Publicidade

Publicidade
21/03/2011 - 00:00

A curiosa vida de um curandeiro que usa cobras no seu trabalho

Compartilhe: Twitter


No Sri Lanka, os curandeiros tradicionais gozam de plena confiança da população. Shami é um desses curandeiros. Ele é o principal profissional da região e herdou a técnica do seu avô e pai.

Apesar da aceitação popular, os negócios não vão muito bem, mas nada tira o brilho do seu trabalho. Hoje, ele ganha cerca de US$ 5 por cada demonstração com as cobras.




Se alguém não tomar um antídoto, a morte chega de 2-3 horas após a picada.



Ao todo, 98 tipos de cobras vivem no Sri Lanka.

Esta cobra tem veneno muito forte. Após 30 minutos, os rins começam a falhar.

Mesmo depois de tomar antídoto, algumas sequelas podem permanecer. Esse é como um dedo fica após uma mordida.


Krait da Índia é a maior cobra venenosa da ilha. A morte vem depois de 40 minutos.






Ela é a mais rápida. Se move a velocidade de 2 km / h. Vive em plantações de coco.

Esta pode chegar à 2 metros de comprimento. Tem dois dentes venenosos, mas não são perigoso para as pessoas.



Pithon.

Este é o pai de Shami. Ele tem 23 marcas de picadas em seu corpo.



Muitos remédios são feitos com seu veneno. Segundo eles, estas bolas fazem parar a dor de cabeça.

Via Wondar Day

Autor: - Categoria(s): Curiosidade Tags: , ,

Ver todas as notas

14 comentários para “A curiosa vida de um curandeiro que usa cobras no seu trabalho”

  1. Pedro Fagundez says:

    nao é por nada nao, mas prefiro recorrer ao meu plano de saúde.

  2. Ingrid says:

    alguem chamando o cara de nazista em 5… 4… 3…

  3. amazonino says:

    NAZISTA!

  4. Cris says:

    ah vá!

  5. eu says:

    Nazistah!!! 3*

  6. guto says:

    pra mim ele é um gay pervertido kodaskoasd

  7. LeoMG says:

    Fiquem doente num lugar desse onde nao tem nada pra vcs verem se vc nao recorrem a ele, a gente que tá acostumado com farmacia, plano de saude etc…mas eles lá tem muitos poucos recursos, tem uma frase que diz…”pão velho na guerra é bolo de casamento…” rsrsr

  8. anonimo says:

    plantação de coco? hahahaha

  9. Eu says:

    Em alguns paises não tem hospital particular e nem publico e a unica forma é a cura com plantas e etc..

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo