BBC desmente canais do Youtube que dão dicas culinárias; assista


A BBC colocou em cheque alguns canais no Youtube que dão dicas incríveis no preparo de alguns alimentos. Acontece que ao realizarem os experimentos, verificaram que os resultados não condizem com o que os criadores apresentam. O vídeo está em inglês, mas se você não conhece o idioma, pode acionar as legendas traduzidas.



CONTINUE LENDO

Internet levanta diferenças entre acompanhantes de luxo, garotas de programa e sugar babies

Até bem pouco tempo, esse assunto era um ponto obscuro nas relações humanas, afinal de contas, muita gente não se sentia confortável para falar sobre o assunto. Hoje, a coisa mudou um pouco de figura com a popularização da internet e já é possível falar sobre o tema de maneira mais clara.

De acordo com Luiza Marquez, acompanhante de luxo do Paradise Girl, existe algumas diferenças entre garotas de programa e acompanhantes de luxo. Mas, basicamente, toda acompanhante de luxo é uma garota de programa, pois oferece sexo em troca de um cachê, mas nem toda garota de programa é uma acompanhante de luxo.

Neste universo de sentimentos, surgiu uma nova figura com nome estrangeiro: a sugar baby, que teve destaque na última novela da Globo “A Dona do Pedaço” e que merece uma citação.

A sugar baby é uma pessoa que basicamente é sustentada por dinheiro, presentes ou outros benefícios em troca de uma relação amorosa. Geralmente, o mantenedor dessa relação são ricos e mais velhos, responsável por agradar financeiramente a outra parte do relacionamento, mas que não deve ser confundido com prostituição, pois geralmente apresenta uma estabilidade na relação na qual a sugar baby sente um certo prazer em ser mimada em troca de atenção ao parceiro.

Mas voltando a falar nas acompanhantes de luxo, a popularização da internet permitiu que elas se organizassem ainda mais em torno do seu trabalho. Hoje, é possível dispôr de um verdadeiro catálogo online. O preço é um dos fatores que fazem a diferença entre as garotas de programa e as acompanhantes de luxo. Enquanto as GPs cobram valores entre R$ 50 e R$ 250, as acompanhantes praticam cachês que passam dos R$ 300.

Uma outra diferença entre as duas (GPs e acompanhantes) está no local onde pode-se encontrá-las. Enquanto as GPs ocupam ruas, bares, boates e casas de shows, as acompanhantes geralmente são encontradas em sites especializados. O usuário escolhe a modelo e escolhe o que vai fazer dentro do horário estabelecido, desde bater um papo, sair para apenas jantar, fazer uma aparência pública ou transar.

Por falar em aparecer publicamente, os sites precisam garantir que as acompanhantes possam frequentar locais requintados e saibam se portar de modo equilibrado e discreto. É por este motivo que é possível até encontrar acompanhantes de luxo com nível superior e intelectualmente elevado, exigência de muitos clientes. Alguns sites, inclusive, permitem que os clientes deixem registradas suas impressões sobre as acompanhantes, facilitando a escolha, como numa rede social.

Há também a possibilidade do cliente suprir fetiches sem necessariamente envolver o sexo nisso. O que ele precisa fazer é conversar previamente com a garota e aproveitar o cachê que está sendo pago. Ê internet…

CONTINUE LENDO

Racismo? Jovem negro é filmado inalando fumaça de escapamento; assista


O vídeo que mostra um jovem português negro sendo submetido a inalar a fumaça que sai do tubo de escapamento de um carro ganhou as redes sociais nos últimos dias. Na gravação feita por amigos, é possível ver o rapaz um pouco tonto após o episódio. Rapidamente as autoridades portuguesas conseguiram identificar os envolvidos e, para surpresa de todos, o jovem que aparece nelas assumiu que se tratava de uma aposta entre amigos. Os dados foram enviados ao Ministério Público que agora vai decidir se, independentemente da aposta, existiu crime ou não. A princípio, cogitaram que o rapaz teria sido vítima de racismo.



CONTINUE LENDO

Silvia Abravanel critica equipe ao vivo e recebe críticas na internet; assista


Silvia Abravanel, apresentadora do SBT e filha de Silvio Santos, provocou várias críticas na internet nesta quarta-feira, 19, pela forma como se dirigiu a alguns funcionários da sua produção durante programa ao vivo que ela apresenta, o Bom dia e Cia.

No vídeo é possível vê-la chamando três colegas e perguntando a eles se eles sabiam que ela não iria trabalhar na segunda-feira anterior. Visivelmente constrangidos, os três responderam a algumas perguntas e logo depois ela comenta: “Vocês ficaram que nem idiotas andando pelo corredor? Só para saber! Um beijo para vocês”.



Alguns internautas criticaram sua postura no Twitter. “Assédio moral na sua televisão, coleguinha. Amo! É desde criança que se aprende como os patrões humilham os trabalhadores. Aula de consciência de classe ao vivo. Ou você, trabalhador, luta pra te respeitarem e por seus direitos ou será eternamente pisado e humilhado, até ao vivo“, escreveu um deles.

Que vergonha… Programa infantil… SBT“, escreveu outro.

A chateação da apresentadora parece ter ocorrido porque um site publicou uma nota criticando sua ausência e dizendo que a equipe do programa ficou o dia inteiro sem nenhum trabalho na emissora. Ainda de acordo com a nota, um produtor, que pediu para não ser identificado, declarou que Silvia é bastante exigente e que deixa a equipe sob pressão.

CONTINUE LENDO

30 ilusões ópticas bem legais que foram feitas sem NENHUM software de edição

Um usuário do Instagram chamado Tiago Silva (@umtiago) resolveu montar uma série de fotos brincando com ilusão de ótica, sombras, perspectiva, cores e muita criatividade. Mas o mais legal de tudo é que ele não usou nenhum software de montagem ou modificação. A inspiração pode vir de qualquer lugar: um grafiti, um ponto de refeência, um objeto, uma sombra ou até mesmo um pedaço de pano. Dá uma olhada.

CONTINUE LENDO

Estudantes são agredidos por PMs em escola de São Paulo; assista


Alguns vídeos que começaram a circular na internet mostram a ação de PMs numa escola estadual na Zona Oeste de São Paulo. Nos vídeos, gravados pelos alunos, é possível ver a polícia agredindo e detendo dois estudantes (16 e 18 anos) nas dependências do colégio. De acordo com informações de testemunhas, tudo começou depois que os policiais foram chamados pela direção da escola para retirar um dos alunos que havia sido desligado da escola por faltas em excesso. No entanto, representantes do Condepe e do Conselho Tutelar falam que os PMs cometeram lesão corporal e abuso de autoridade.

As assessorias de imprensa da Secretaria da Segurança Pública (SSP) e da Polícia Militar informaram que os policiais envolvidos na ação estão afastados até o término das investigações.



CONTINUE LENDO