Mosteiro utiliza métodos pouco convencionais para recuperar dependentes químicos

É comum encontrarmos dependentes químicos que não consegue submeter-se a tratamentos de reabilitação. Os motivos são vários, mas a verdade é que muitos deles acabam retornando ao mundo das drogas. Para evitar este tipo de problema, um mosteiro localizado na Tailândia especializou-se em recuperar dependentes químicos, usando métodos pouco ortodoxos.

Para quem não sabe, o Mosteiro Thamkrabok é conhecido como “o mais difícil centro de reabilitação do mundo”.

Escondido em uma floresta, 140 km ao norte de Bangkok, o mosteiro budista leva alcoólatras e usuários de drogas de todo mundo a um severo esquema de desintoxicação. Thamkrabok já mostra-se diferente na chegada. Enquanto os centros de reabilitação custam centenas de milhares de dólares, o Mosteiro Thamkrabok cobra apenas 3 dólares para a alimentação, já que o tratamento e as acomodações são suportados por doações.

O tratamento de reabilitação dura 10 dias e somente aqueles que têm muita força de vontade e estão realmente dispostos a seguir todas as instruções permanecem. Quando o paciente decide ir para Thamkrabok, deve entender que está num local diferente. Não importa seu status social ou riqueza, os pacientes precisam dormir em um dormitório geral, recolher-se muito cedo e tomar cada remédio oferecido pelos monges.

Os remédios, aliás, são um caso à parte. Segundo o jornal Telegraph, durante os primeiros cinco dias, os viciados são obrigados a tomar um medicamento à base de ervas que facilita a desintoxicação rápida, causando vômitos imediatos. Além das pílulas de ervas pretas, é servida uma bebida com aparência repugnante à base de plantas, além de toneladas de chás de ervas e sessões de sauna, responsáveis por eliminar as ervas e as impurezas através do suor.

Após o término do programa, o paciente tem a opção de permanecer um pouco mais, para meditar fazer tarefas ao redor do mosteiro ou ir embora. No entanto, se saírem sem estarem recuperados, nunca mais terão a chance de começar um novo tratamento. Se eles saem, não serão capazes de retornar.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!