:: Menino que comandava exército rebelde se rende ::

Um dos dois irmãos gêmeos que lideram um pequeno grupo étnico de rebeldes que se auto-intitula “Exército de Deus” se rendeu para o exército de Myanmar nesta terça-feira, em Yangon.

Johnny Htoo e outros oito integrantes do grupo deixaram o campo de refugiados na Tailândia no início de julho e se renderam em dois grupos separados, nos dias 17 e 19 deste mês, no sudoeste de Myanmar.

Johnny e seu irmão, Luther, cristãos devotos, lideraram o grupo étnico Karen Christian contra o regime militar do país. Seus seguidores espalhavam a reputação de que os dois irmãos eram invulneráveis a tiros e minas terrestres. Hoje, eles têm em torno de 18 anos de idade.

O grupo havia se rendido às autoridades tailandesas em janeiro de 2001, e viveu em um campo de refugiados daquele país até este mês.

Karen Christian e outros grupos étnicos têm combatido o regime militar de Myanmar em busca de maior autonomia por cinco décadas.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!