRAMAS DE TV PARA O LUCRO DE EMISSORAS SEM ESCRUPULOS!

    • gigashiro disse:

      Discordo do que está escrito quanto a força e acolhimento.
      O que deficientes precisam é serem tratados apenas como pessoas normais, o preconceito está tanto naquele que considera um freak show quanto naquele que enche um deficiente de cuidados excessivos. Caso haja dúvidas, pergunta pra qualquer deficiente que vc conheça….
      Um grande exemplo disso é o “ceguinho” Geraldo Magela. Ele costuma falar sobre isso em suas entrevistas “quase” sérias.

  5. Korn Flakes disse:

    Realmente a tv está fazendo isso apenas para mostrar o quão os deficientes são capazes….Freak SHOW!!!

  6. Débora ( Maceio) disse:

    E meio estranho…

  7. […] A chamada para o novo reality show do Channel 4 já dá pistas que não se trata de um programa como outro qualquer: “seis pessoas com deficiência física em uma ilha remota…”. Cast Offs imita o mesmo estilo do “No Limite”, apresentado pela Globo, cujos participantes precisam superar seus próprios desafios se quiser ser o vencedor. Leia mais » […]

  8. […] This post was mentioned on Twitter by O Buteco da Net, Elcio Coronato. Elcio Coronato said: E você achando o "No Limite" ousado http://migre.me/aJWB (via @obuteco) […]

  9. Eu não achei bizarro, acredito que vai ser algo bem diferente do comum.

    Agora é esperar pra ver

  10. Isabella disse:

    me soa um pouco desesperado por audiência, mas é interessante para provar que essas pessoas são iguais à nós.

  11. jonas disse:

    trash total !!!!!!

  12. […] This post was mentioned on Twitter by filipe araújo and Raquel Yurie, Jorge Khouzam. Jorge Khouzam said: Qual é o limite do sensacionalismo? Este entra na categoria "Bizarro", mas não posso deixar de falar que ri um pouco http://bit.ly/3wupiP […]

  13. […] quebra de tabus mas sim irá explorar os deficientes tornando a atração sensacionalista. Via Buteco e […]

  14. […] Reality show coloca seis pessoas com deficiências físicas em ilha deserta | O Buteco da Net – Link […]

  15. Paulo disse:

    incrível como a mídia faz de tudo por um ibope… deplorável isso!

  16. El Barto disse:

    Engraçado… Apesar de nunca ter assistido, eu achava que os BBB’s , No Limite ,A Fazenda , Casa Dos Artistas da vida fosse assim…Eles chamam varias pessoas com deficiência física (ou psicologicas!!!) e trancam em um lugar e os fazem a cumprir determinadas tarefas.
    Pra mim não tem nenhuma novidade aí.

  17. Thiago disse:

    podia passar aki no brasil
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  18. SemArrudeio disse:

    Provavelmente o programa vai explorar a deficiência física dos participantes e entrará no sensacionalismo. Principalmente quando a audiência começar a cair, eles verão como única alternativa o sesacionalismo. Essas coisas são deploráveis e mereciam boicote de audiência, o que infelizmente é utópico :/

  19. Josy disse:

    Será que alguma emissora de tv no Brasil vai fazer isso também???
    Bem capaz…

  20. raphael disse:

    Bem, diferente isso ja é…, que coisa loca…, bem, é mais um nicho de mercado que os caras estao explorando, como detesto qualquer tipo de reality show, entao, nao me importo, e quanto aos outros comentarios, eles podem ter deficiencia, mas sao pessoas como nós, com necessidades e sentimentos, entao, antes de chamar de bizarro e esquisito, pensem nisso….

  21. Flavio disse:

    Maneiro, eles tem um cegueta com um rifle, uma noiva cadaver, um boomer do left 4 dead, um tiranossauro, uma criança estranha e o superman que caiu do cavalo

  22. Amanda disse:

    HAHA, não entendi: “…é possível montar um roteiro sem aventuras sexuais e piadas politicamente incorretas”…
    Eles são seres humanos com deficiências físicas e não por isso deixam de ter as suas aventuras sexuais e piadas politicamente incorretas… não estamos privados de ver tais coisas pelo fato da deficiência deles. Que preconceito hein.

  23. Vane disse:

    é um reality show…todos são iguais…não importa qm participa,vai sempre ter aquelas coisas q a gnt conhece..

  24. Arnold disse:

    hauahuhauhahuauhauha

  25. Mixaria disse:

    que ananzinha gostosa
    e a queixuda la eu vou tb hein ficinho

  26. Bruno Alves disse:

    kkkkkk
    eu ri do tiranossauro

  27. joé disse:

    cegueta cs e tiranossauro eh fodz
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk euri

  28. Pedrinho disse:

    Reality show com deficientes????????
    Acho que só faltou um preto pra completar!
    AHUSDHAUSHDAUSHDAS

  29. Vitor Hugo disse:

    Acho uma boa iniciativa, para mostrar a todos que não são só pessoas que não tem deficiencia que são capazes de executar as coisas…

    Mas, vamos apostar… daqui a um tempo a Globo irá imitar isso ai vocês vão vê….

  30. Vitor Hugo disse:

    Pedrinho… não gostei desse seu ato de preconceito não…

  31. Savio Enessetenta disse:

    Que comentário ridículo do Pedrinho.

  32. Jiujiteiro disse:

    Juntando todos eles não dá um inteiro. kkkkkkk

  33. vinicius disse:

    Será se rola cota pra negros também?

  34. kah disse:

    qnto preconceito ao meter os negros no meio… nao gostei desse comentario

  35. Jéssica disse:

    rodiculo isso , falta de respeito u.u
    tsc
    _|_

  36. mary disse:

    gostei da ideia!!!

  37. mary disse:

    gostei da ideia!!!!

  38. dulapa disse:

    Todos tem direito de tentar o que quiser nesta vida.
    Tenho preocupação com os que não percebem sua deficiência interna.

  39. Janaína disse:

    Acho que isso é sensacionalismo. Mas infelizmente há quem olhe e pense ‘poxa isso é inclusão’ e não é! Acho que temos que lutar pela inclusão de pessoas com deficiência, sim, mas de uma forma cidadã e não as expondo num programinha tosco que visa apenas ibope. É preciso, acima de tudo, garantir a acessibilidade, o respeito e a dignidade humana. Afinal, ninguém vive numa ‘ilha deserta remota’…já pensou como é difícil p/ um cadeirante subir uma calçada? Tomar um ônibus? Ou como um deficiente auditivo se sente excluido num mundo em que poucos se interessam em aprender libras e tentam conversar com eles através de bilhetinhos ou mimica? Fico muito triste com certos comentários preconceituosos e mesquinhos feitos aqui. Tá na hora de trabalhar o lado cidadão meu povo. Aprender a lidar com a diferença e não apontar quem vc considera incapaz ¬¬’

  40. tubarao disse:

    olha, eu acho q se as proprias pessoas concordaram em participar, quero mais ver eles se fod***** bem goxxxxtoso!!!!!!

  41. Madsea disse:

    Só eu vejo o Quagmire?

  42. Amanda disse:

    Janaína: …”infelizmente há quem olhe e pense ‘poxa isso é inclusão’”… disse tudo, isso é literalmente uma EXclusão ! Por que não chamam um ou dois deficientes pra participar de um reality comum, tipo o Big Brother ? AH, mas daí só chamam as gostosas e os galinhas com cérebro de coco ¬¬

    • Aninha disse:

      Concordo com Amanda (nome da minha filhota) que isso é exclusão sim, esses reality são uma baboseira msm, naum assisto a nada do tipo a anum ser que mudem o tipo de pessoas que participam, nunca é ninguém q precisa, lembram do Agostinho que participou de um BBB desse da vida, trabalha numa loja dessas naum sei se a Casas Bahia, mas agora é um vendedor, nada vergonhoso nisso, mas poderiam terem dado uma chance pra ele em alguma coisa na tv, mas ele naum era “gostoso”, nem tinha um fisico atlético entaum ta fora.Ah! A fazenda tb é outra palhaçada, Dado Dolabella, porrador de mulheres passou por bonzinho e ganhou um milhão, pode isso?

      Falou tudo Amanda

  43. Niva disse:

    QUAGMIRE HAHAHA BOA

  44. Isaa disse:

    Juntando todos eles não dá um inteiro. kkkkkkk

    • Juliana disse:

      que comentario inutil e preconceituoso, juntando todos seus neuronios, nao dah para ter uma atividade cerebral de ser humano, sua anta! -‘-

    • valerio disse:

      sua cretina , espero que seu filho seja assim, sua vagabunda preconceituosa

      • Mariza disse:

        Não podemos ter preconceito. Com ninguém! Todos somos iguais! Não foi legal o comentário de Julliana (ela poderia ter evitado demonstrar seu humor negro e sem graça). Mas aí partir para ofendê-la também não é legal. Vamos respeitar uns aos outros gente. O mundo já está muito cruel. Não precisamos de preconceitos ou ofensas.

        Abraço a todos

        Mariza

      • Mariza disse:

        Desculpe. Escrevi errado. Não foi o comentário de Juliana e sim de Isaa que não concordei.

        Abraço a todos

        Mariza

  45. Tereza disse:

    Não costumo escrever comentários…mas isso é demais! Preconceito da pior espécie… que eles nem pensem em trazer isso para cá porque as pessoas com deficiencia no Brasil são conscientes de seus direitos, e muito bem organizadas para barrar uma incoerencia dessas!
    Aliás, não sei o que é pior: se a notícia ou alguns comentários que leio aqui….Talvez sejam de alguem que tenha um lindo corpo mas um espírito em estado lamentável!

  46. LunnaH disse:

    Alguém já postou “show de horrores” ???

    Com todo o respeito aos deficientes (até namoro um), mas a idéia disso tá claríssima que nada tem a ver com inclusão.

    Senão os Big Brothers da vida teria uma cota pra deficientes, como alguém já falou aí…

  47. Natália Rangel disse:

    Nossa, que tristeza dá ler uma coisa dessas.
    Em primeiro lugar: por que diabos um programa sobre deficientes não pode ter aventuras sexuais e piadas politicamente incorretas? São seres humanos, como eu, como você, como todos capazes de ler essa porcaria.
    Isso é transformar pessoas em produto.
    Daqui a pouco é um reality para cada tipo de gosto, quer ver “gostosinhos sem nada na cabeça” liga no Big Brother, quer ver pessoas com deficiência na sua superação sensacionalista liga nesse programa aí… É triste viu. É como ir ao mercado e escolher um sabor de comida diferente.
    E não acho que “cotas” para pessoas com deficiência no Big Brother seja inclusão. Cotas são um tipo de exclusão. As pessoas devem conquistar as coisas por mérito. Pessoas com deficiência não querem uma lei à parte e sim serem inclusos na lei existente, isso é a tal inclusão.
    Aliás, não serem escolhidos para participarem de um programa de tão baixa capacidade intelectual como o Big Brother deve ser considerado uma honra para pessoas com deficiência.

    P.S.: ao ler alguns comentários me lembro de que ainda existem pessoas nazistas e intolerantes depois de tudo que passamos com as guerras, na história desse país miscigenado com orgulho, etc. Só lamento.

  48. Paulo romeu disse:

    Que absurdo! Da nojo ver a atitude dos radiodifusores usando a imagem das pessoas com deficiência desta forma e, ao mesmo tempo, fazendo lobby junto ao Ministério das comunicações para impedirem a veiculação de seus programas com audiodescrição e legendas por motivos exclusivamente comerciais. Uma verdadeira corja!

  49. pedrinho disse:

    Que pessoal besta, pra mim os nazistas deveriam ter acabado com os negros, infelizmente não conseguiram, se tivessem, nos estariamos em um pais muito melhor.

    • LunnaH disse:

      “Aham. Agora senta lá, Cláudia.”

      Como tem gente que adora chamar atenção nesse mundo, meu Deus…

    • Feh disse:

      Vc devia tentar comprar um cerebro ao invez de ficar dando uma de racista from hell…
      Se vc é brasileiro, vc simplesmente nao é branco sua mula… Deve ter mais de mil misturas no teu sangue e vc devia ter orgulho de ser pardo (como a maioria dos brasileiros)
      Deviam mesmo ter acabado com vermes nojentos como vc pobre demente
      Quer um pais melhor? VAI ESTUDAR pra entender alguma coisa JUMENTO!
      cria vergonha e aceita tua raça…

  50. pedrinho disse:

    Que pessoal idiota, gostam de preto? ahsdhasudhaus, eu rezo todos os dias pra que os pretos morram assim teriamos um pais e mundo melhores.

  51. pedrinho disse:

    Que pessoal idiota, gostam de preto? ahsdhasudhaus, eu rezo todos os dias pra que os pretos morram assim teriamos um pais e mundo melhores…

  52. paulo disse:

    vai tomar no cu, claro e simples seu troglodita racista
    creio q ofenderia os trogloditas por comparalos a pessoas como vc !!! seu lixo…

  53. pedrinho disse:

    AHUDHAUHSDAUHSD pessoal revoltadinho.

  54. pedrinho disse:

    acho que vou me esconder aqui de medo ahduahsduahsduhsaduhaduahsduhasudhaushdaushdaushdaushdaushduhsduahsdu

  55. Angelo disse:

    Pedrinho vai tomar no cu seu racista de merda, levou madeira no cu e agora virou revoltado, lixo inútil igual a vc não deve existir.

  56. brinde disse:

    Não gosto destes Realyts!

  57. bia disse:

    o pedrinho é BLACK POWAAAAH.

    Liga nao galera. é só um spammer de merda. nao tem muita coisa pra ele fazer no porao da mae nao.

  58. cilene disse:

    Gostei da idéia, mas tambem acho que deveriam colocar 2 pessoas com alguma deficiência para ver a reação das pessoas, que ainda são muito preconceituosas.

  59. Anon disse:

    vtnc pedrinho, vá morar na europa, vc combina com a galëre de lá 😉
    fikdik.

  60. Marie Gazzani disse:

    -__-, vou comentar algo que vi em um seriado novo chamado Glee “Hoje em dia ser desconhecido é pior que ser pobre” e com certeza o “pedrinho” é os dois, querendo só chamar atençao. E esse reality poderia ser bom aqui no brasil, mas com mais pessoas “normais” sem deficiencias, como a cilene disse

  61. Caah ! disse:

    Comoo esse PEDRINHO ée BURRO , os nazistas perseguiam JUDEUS, CIGANOS , DEFICIENTES FISICOS.

    Quee retardado , alem de ter uma atitude imbecil e preconceituosa falo bobeiraa..

    ACHO QUE FUGIU DA ESCOLA ..

    aiehioehoieahioehaioehaioehoieheaoiheaoaehoieaih

  62. Caah ! disse:

    Achoo tbm quee coloca pessoas com deficiencia pode ajudar a muitas pessoas entenderem que são normais como todos..

    pode ser positivo ou negativo, depende do ponto de vista !

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo