Publicidade

Publicidade
10/04/2015 - 00:02

Canadense obesa fatura mais de R$ 4 mil comendo e exibindo-se na web

Compartilhe: Twitter

fat_pay_01
Enquanto a maioria das mulheres acima do peso preferem se manter o mais discretas que puderem, Sarah Reign prefere se exibir cada vez mais. Afinal de contas, isso acaba rendendo um bom dinheiro para ela.

Pesando 165 kg, Sarah passa boa parte do seu dia se exibindo na webcam enquanto come e faz poses sensuais vestindo lingeries.

Quem gosta desse tipo de exibição paga para assisti-la e rende mais de R$ 4 mil por mês na sua conta.

fat_pay_02

fat_pay_03

fat_pay_04

fat_pay_05

Sarah confessou ao Mirror que juntou a fome com a vontade de comer (literalmente). “Eu realmente gosto de comer. Ninguém no meu trabalho sabe deste meu segredo (trabalho). Me senti um pouco estranha na câmera da primeira vez que apareci comendo para os fãs”, admitiu.

Ela contou que seus clientes amam mulheres grandes e recebe os mais variados pedidos através do seu canal de vídeos e de sua conta no Twitter.

“Eu tenho a mente aberta, dou a eles o que eles querem”, disse ela.

Bom, os pedidos vão desde apenas comer alguns sanduíches até esfregar calda de chocolate por todo o corpo.

Além disso, ela vende suas peças íntimas na internet, para quem desejar um contato mais “direto” com ela.

fat_pay_06

fat_pay_07

Autor: - Categoria(s): Curiosidade, Inusitadas Tags: , ,

Ver todas as notas

10 comentários para “Canadense obesa fatura mais de R$ 4 mil comendo e exibindo-se na web”

  1. lort says:

    aproveita pq os problemas virão

  2. DArlan says:

    Desisto de viver … ganhar 4 mil para ser gorda e se exibir, doente é quem gosta de ver ela se exibir.

  3. Vô Maza says:

    A sociedade está doente e isso reflete em comportamentos cada vez mais bizarros.

  4. Doutor Renato says:

    os doentes que gostam de ver isso aproveitem logo q ela não vai durar muito tempo…

    • Gigi says:

      Acho que , homem ou mulher gostar de pessoas gordas, só podem ter distúrbio mental. Obesidade é a pior coisa do mundo. Além de ser HORRÍVEL, é prejudicial a saúde.

  5. Roberto Ramos says:

    Haverá um dia que toda essa guloseima terá fim.

  6. João says:

    Comer de maneira exagerada com certeza não faz bem. Mas o interessante é as pessoas rotularem como doente que encontre beleza em uma gordinha, quem decretou que o normal é achar bonito mulher magra, sarada, atlética? Cada um gosta daquilo que lhe agrada, o preconceito sim que é doentio.

  7. Tiago Celestino says:

    Tem um filme que retrata bem isso: http://www.adorocinema.com/filmes/filme-99864/

  8. hati says:

    Rapaz, foto cagando ela não posta né? @_@
    tomanocú… povo escroto do kralho…

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo