Cartola do Palmeiras dá gafe na TV e revela suposto jogador gay

De Milton Neves, segunda ao vivo no “Debate Bola”, da Record, para José Cyrillo Júnior, diretor-administrativo do Palmeiras: “É do Palmeiras o jogador que vai assumir na televisão que é homossexual?” Cyrillo respondeu: “Não, o Richarlyson quase foi do Palmeiras. O procurador dele assinou um pré-contrato com o Palmeiras, mas no dia seguinte ele foi para o São Paulo”. “Você chutou o balde”, disse Milton Neves.

A assessoria do São Paulo diz que o comentário de Cyrillo foi visto com surpresa e que os advogados do clube já estão com a fita do programa para tomar as devidas providências.
CONTINUE LENDO

China abre a ponte a mais longa sobre o mar do mundo

A ponte Baía de Hangzhou, que liga as cidades de Jiaxing, perto de Xangai, a Cixi, começou a ser construída em 2003 e custou US$ 1,42 bilhão.

Nesta terça-feira, os dois lados da ponte foram ligados, mas equipes de trabalho permanecem no local, trabalhando no capeamento das pistas e na instalação de cabines de pedágio.

O trabalho só deve ser concluído em novembro. A inauguração deve ocorrer a tempo da Olimpíada de Pequim, no ano que vem.

Até agora, a maior ponte sobre o mar era a Ponte de Donghai, também na região de Xangai, com 31,5 km. A título de comparação, a maior ponte do Brasil – a ponte Rio-Niterói, no Rio de Janeiro – tem 13,3 km de extensão.

A construção da ponte Baía de Hangzhou é um dos muitos projetos de infra-estrutura em andamento na China, que se prepara para os Jogos Olímpicos.

Segundo a Xinhua, agência de notícias estatal chinesa, mais da metade do custo da ponte foi financiado pela iniciativa privada.

Essa é a primeira vez que o governo não é o principal investidor em um projeto de infra-estrutura na China.

A ponte, com seis faixas de rolamento, permitirá reduzir de 400 km para 80 km a distância entre Xangai e outra importante cidade chinesa, Ningbo, que fica a cerca de 70 km de Cixi.
CONTINUE LENDO

Câmara aprova lei que garante férias a estagiários

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta um projeto de lei que garante maiores benefícios a quem trabalha em regime de estágio, incluindo férias remuneradas de 30 dias para contratos superiores a um ano, informa a Agência Câmara.

A proposta foi apresentada em conjunto pelos deputados Átila Lira (PSB-PI) e Manuela D’Ávila (PCdoB-RS) como parte do projeto de lei que quer substituir a legislação atual que rege os contratos de estágio e data de 1977. Agora o texto segue para votação no Senado.

O texto da proposta regula a concessão de estágio a alunos do ensino médio. Atualmente, a lei prevê estágio para estudantes de ensino superior e de educação profissionalizante.

O projeto, que tramita sob o número 993/07, determina que o contrato assinado pela instituição de ensino, pela empresa e pelo aluno deve conter cláusula prevendo seguro contra acidentes pessoais e férias de 30 dias para estágios com duração de um ano ou mais.

Outros benefícios previstos no projeto são a jornada máxima de seis horas e a apresentação de relatório periódico sobre as atividades desenvolvidas. O novo texto, entretanto, mantém a regulamentação atual no que se refere a alimentação, transporte e assistência médica para o estagiário.

O Senado ainda não marcou uma data para votar a aprovação ou rejeição do projeto de lei.

Terra

CONTINUE LENDO

Especialista ensina como fazer um currículo campeão

Está procurando emprego? Você sabe o que escrever num currículo para que ele chame a atenção de quem quer contratar um bom empregado? O consultor de carreiras Max Gehringer vai revelar os segredos.

Hoje vamos falar sobre currículos. E vamos começar dizendo o que um currículo não é. Um currículo não é uma autobiografia. Não adianta ficar enchendo páginas e mais páginas para tentar impressionar. Em um currículo, tamanho não é documento. Conteúdo é que é.

“Meu nome é Ângelo. Eu iniciei na área de Recursos Humanos com 14 anos. Saí do emprego há uns 20 dias. Estou à procura de uma nova oportunidade”, diz o técnico em administração de empresas Ângelo Aparecido da Conceição.

Um currículo é uma lista da história escolar e profissional de um candidato a emprego. Uma breve lista, de uma página.

“Esse aqui a gente entrega em todos os lugares. É o famoso ‘atira para tudo quanto é lado'”, mostra o operador de telemarketing Saulo Resende.

Nós hoje vamos analisar dois currículos e tentar encontrar maneiras de torná-los mais atrativos. Nós temos dois convidados: Saulo e Ângelo.

Primeiro, a idade deve ser colocada. Se uma empresa já decidiu que não quer contratar alguém acima ou abaixo de uma determinada idade, é melhor que o candidato nem seja chamado, para não perder nem o tempo dele, nem o tempo da empresa.

O currículo de Ângelo se compõe de três páginas. Junto, ele manda uma carta de apresentação. “Minha primeira impressão é que ele, como profissional de recursos humanos, acharia esse currículo um pouco exagerado”, opina Max Gehringer.

Saulo tem dois currículos: um de duas páginas e outro de uma página. Por que exatamente ele decidiu fazer dois currículos?

“O currículo mais resumido seria para ser entregue nas agências do dia-a-dia. O outro currículo seria para ser entregue já na mão do entrevistador”, explica Saulo.

“É uma medida inteligente. Eu diria que esse (com uma página) tem uma chance muito grande de ser lido. Quando você entrega o outro, com duas páginas e letrinha pequena, ele tem uma chance muito pequena de ser lido”, compara Max.

Liste as empresas da mais recente para a mais antiga, as datas de entrada e de saída e as funções que desempenhou.

“Saulo faz uma breve descrição de cada uma das coisas que fez. Ele foi operador de ‘tele retenção – encerramento de conta-corrente, onde era necessária a argumentação com o correntista, na tentativa de mantê-lo’. Não tenho nem idéia do que ele está querendo dizer nessa frase”, aponta Max.

Você começa a ler uma revista. Na segunda linha, você não está entendendo nada. Você volta para o começo e tenta entender ou você vira a página da revista?

“Eu volto para o começo e tento entender novamente”, diz Saulo.

“Eu viro a página da revista. E acho que a maioria das pessoas faz exatamente o que eu faço”, responde Max.

Você deve colocar a pretensão salarial? Não. Isso será discutido numa entrevista. Agora, liste os cursos que você fez. O interessante é pôr quantas horas eles duraram.

“Dois cursos foram de semanas”, responde Ângelo, que não enfatizou isso.

“Eu poderia entender, avaliando o currículo, que foi um curso de sábado de manhã. Das 8h às 11h, com duas horas de intervalo para cafezinho”, diz Max Gehringer.

Agora, os idiomas.

Saulo conta que “arranha” no inglês. “Por isso que eu nem salientei muito, para não soar meio falso”, justifica.

“Parabéns. Ele usou a palavra ‘básico’: ‘Meu inglês é muito básico’. Dizendo: ‘É muito ruim’. É melhor não colocar, para não correr o risco de alguém dizer ‘Muito bem’ e fazer uma pergunta em inglês. Aí, o entrevistado dá aquela travada”, ressalta Max.

“Erro de português é a pior coisa que pode acontecer num currículo”, alerta o diretor de recursos humanos Adriano Arruda.

O candidato deve sempre pedir para alguém dar uma revisada no currículo, para não correr o risco de uma palavrinha passar uma impressão errada.

Para que o currículo seja lido, é preciso que ele chame a atenção de quem vai ler. Mas como?

“Outra coisa importantíssima em currículo. Nem todo mundo que vai ler o currículo é jovem. Se puder, aumente um pouco o tamanho da letra”, aconselha Max Gehringer.

Outra coisa, antes de terminar: uma carta pessoal é um bom atrativo – uma carta bem simples, de um parágrafo.

Seria sempre bom o candidato dizer alguma coisa da experiência dele que tem a ver com aquela empresa. Por exemplo: se for um banco, porque a família tem conta nele faz 28 anos. Se não for nada disso, porque o nome daquela empresa foi a primeira palavra que ele aprendeu a pronunciar, antes mesmo de dizer “mamãe”.

“Eu reavaliei muitos pontos do meu currículo”, diz Ângelo.

“Mais uma revisada e Ângelo vai ter, provavelmente, um currículo de uma página, uma página e meia, com todas as informações num formato gostoso de ler”, garante Max. “Eu acho que daqui a algum tempo a gente volta a conversar, se Deus quiser, e vê os resultados que tudo isso deu”.

“Mesmo que você esteja trabalhando, feliz com seu trabalho, mantenha seu currículo sempre revisado e sempre muito bom, porque você nunca sabe quando uma nova oportunidade vai surgir e você vai encontrar o emprego da sua vida”, diz Adriano Arruda.

A chance de você ser chamado para uma entrevista, é claro, não vai ser de 100%. Mas ela será muito maior do que se você simplesmente mandar um currículo igualzinho a tantos outros.

Via: Fantástico

CONTINUE LENDO

Quer assistir ao PAN de graça?

Isso mesmo, resta uma chance de assistir o PAN com tudo pago! É simples, crie uma modalidade esportiva bem brasileira, que tem a cara, corpo e espírito competitivo do país e faça um vídeo dela sendo praticada, pode ser ginástica sobre o jumentinho ou algo que ache legal. Os 3 melhores ganham uma viagem cada.

O mais legal de tudo é que ainda dá tempo de participar e concorrer, não existem tantos vídeos na competição (que vai até o dia 30/06). Além disso, o freguês que entrar na competição receberá apoio do Buteco. Vamos divulgar seu vídeo e fazer campanha para conseguir vários votos. Tá esperando o quê, clique aqui e participe agora, a inscrição é rápida!

CONTINUE LENDO

Alguém tem medo disso?

Se você pensou que essa era uma daquelas doenças raras felizmente enganou-se. Esse site mostra várias técnicas de prótese e maquiagem para serem usadas em filmes. Algumas são incrivelmente reais, como:

O Frankenfish
Magrinha antes e gordinha depois.
Garganta cortada.
– Na mesa da autopsia.
Corpos congelados.
Criatura animatrônica.
Cachorro gordão.
Pé grande.

Compare preços de maquiagem para filmes

CONTINUE LENDO

Jackie Chan se machucando pra valer

Jackie Chan talvez seja um dos poucos atores que dispensa dublês em diversas cenas dos seus filmes, mas enquanto é divertido para o espectador é perigoso para o ator. Nesse vídeo você vê vários momentos em que ele se machucou pra valer nos filmes.

PS.: A imagem do post do barco foi atualizada. A imagem tinha sido reduzida automaticamente, agora está mais visível!

CONTINUE LENDO

Comidas exóticas vendidas pelo mundo

Sua mãe sempre reclama daquele dogão que você come na porta da faculdade ou do sanduba da padoca? Mostre esse post a ela e diga que você está passando bem demais.


Pizza de cone, made in Seoul.


Cabeça de peixe em conserva, achado em um mercado Asiático em Vancôver, Canadá


Feijão preto é muito gostoso, mas… queijo de feijão preto não deve ser tão saboroso.


Doce de salmão, encontrado em San Francisco. Alguém aceita?


Pulmão de vaca não parece ser nada saboroso…


Que tal uns aperitivos de insetos d´água gigantes na sua próxima festa?


Pão doce de porco para seu café da manhã


Que tal servir bolinhos de ova de caranguejo antes da cerveja?


Fritas de chocolate do Jimmy Neutron.


Que tal tomar um chá de alcachofra em lata?

Eu sei que comida exótica não é uma particularidade dos asiáticos e africanos, aqui no Brasil existe muita mistura. Se você quiser, mande sua foto para o Buteco, certamente renderá um ótimo post.

Pesquise livros de receitas exóticas.

CONTINUE LENDO

Adolescente faz cesárea em paciente para entrar no Guinness


Dr. K. Murugesan, à direita, sua esposa Gandhimathi e ao centro seu filho, Dhileepan Raj.

Um garoto de 15 anos, filho de um casal de médicos, realizou no sul da Índia uma cirurgia cesárea, filmada e supervisionada pelos pais, em uma aparente tentativa de ganhar um espaço no livro Guinness dos Recordes, como o mais jovem cirurgião do mundo. Por causa do episódio, o pai do menino poderá ter sua licença médica cassada e enfrentar acusações criminais, disseram funcionários do governo indiano.

O doutor K. Murugesan mostrou um videoteipe do seu filho, Dhileepan Raj, executando uma cesárea em uma paciente no estado sulista de Tâmil Nudu no mês passado, informou o doutor Venkatesh Prasad, secretário da Associação Médica Indiana (IMA, na sigla em inglês). O vídeo mostra Murugesan anestesiando a paciente.

“Nós ficamos profundamente chocados ao assistir a gravação,” disse Prasad à Associated Press, ao acrescentar que a IMA advertiu Murugesan que seu ato era uma violação ética e legal. Murugesan é dono e administra uma maternidade na cidade de Manaparai, informou Prasad em uma entrevista telefônica do local.

Murugesan, que poderá ser proibido de praticar a medicina e enfrentar acusações criminais por permitir e incentivar seu filho a conduzir a operação, não expressou nenhum arrependimento e acusou a associação médica de Manaparai de ter “ciúme” da façanha do seu filho, informou Prasad.

Infelizmente essa não é a primeira tentativa de fazer um menor entrar para o Guinness fazendo algo surpreendente. No ano passado, um menino de apenas 4 anos, Budhia Singh, tentou correr uma maratona de 70 quilômetros, em uma tentativa de entrar para o Guinness. Os médicos interromperam a maratona quando Budhia havia corrido 65 quilômetros e mostrava sinais de extrema exaustão. Mais tarde, os médicos descobriram que a criança sofria de stress cardíaco, desnutrição e anemia.

O bebê que Raj trouxe ao mundo na cesárea nasceu com uma protuberância na coluna vertebral, disse Prasad, mas acrescentou que o defeito nada teve a ver com a cirurgia realizada por um adolescente de 15 anos.

O secretário de Saúde do governo estadual, V.K. Subburaj, disse que o governo investigará o episódio. “Nós vamos ler e analisar o relatório. Definiremos quais foram as violações. À primeira vista, ocorreu uma enorme violação ética,” ele disse. “Nós com certeza tomaremos uma ação”, afirmou.

Pesquise revistas de medicina

CONTINUE LENDO

Fotos incríveis do acidente de Kubica na F1

(clique para ampliar)

A célula de sobrevivência evitou o pior, e Kubica teve apenas uma torção no tornozelo. Ele escapou graças à resistência da célula de sobrevivência, que agüenta impactos de até 25 toneladas.

A célula de sobrevivência é feita para agüentar fortes impactos como o do acidente de Robert Kubica no GP do Canadá. A estrutura é formada por várias camadas de fibra de carbono e uma de alumínio, suporta até 25 toneladas.

Colaboração do Daniel Costa (por e-mail)

CONTINUE LENDO

Homem-Gato e Lagarto-Humano inauguram museu bizarro

A inauguração de um museu que vai expor itens bizarros reuniu os mais estranhos tipos nesta quinta em Nova York. Eles compareceram à abertura do Museu Acredite Se Quiser, baseado no programa de TV homônimo de grande sucesso no Brasil na década de 80. Entre os convidados de honra, personagens como o Homem-Gato e o Lagarto-Humano.

Veja mais fotos

Na verdade são Dennis Avner e Erik Sprague respectivamente, dois adeptos radicais da body modification que se submeteram a uma série de procedimentos cirúrgicos para mudar suas feições e ganharem traços animais.

Além dos dois, Lee Redmond, a mulher com as maiores unhas do mundo, segundo o Guinness, também esteve presente ao evento.

O nome do museu em inglês é Ripley’s Believe It Or Not! Odditorium, e segue o título original de programa apresentado durante muito tempo pelo ator Jack Palance

A iniciativa faz parte da empresa fundada por Robert Ripley, antropólogo americano que colecionava itens e histórias bizarras em suas viagens pelo mundo.

Ele morreu em 1949, mas seu legado tonou-se um negócio lucrativo com o programa de TV e a abertura de Museus temáticos pelos EUA.

CONTINUE LENDO