Publicidade

Publicidade
30/09/2014 - 00:02

Comemorando muito no meio da torcida adversária

Compartilhe: Twitter

torcida
Durante um jogo de futebol americano, um torcedor resolveu desafiar a sorte comemorando um touchdown no meio da torcida adversária. Ele filmou tudo, e felizmente recebeu apenas alguns xingamentos.

É inevitável pensar como seria este mesmo episódio em um estádio de futebol.

Autor: - Categoria(s): Flagra, Video Tags: , , ,

Ver todas as notas

15 comentários para “Comemorando muito no meio da torcida adversária”

  1. Matheus disse:

    E se fosse no Brasil? rsrs

  2. João Paulo disse:

    Isso lá é comum. Não há separação de torcida. E raramente existe briga. O Rugby é SEMPRE assim. Todo mundo misturado. Não há briga de torcida. Não HÁ!.

    Futebol é uma bosta!

  3. Thiago castro-BA disse:

    Se fosse no Brasil seria linchado.

  4. FERNANDO disse:

    e morreu …

  5. Tiago disse:

    e viveu….

  6. Carlos Schneider disse:

    Outro nível né cara, aqui só de vc usar uma camisa do time adversário corre o risco de te matarem na saída do estádio.

  7. Gabriela disse:

    Tem sempre um idiota pra dizer… “Se Fosse no Brasil”

  8. Felipe disse:

    Já assisti um jogo da NFL e um torcedor adversário do time da casa, após o touchdown, saiu gritando, comemorando e mexendo com os torcedores da casa… Não aconteceu nada. Mas a minha primeira impressão é que iria apanhar muito!

  9. Alex Rodrigues disse:

    embora a torcida toda estivesse P da vida com o cara..

    Cultura e Educação em outro nível

  10. Paulo disse:

    Não é que não role briga de vez em quando. Mas em geral o pessoal nos países mais desenvolvidos é muito ciente do convívio social e de que se meter em confusão vai dar m… Quando estive nos EUA e Europa, notei que até mesmo gritar ofensas contra os jogadores ou juízes no meio dos jogos não é bem visto e, se houver famílias sentadas próximas a você, te convidarão “educadamente” a ficar quieto ou se retirar.

  11. NotMatter disse:

    A questão em si não é nem pela educação, mas pela lei que lá é respeitada pela maioria das pessoas, se tivéssemos leis mais rígidas com certeza reduziríamos metade dos problemas de crimes por aqui

  12. guto disse:

    babaca cuzao

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo