Publicidade

Publicidade
21/12/2010 - 08:40

Impressionante: Como trabalham os dentistas de rua na Índia

Compartilhe: Twitter

Embora a Índia tenha atualmente cerca de 80 mil dentistas licenciados, trabalhando regularmente, estima-se que aproximadamente cem “dentistas de rua” continuem trabalhando em “consultórios” ao ar livre. Eles fazem extrações de dentes e até colocam dentaduras usadas nas bocas dos pacientes, geralmente cobrando de 1% a 2% do que é cobrado pelos dentistas legalizados.

O vídeo a seguir mostra como eles trabalham.

Será que agora quem tem trauma de dentista consegue superá-lo?

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, impressionante, Video Tags: , ,

Ver todas as notas

30 comentários para “Impressionante: Como trabalham os dentistas de rua na Índia”

  1. Helo says:

    Higiene zero! “Mas se meus clientes estão felizes eu estou feliz”kkkkkkkkkkkkk então ta né :S

  2. furia says:

    Fora as moscas, e o fedor das ruas da Índia, tudo bem!

    Os cara tem as manhas!

  3. O Comentarista says:

    Infecção mode [ON]

  4. Fabio says:

    Puta quewwww pariu!!! Fuja loko!!! [1]

  5. NECO says:

    Eu mesmo já arranquei meu dente com um alicate, só que não tinha moscas…………kiakiakikaikaiakai

  6. Roblim81 says:

    caraca que merda !!!

  7. Ni says:

    Afff a bicha até ficou tonta depois de tirar o dente G_G
    q medo !

    Infecção mode [ON] ²

  8. Rocket says:

    Caraaaaaaaaaaaaaaaaaaaca!!!!

  9. !An£ xD says:

    FUJAM PARA AS MONTANHAAAAAASSSSSS o/

    kkkkkkkkk xD
    Prefiro arrancar o dente me casa… vamos ao velho truque da porta! 8D

  10. ariane says:

    meu deus do ceu que nojoooo

  11. Pedro says:

    Eu não estranho com NADA que venha da índia! OO Lugarzinho Porco!

  12. T says:

    Rezo a Deus todo dia pro mundo acabar antes q eu reencarne nesse lugar!

    • Walter says:

      Muito fácil falar da cultura alheia né.

      vc acredita num zumbi que ressucitou gente.

      tenha a dó.

  13. Dani says:

    Eu sou dentista e fiquei completamente pasma com o vídeo. Eles atendem sem luva, máscara, touca, na rua, não esterelizam o material, enfim… AIDS e Hepatite são algumas das doenças que eles podem contrair dos pacientes e os pacientes “pegarem” dos dentistas ou dos instrumentos imundos. É claro que os dentistas nos consultórios são mais caros, nós gastamos dinheiro com biossegurança!

  14. Jota says:

    Só queria saber que liquido era aquele que ele aplicou nela, pois se foi “anestesia” não funcionou muito. Parece que é o mesmo liquido que ele “esteriliza”as coisas.

    • Viviane says:

      Pelo que eu entendi, primeiro ele “esterelizou” a seringa e agulha (que provavelmente já havia usado em outra pessoa) e depois aplicou o anestésico (teoricamente, pois como vc disse parece não ter funcionado) XD

  15. WELLINGTON says:

    já pensou…lá comendo um lanchinho com um suquinho de laranja….e vem uma porra de uma mosca dessa pousar no seu lanche depois de ter comido a raiz do dente da véia…..delicia o-O

  16. Joana says:

    NOSSA! Impressionante. Tem cada coisa na India, hein? Eu tenho MUITO medo de dentista e com certeza agora darei mto mais credito a eles e nao ficarei tao assustada a proxima vez que for. Que horror!!

  17. Seu Creysson says:

    EU AGARANTIU !

  18. Denker says:

    Credo. Cada um mais louco que o outro. hehehehehehe

  19. zeca says:

    excelente materia, parabens pela postagem. E sobre o conteudo…affff, estou com um pouco de enjoo pra falar agora.

  20. zeca says:

    hum berto…dois berto,,treis berto. Parabens criatura, seu site e simplesmente excelente. e coisas boas, eu divulgo.

  21. carla jordao says:

    Nossaaaaaaaaaaaa ,aqui esterelizamos tudo e enchemos os pacientes de cuidados ; la como sera que fica a infecçao?

  22. joao vitor says:

    que horiivel

  23. SURPREENDENTE…NÃO SABIA!!!

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo