Publicidade

Publicidade
03/04/2014 - 12:00

Delegado: ‘Se tiver menores vendendo drogas, eu não vou lá, procurem o fórum, não procurem mais a polícia’

Compartilhe: Twitter

menores
Este caso aconteceu em 2012, mas a postagem do vídeo é muito válida em virtude da discussão recorrente em torno da redução da maioridade penal.

Ainda na semana passada, o Senado avaliou que a redução da maioridade penal não iria resolver o problema da violência, pois, segundo eles, “o grande problema é a falta de preparo do Estado em dar educação e perspectiva de vida aos menores carentes”.

Mas, voltando ao vídeo, ele mostra a revolta do delegado Sérgio Ribeiro, da Colider (MT), com a decisão de uma juíza em negar a internação de menores de idade apreendidos com um arsenal de armas de uso restrito e drogas. O próprio delegado Sérgio havia conduzido a operação.

No vídeo, ele afirma que a polícia não irá mais apreender menores.

“Se tiver menores vendendo drogas lá na praça em uma banquinha, eu não vou lá, procurem o fórum, não procurem mais a polícia”, desabafou.

“Não adianta a Polícia Civil e a Polícia Militar gastar tempo e dinheiro público para prender, que os magistrados soltam”.

A redução da maioridade é tema da proposta de emenda à Constituição de iniciativa do senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) que abre a possibilidade de menores infratores entre 16 e 18 anos sofrerem uma punição diferenciada por participação em crimes hediondos (PEC 33/2012).

Autor: - Categoria(s): Polêmica, Video Tags: , , , , ,

Ver todas as notas

18 comentários para “Delegado: ‘Se tiver menores vendendo drogas, eu não vou lá, procurem o fórum, não procurem mais a polícia’”

  1. Marcelo Costa says:

    Essa questão de maioridade penal está cansado já. Menor pode responder crimes, só que de maneira diferenciada dos adultos, por isso existem instituições carcerárias específicas para isso. E a matéria citada acima, não fala que eles devem ir para o regime carcerário normal, só falou que os juízes não sentenciam eles ao tipo de punição que eles merecem.

    • Ze says:

      Não fala besteira
      Por favor

      • chaves says:

        Ele falou uma questão interessante, que até então ninguém pensa: aumentar a dosimetria de internação. Essa medida socio-educativa equivale à prisão do maior de idade, oras, vamos aumentá-la, fazendo o menor passar um bom tempo na fundação (e que tb não é lá o que o povo pensa).
        Ou, então, deixar o menor cumprindo a medida sócio educativa e, o restante, na prisão comum, quando atingir a maioridade.

  2. Joao Barros says:

    Para além da discussão é preciso ser justo. Há um vídeo resposta da juíza que explica o porque dela ser obrigada por lei a liberar os jovens.

    http://www.youtube.com/watch?v=LNBWfWtO_kw

  3. Felipe says:

    Redução da maioridade penal é a maior burrice q eu ja ouvi.
    É solução bem típica de brasileiro.

    Ao invés de fazer regime para emagrecer o brasil prefere afrouxar o cinto…
    Ao invés de melhorar o transporte público e incentivar seu uso para melhorar o transito o brasil prefere alargar as avenidas…
    isso acontece com as drogas, que ao invés de tratarmos como problema de saude…preferimos tratar como problema policial…

    é a mesma coisa com a maioridade penal…o buraco é bem mais em baixo, Educação pra essa mulecada, chance pra que essa mulecada escolha outro rumo.

    EDUCAÇÃO!!!

  4. Emerson says:

    Esse vídeo é velho, e a juíza em questão já deu entrevista mostrando o lado dela e pude ver que ela estava totalmente certa, agiu conforme a lei.

  5. Paulo André says:

    Falar que falta educação, isso já é palhaçada sem tamanho!
    Se olharem a quantidade de vagas em Institutos Federais, ProUni, Situtec, Pronatec, Proeja, Projovem, Pepe, etc, etc…

    ISSO SIM É BURRICE!

    Tenho 30 anos!…. Quanto tinha 21 fiz curso no senai gratuitamente pelo PEP, aos 23 fiz Sisu Tec, aos 25 entrei com bolsa no prouni e mudei pela nota do enem para a UFV (física)… Caralho! Educação sem gastar um tostão! E não me venham com ser pobre ou rico! Nunca tive pai, fui criado com minha tia na roça e nossa casa nem “reboco” na parete tinha…

    O que falta é que esses “bandidos” disfarçados de “pobrezinhos” sem oportunidade, que querem dinheiro fácil, hornet fácil…

    Por mim, pena de morte e trabalho na cadeia!!!

    Eles precisam de ter medo de fazer as cagadas que tem feito, mata-se sabendo que não tem punição… Simples assim!

    • Jackie says:

      É isso mesmo Paulo, não ter dinheiro não é motivo para não ter educação, tudo depende do interesse da própria pessoa.

  6. Paulo says:

    A maioridade penal DEVE ser diminuída sim. Até para menores de 10 anos.

    CONTUDO, ENTRETANTO, TODAVIA o estado não tem condições de “tratar” esses menores. A antiga febem está ai para provar isso.

    Não estou querendo afirmar que menores de 18 são criaturas inocentes que devem ser protegidas. Há milhares e milhares de notícias que facilmente desmentem isso. O problema é que a mente de um de menor ainda pode ser facilmente manipulada. Agora vamos diminuir a maioridade penal. Esses adolescentes que serão presos irão para celas comuns. Nessas celas comuns eles simplesmente irão aprender a ser piores do que já são.

    O brasileiro trata o país como se fosse o time preferido dele. Ele sempre tem uma resposta certa que irá resolver todos os problemas em um passe de mágica. Porém, se a solução apresentada pelo dito cujo brasileiro não der certo, ele vai inventar outra desculpa pra justificar o erro dele. E assim o país vai se arrastando em problemas que o brasileiro quer solucionados, mas ele mesmo não quer ter o trabalho de lidar.

    TODO mundo sabe que aqueles que são simplesmente favor de diminuir a maioridade pena querem jogar esse problema pra debaixo do tapete. Querem lidar com isso da maneira mais rápida possível.

    EU concordo que independente da idade, menor TEM SIM que ser preso. Mas também DEVE receber um real tratamento para que seja encaminhado de volta a sociedade. E não falo de um tratamento “brando”, mas algo que faça a diferença na mente desses menores.

  7. Victor says:

    PARABÉNS MERO DELEGADO, pelo desabafo,

  8. Marcelo says:

    O vídeo é antigo e a juíza está certa. O ECA diz que o adolescente só poderá permanecer apreendido se praticar crime mediante violência. Tráfico de drogas é um crime que não envolve violência. Logo, é necessário conhecer e mudar a leia ao invés de emburrar e espernear.

  9. Meu Deus! says:

    Que cabelo é esse do delegado? rs…

  10. lucas says:

    Isso é simplesmente a merda do Brasil.
    Aliás, o Brasil é belo, os lixos de governantes… Não todos..

  11. William Haddad says:

    o DELEGADO disse tudo que esta entalado na garganta dos brasileiros ..

  12. PARABÉNS DELEGADO. FALOU A VERDADE. SÓ ERROU QUANDO DISSE QUE ERA PRA JUSTIÇA INTERNAR. O CERTO É JUNTAR TODOS ESSES MENORES MARGINAIS NUMA QUADRA E METRALHAR TUDINHO DE UMA VEZ SÓ. E DEPOIS JOGAR TUDO NUMA FOSSA . PRONTO, TAVA TUDO RESOLVIDO.

  13. nunes says:

    bom! sou a favor da redução da marioridade,e quanto as pessoas que são contra, tudo bem. elas irão mudar de ideia mais cedo ou mais tarde quando tiverem suas casa invadidas por menores ,suas filhas estrupadas e familiares mortos sem nenhuma puniçã,ai depois agente conversa.

  14. roberto marombel says:

    Sabe o que é isso …é que gastaram tanto dinheiro com a copa e rouparam tanto que seria IMPOSSIVEL fazer agora presidios etc para estes menores infratores

  15. Edilson says:

    Mais “educação” pode diminuir a taxa de criminalidade, mas, para o jovem que comete um crime hediondo, a educação escolar já não serve mais e é aí que entra a parte da punição, que é uma forma de educação também. Educar não é só de atos “bons”.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo