Pênis voadores interrompem entrevista de milionária virtual

A chinesa que ficou milionária reformando e vendendo terrenos no Second Life deixou alguns usuários com inveja. Durante uma entrevista com Anshe Chung, pseudônimo virtual de Ailin Graef, o palco foi invadido por diversos pênis voadores.

Ops, não sabe que raios é Second Life? Vou explicar, Second Life é um misto de jogo e comunidade virtual. Ele tem uma aparência que lembra um jogo 3D qualquer do PlayStation, mas não possui limitações. Uma vez dentro do ambiente (a inscrição é grátis), o usuário pode fazer qualquer coisa, de freqüentar festas e boates a transar com outros personagens virtuais. É também possível fazer compras dentro de SL, que tem até um dinheiro próprio, os Linden dólares. A Kaizen vai lançar uma versão em português, com cenários tipicamente brasileiros, como o Pão de Açúcar e o parque do Ibirapuera. “Queremos criar uma comunidade de usuários em língua portuguesa”, afirma Maurílio Shintati, executivo-chefe da Kaizen.

Voltando ao incidente…. dizem as fontes, que foi provocado por um grupo de usuários auto-intitulados griefers, algo como “pessoas que causam sofrimento”. Suas ações são destinadas a interromper cerimônias em mundos virtuais.

Ailin Graef, ou Anshe Chung em Second Life, ficou famosa no final de novembro, quando declarou ter ganho US$ 1 milhão comprando, reformando e vendendo terrenos virtuais para os usuários da comunidade. Assim, tornou-se a “primeira milionária real do mundo virtual”.

Ah, pra não perder o costume, tem o vídeo aí embaixo 🙂

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!