Publicidade

Publicidade
21/09/2016 - 00:00

Traficante de drogas é preso após se exibir com dinheiro e carros no Instagram

Compartilhe: Twitter

traficante_00

Um traficante inglês teve a desagradável surpresa (para ele) de ser preso após mostrar para o mundo o quanto estava rico e bem sucedido usando sua conta do Instagram. Levi Watson, 29 anos, ao contrário do que mostrava nas redes sociais, havia declarado à polícia que não tinha qualquer envolvimento com drogas e não tinha dinheiro. A polícia só precisou de algumas horas de pesquisa para descobrirem que ele estava mentindo e então resolveu agir.

Nas fotos, Watson mostra que tem aplicado seu dinheiro em carros caríssimos, jóias, viagens e, até mesmo, com banhos de dinheiro. Só não podia imaginar que a ostentação poderia entregá-lo.

traficante_01

traficante_02




traficante_03

traficante_04




traficante_05

traficante_06

traficante_07




traficante_08

traficante_09

traficante_10




traficante_11

Autor: - Categoria(s): Curiosidade Tags: , ,

Ver todas as notas

7 comentários para “Traficante de drogas é preso após se exibir com dinheiro e carros no Instagram”

  1. Wilson Silva says:

    E cercado de macho, hehehe…

    • tuco says:

      Pensei o mesmo, ainda mais depois que vi a foto dele (a) encostado(a) no Lamborghini, tá tão gay.

  2. Adauto Freitas says:

    Nooooffffaaaaaa!
    Mas, esse trafica é m[o baitola, véy!
    Acho que essa Lamborghini só engata a ré!

  3. sheilo jailson says:

    melhor ele mudar o status pra “em um relacionamento serio”, depois q ir preso kkk

  4. Luana says:

    MANO E DAÍ SE O CARA FOR GAY?

  5. Dee says:

    Já diz o velho ditado: Bandido é tudo burro. Se não fosse burro não seria bandido…
    Aliás, a ostentação per se já é uma demonstração de pouca inteligência….

  6. Renata Brum says:

    Ostentacao da riqueza material nada mais eh do que a demonstracao da pobreza espiritual.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo