Máquina de venda automática oferece café de maconha; assista

Um empresário tailandês desenvolveu uma máquina de venda automática de café de maconha. A iniciativa surgiu após a implementação de leis que legalizam o uso da substância no país.

Warut Chanowanna, de 33 anos, chegou a perder o emprego devido à pandemia, mas o negócio de cafés deu novo ânimo para ele. “Tive essa ideia depois de ficar desempregado devido à pandemia de Covid-19. Achei que uma máquina de venda automática de café seria ainda melhor se tivessem mais sabores, para proporcionar uma experiência única”, disse Warut.

Além do café, os clientes podem comprar bebidas com infusão de maconha no cacau e no chá com leite, muito populares entre os jovens locais.

‘Estou feliz enquanto bebo meu café. Sinto-me relaxado e ainda acordado ao mesmo tempo. É uma experiência única’, disse um dos clientes.

O Ministério da Saúde Pública da Tailândia aprovou o uso de cannabis e cânhamo para fins médicos e de pesquisa em 2019 – o primeiro país do sudeste asiático a legalizar a cannabis para uso médico.

Em janeiro deste ano, as restrições foram abrandadas para permitir que negócios como cafés e restaurantes vendessem alimentos e bebidas misturados com as partes mais fracas das plantas de maconha, como folhas, caules, caules e raízes.

Há alguns meses, um restaurante inovou inserindo salada e torrada de maconha no seu cardápio, causando alguma polêmica.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!