Publicidade

Publicidade
21/02/2020 - 10:35

Racismo? Jovem negro é filmado inalando fumaça de escapamento; assista

Compartilhe: Twitter


O vídeo que mostra um jovem português negro sendo submetido a inalar a fumaça que sai do tubo de escapamento de um carro ganhou as redes sociais nos últimos dias. Na gravação feita por amigos, é possível ver o rapaz um pouco tonto após o episódio. Rapidamente as autoridades portuguesas conseguiram identificar os envolvidos e, para surpresa de todos, o jovem que aparece nelas assumiu que se tratava de uma aposta entre amigos. Os dados foram enviados ao Ministério Público que agora vai decidir se, independentemente da aposta, existiu crime ou não. A princípio, cogitaram que o rapaz teria sido vítima de racismo.



Autor: - Categoria(s): Video Tags: , , , , ,

Ver todas as notas

5 comentários para “Racismo? Jovem negro é filmado inalando fumaça de escapamento; assista”

  1. Simas turbo says:

    Tudo que aparece no vídeo e uma aposta entre os amigos, só pq o rapaz tem pele mais escura já falam que é racismo.

  2. Bruno says:

    Politicamente correto atacando mais uma vez querendo problematizar, o retardado já assumiu que foi uma aposta, segue o baile, galera chata do caralho.

  3. Paulo says:

    Todas as vezes que aparecer UM PRETO sofrendo alguma humilhação, deve-se sim verificar se é racismo.

    Hoje em dia ainda há grande preconceito contra PRETOS. Toda oportunidade que surgir, é necessário combater o preconceito

  4. Carla says:

    Foi uma aposta, ele participou e pagou a aposta porque quis. As autoridades deveriam se preocupar em investigar coisas realmente séria.

  5. Famscrow says:

    Tem vários vídeos disso na internet, só que esse parece ser o primeiro com um negro, aí dá essa polêmica.
    E o efeito fica ‘melhor’ com um branco, tem um vídeo que o cara fecha o escapamento com um pano e solta de uma vez, ele fica preto na hora.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo