Publicidade

Publicidade
24/02/2014 - 00:02

Inglesa deve ser condenada após colocar gato de estimação no micro-ondas ligado após ter atacado seu peixe

Compartilhe: Twitter

gatinho_01

Uma mulher de 23 anos colocou seu gatinho no microondas ligado por cinco minutos, depois que ele atacou seu peixinho de estimação.

Laura Conliffe (a moça da foto) chegou a tirar o animal vivo do micro-ondas, mas ele não suportou por ter os órgãos internos afetados.

O homem que responsável por enterrar o gatinho foi localizado pela RSPCA (Sociedade Protetora dos Animais).

O advogado de defesa de Conliffe disse que ela sofre de depressão e psicose. Ela cuidava do gatinho preto e branco apenas alguns meses antes do acontecido.

Sua sentença sairá em março deste ano.

Se quiser ver a triste imagem do gatinho falecido, clique na imagem abaixo.

gatinho_02

Fonte

Autor: - Categoria(s): Bizarro, Inusitadas Tags: , , ,

Ver todas as notas

37 comentários para “Inglesa deve ser condenada após colocar gato de estimação no micro-ondas ligado após ter atacado seu peixe”

  1. Creiton says:

    Só pôr ela num forno de cremação agora que fecha o círculo vicioso.

  2. Lhama Albina Do Apocalipse says:

    Desgraçada, tinha que colocar ela dentro do microondas pra ela ver como é gostoso

  3. Aston says:

    Humberto, favor atentar para o novo acordo ortográfico:
    MICRO-ONDAS

  4. Mozart says:

    Galera que faz esse tipo de babaquice sempre apela mencionando “insanidade” no julgamento. Falta de humanidade tanto para com seres humanos quanto para animais selvagens ou não, deve ser punido com rigor.

  5. George says:

    Deveria Bater na cara dessa FDP com o gato até o gato mia.

  6. Mothafucka says:

    Hummm… tá bom, então , vejamos, ela matou um gato e por isso merece ser cremada viva…. bem razoável…, espera ! Vocês são doidos iguais a ela.

  7. Marcelo Dias says:

    Se fosse no Brasil, o caso seria arquivado, ou aguardaria em liberdade, com o julgamento acontecendo lá por 2018 ou 2019…

  8. aline says:

    Vaca. Queria so 15 minutos com ela e um machado na minha mao!

  9. Júnior says:

    Tenho medo do ser humano e dai incoerência de raciocínio.
    O gato atacou o peixinho de estimação dela. Ela atacou o gato. E agora vocês querem atacar ela (com um machado, por 15 minutos, ou crema-la viva) e se julgam diferentes. Será?
    Não defendo ela, pelo contrário, também a condeno. Mas tortura-la ou mata-la é fazer exatamente o mesmo que ela fez com o gato.
    “Espero que alguém veja você fazendo isso, e faça o mesmo com você. E quando estiver fazendo o mesmo, outra pessoa também veja, e faça o mesmo com ele…” Hum… acho que não é por ai.

    • Famscrow says:

      15 minutos e um machado com ela, e 5 minutos com um porrete e você.

      • eumesmo says:

        O que ele falou tem uma certa lógica: o gato foi queimado por ela, que foi queimada por outro que achou um absurdo o que ela fez, que foi queimado por outro que achou um inadmissível o que o outro fez com ela.
        Pagar com a mesma moeda nem sempre (na maioria das vezes) funciona, todos se comoveram com a historia do gato, mas pensemos no seres humanos que são submetidos asso todo dia por questões sociais/raciais/religiosas

  10. Cantarzo says:

    Já tem uma cara de escrota essa filha da puta. Merecia tomar 5 minutos em um microondas tbm.

  11. Sérgio says:

    Eu colocaria essa puta arrombada num microondas com o maior prazer, e assistiria ela morrer comendo pipoquinha.

    E outra coisa, desnecessário colocar a foto do gato, mesmo tendo que clicar pra ver. Tira essa porra, qual o seu problema??

  12. Ana Paula lins says:

    Pessoal ela é um ser humano..
    Teve um momento ruim e causou essa tragédia…
    Deve ser compreendida e é nossa obrigação acolhe-la
    Ela deve ser tratada e inclusive, uma nova oportunidade em ter um animal de estimação deve ser dada a ela.
    Outro gatinho ajudaria na recuperação.
    Sejam mais Humanos que horror

    • rodrigo says:

      Estou em um momento ruim, onde você mora? 🙂

    • Jonas says:

      Aham… faz assim: adota ela. Leva ela pra casa e faz cafuné nela.. ai deixa ela cuidando dos seus bichinhos de estimação.
      Uma pessoa que coloca um gato no microondas é uma pessoa perigosa.. seria capaz de machucar uma pessoa facilmente.. ela pode precisar de tratamento sim, mas após pagar pelo que fez.

    • Breno Henrique says:

      Ta de sacanagem né???

  13. Famscrow says:

    Tão aí dizendo “Tadinha, ela é doente…”. Pessoas doentes não devem se responsabilizar por seres vivos.

    Fiquem com dó quando a “coitadinha” aí for uma enfermeira lá no berçário, cuidando do seu filho recém-nascido… tadinha né…

  14. rodrigo says:

    bom, para quem ta falando que não é pra fazer nada com ela….me diz, então qualquer pessoa pode fazer qualquer coisa, entre matar um gato, e matar um filho/pai seu, e ninguém tem direito falar nada dela?
    Isso se chama bom senso. É claro que não se pode dar o mesmo tratamento a ela, até porque não tem micro-ondas desse tamanho, mas se começarmos a pensar assim, nossa sociedade vai vira um lixo (mais do que já está). Os criminosos não terão medo de cometer crimes, por que simplesmente, não existirá repreensão. Já foi provado que cadeia não ‘ajuda’ ninguém, só piora, então em casos como esses, pena de morte é a coisa mais justa.
    E pra quem vai falar “mas ela só matou um gato!”
    pensem que ela poderia ter matado seu filho, seu pai, ou sei lá, seu irmão, …..

  15. Heverton says:

    Tá virando moda, cometen atrocidades como esta, aí dizem que são loucos para escapar da justiça. Mas…. se a pessoa em questão não come bosta e não rasga dinheiro, então não é louca..

    • Orges Aelir says:

      Ela esta certa gente! gatos são uma praga, fazem 1 barulhão a noite, são ladrões e cagam mais fedido do mundo em nossos quintais, tem que matar os gatos mesmo, e sabemos que nada aqui no brasil nos detem de matar, vcs que criam gatos são uns inbeciés e venham me pegar se forem capaz seus truouchas

  16. Orges says:

    Ela esta certa gente! gatos são uma praga, fazem 1 barulhão a noite, são ladrões e cagam mais fedido do mundo em nossos quintais, tem que matar os gatos mesmo, e sabemos que nada aqui no brasil nos detem de matar, vcs que criam gatos são uns imbecis

  17. William Haddad says:

    SOU CONTRA ELE SER POSTA NO MICRO ONDAS…
    prefiro que tenha um ferro em brasa lá sim lá mesmo….fdp

  18. Daniel says:

    Ela deveria ter muitos bens tomados, principalmente o peixinho. Outro momento ela vai querer fazer isso com o peixe. Ela deveria ser presa e banida da sociedade junto com um monte de gente desse tipo que existem…

  19. Peraldiano says:

    Já fiz coisa pior:matei um gato com uma pedrada por ter cagado no meu quintal. Matei e joguei o bicho de volta na casa dele e até hoje ninguém sabe de nada.Não achei errado,não me arrependo e se for preciso faço a mesma coisa de novo com qualquer gato cagão.Aqui só tem adolescente retardado,né mesmo?

  20. Enzo says:

    Tortura psicológica seria interessante pra ela… Imagine esta senhora numa cela, e todos os dias chegassem os gatos mortos encontrados ou retirados pelo centro de zoonoses, e a cela fosse fechada de modo que ela não pudesse retirar os gatos de sua cela, e sua alimentação fosse Whiskas… misturado com fezes de gatos…

  21. Macacos me mordam says:

    Gato é criatura do demonio!!!
    tem q morrer mesmo, até hj coloco bife com chumbinho no quintal pra essas desgraças nao ficarem gritando a noite inteira na minha janela.

  22. Jorge silva says:

    Acho que essa noticia nem merece estar no blog =/

  23. Ozzy says:

    “Macacos me mordam” sabe porque no mundo acontecem tantas barbaridades?
    R: Por que infelizmente existem pessoas ASQUEROSAS COMO VOCÊ!!!
    Faça um favor para a humanidade e coma você o bife com chumbinho SEU LIXO!!!
    Pessoas como você são aberrações da natureza e nem deveriam existir!!!

  24. Alisson Malone says:

    Essa história de dizer que matou o gato pq tava depressiva é conversa,pessoas no estado depressivo,fazem mais mal a si mesmos que a outros,sejam estes pessoas ou animais. O que ela fez é errado e digno de punição,embora matar ela ou fazer igual não ajudaria em nada.

    Tem que ser rigorosamente disciplinada,para aprender a dar valor aos outros seres vivos,afinal crueldade com animais é crime.Eu metia 10 anos de cadeia facinho pra ela pensa 2 vezes antes de matar outro bicho,e se tivesse sido uma criança,era perpetua.

  25. ademir says:

    pois é, tomara que um de seus desafetos tambem te dê um bifão com chumbinho, vc nem vai reclamar mesmo né.direitos iguais.

  26. Edmilsom says:

    Vagabunda, ordinária tenho vergonha de pessoas como você, pó fazer maldade com um bichinho desses, CADEIA PERPETUA ……

    Coloca ela no forno……

  27. Roseli says:

    Gente ela matou um gato e será punida ponto(que fique claro que não estou dizendo que ela é coitadinha) . Vejo tantos comentários inflamados de ódio e vingança pra que? Hipocrisia, morre tantos bichos na rua e ninguém procura culpados, tantos são abandonados nas ruas e as pessoas ignoram, acham que fazendeiros não matam animais selvagens quando estes atacam os animais de suas fazendas?, acham que não morrem animais em pet shops, criadouros, laboratórios ou pelas mãos de traficantes de animais? A única diferença é que esta mulher foi pega e os outros não. Aos que criticaram quem deu chumbinho pros gatos um aviso gatos e pombos transmitem doenças ai alguém vai dizer tive gatos e não tive nada, agradeça a deus por ter imunidade a essas doenças. Conheci um casal cuja esposa não tinha essa imunidade e o resultado foi um filho cheio de defeitos de formação que morreu meia hora após o parto e resultados dos exames deu toxoplasmose(tinha uma grande população de pombos próximo a casa deles) . Quem quer ter gato que tenha mas cuide para que ele não cague no quintal dos outros, ninguém quer limpar bosta do gato dos outros. quando estava gestante tinha uma rua na qual eu precisava passar com frequência para ir ao mercado, quitanda, drogaria, casa da minha irmã e tinha um cachorro que botava todo mundo que não conhecia pra correr já tinha avançado em mim duas vezes fui salva por vizinhos que me alertaram que ele avançava em muita gente, encontrei a dona avisei para ela o ocorrido que estava gestante de uns 7 meses e num possível ataque eu não teria chance de me defender pedi para que ela prendesse o cachorro ela fez cara de sonsa e não resolveu nada eu acabei o resto da minha gestação dando a volta no quarteirão e o cachorro tá lá vivo até hoje.

  28. bruna says:

    Não tem como pensar no bichano desesperado dentro do microondas tentando sair, e ela ali olhando sem piedade. Quem não sente raiva disso, não é humano. É da natureza humana repugnar isso. Não queria ter lido essa noticia hoje,. que aperto no coração; obrigada por não mostrar a foto.

  29. Maria says:

    Dê $100.000,00 e peça para ela queimar, dê um prato de fezes e diga que é gostoso e saudável pra ver se ela come? Não defendo quem pratica coisas macabras do gênero. Apoiaria se eu me sentisse igual a ela. Quem não gosta de animais ou quem não tem paciência, que não os tenha “nunca”. Se fez isso com o bichinho indefeso, pode muito bem fazer com um ser humano. Lugar de gente louca não é a solta e sim atrás das grades e bem reforçadas.

  30. Maria says:

    Quem faz isso com bichinho de estimação, faz muito pior com outro ser humano, mesmo sendo da própria família. Não a defendo porque não tenho instinto iguais aos dela.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo