Publicidade

Publicidade
30/09/2011 - 00:03

Conheça algumas mini-casas para crianças que custam até R$ 110 mil

Compartilhe: Twitter

Uma casa de luxo não precisa ser muito grande. A prova disso, são as casas feitas para crianças que custam alguns mil dólares. Todas têm interiores luxuosos com acessórios e móveis – e algumas têm até eletricidade e ar condicionado. Conheça algumas delas.

A mini-mansão da foto acima, localizada na Pensilvânia, custa R$ 34 mil.

Já esta outra casa, custou apenas R$ 6 mil.

Steve Chernicky, proprietário de uma empresa especializada na construção de casas em miniatura, contou ao The Telegraph que um cliente ordenou a construção de uma rua inteira de casas pequenas.

“Nossos preços começam em R$ 10 mil, mas se a família quiser algo personalizado, ela passa para R$ 110 mil, cada uma”, disse Steve.

Autor: - Categoria(s): Curiosidade Tags: , , ,

Ver todas as notas

27 comentários para “Conheça algumas mini-casas para crianças que custam até R$ 110 mil”

  1. aPoc says:

    meu filho tera uma façanha dessa
    pra levar as coleguinhas 😀

  2. Aline says:

    Melhor que a minha casa; G_G

  3. Diego Sanches says:

    Como é bom ser criança

  4. Ivan says:

    Sera???
    Ou seriam crianças gigantes O.o”

  5. Adriana says:

    e eu qdo era criança ficava toda feliz com minhas casinhas feitas de lençol….

    • Kátia Gonçalves Mota says:

      É verdade Adriana, eu também, pra você ver como é criança né??? O que vale mesmo pra elas é a bagunça!!!!

  6. Ramon says:

    E pensar q existem pessoas lutando pra conseguir uma casa própria esse mundo é mesmo desigual pqp!?

  7. Robott says:

    Minha mini casa minha mini vida.

  8. fábio says:

    Na primeira foto o menino está sem perna.

  9. Joppert says:

    O incremento do sonho na infancia,dá margem ao crescimento da futura criatividade,para o design,e a arquitetura.

  10. Fabio says:

    aff Americanos, adoram enfiar dinheiro na bunda com coisas sem sentido, por isso estão na merda falindo. Menos o Julios pq ele tem 2 empregos e ganha 4 vezes o dobro da hora extra.

  11. lucy says:

    eu quero uma pra mim

  12. pati says:

    eu tambem quero uma casa asim vo compra uma !!!!!!!!!!!!!!!

  13. Marcus says:

    Meus queridos, é claro que pra um uma mentalidade de quinto mundo. Isso e um sacrilégio.
    Vamos então nos colocar no lugar de um milinário que quer dar um presente especial pra seus filhos?
    Muito provavelmente esse milionário, além de trabalhar pra caramba, faz a sua parte contribuindo para entidades assistenciais.
    Então, cabecinha de pobre. Vai te kata!!!!
    kkkkkk

    • Isabela says:

      Marcus, pare você com essa mentalidade, não é porque o cara é rico que ele vai ser puritano e dar dinheiro para caridade. E gastar dinheiro com futilidades é coisa de gente que não enxerga o que se passa ao seu redor. Isso não é um pensamento de pobre, é um pensamento de uma pessoa que vive em sociedade e se preocupa com o outro e não somente com seu mundinho de merda.

  14. Rafael says:

    hummm, legal! agora só faltam criar mini empregos para manter as casas!

  15. sara says:

    E PENSAR QUE NA MINHA EPOCA A MINH ACASINHA ERA DE PAPELAO .

  16. RENATO says:

    oq vcs tem contra casa de papelao eu moro em uma.

  17. MaNdy says:

    Robott disse: Minha mini casa minha mini vida

    kkkkkkkkkkkk aRrAzOoU No cOmEnTaRiO!!!!!

  18. AS CASAS FORAO OTIMAS MAS NAO PODE BAIXAR MAS O PREÇO

  19. Sueleude says:

    Quanto dinheiro jogado na merda! Pessoas gastan tanto com bobagem mais quando um pobre passa na casa deles pedindo esmolas eles dão pão amanhecido sem manteiga e male má um caneco de água, isso quando dão, mais aos cachorros bife mal passado e perfumes caros, e para seus filhos coisas sem sentido, na verdade e que ninguém tá nem ae com o próximo cada um por sí e Deus por todos.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo