Inglês ‘dá a luz’ ao irmão gêmeo depois de 30 anos

Quem lembra daquela cena de Alien, em que um alienígena rompe o peito do personagem de John Hurt? Foi o que mais ou menos aconteceu com um inglês, segundo classificou o diário The Sun.

Tudo começou quando Gavin Hyatt, um bombeiro de 30 anos, começou a sentir fortes dores na região abdominal e sangramento no seu umbigo. “Quatro médicos analisaram meu caso e todos ficaram intrigados com o caroço que eu carregava”.

Após uma rápida avaliação, os médicos imaginaram se tratar apenas de um cisto, mas nem poderiam imaginar a causa de tantas dores. Hyatt carregava seu irmão gêmeo no abdome. Isso mesmo – o rapaz trazia um gêmeo parasita de 4 cm que morreu no ventre da sua mãe ainda no início da gravidez e que permaneceu durante 30 anos nos seus tecidos.

Seu médico, Dr. Joe Santos, declarou ao The Sun que este é um caso extremamente raro, que normalmente ocorre na Ásia e ilustrou: “Foi como uma cena de Alien. Eu não acreditava em Gavin, quando ele dizia que algo estava saindo do seu umbigo, até que eu vi”.

Como uma forma de garantir a veracidade da história, Hyatt resolveu guardar o pequeno gêmeo num frasco.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!